Parar de fumar auxilia na saúde e na higiene bucal

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Deseja parar de fumar mas não sabe ao certo como? Confira algumas dicas aqui!

Não é novidade que o hábito de fumar faz mal ao ser humano. Ele prejudica nossos pulmões, nossos sistema imunológico e traz muitas consequências. Por isso, parar de fumar é a decisão mais apropriada.

No entanto, parar de fumar não é algo fácil. É preciso muita determinação! Principalmente se for um vício mantido por anos. No entanto, é algo que faz bem ao paciente em todos os âmbitos da saúde.

Parar de fumar é uma decisão importante e que, infelizmente, tem que partir da própria pessoa. Existem diversos métodos para acabar com o hábito, mas é preciso entender qual faz mais sentido para você.

O cigarro é formado por mais de 4.500 complexos químicos como arsênico, amônia, sulfito de hidrogênio e cianeto hidrogenado. Essa é apenas uma das razões pelas quais o tabagismo é algo tão ruim!

Ele também possui folhas secas de tabaco em sua composição. Esta característica, por sua vez, é a responsável pela morte de metade dos usuários.

Por ano, segundo dados da Folha informativa, mais de 8 milhões de pessoas morrem por conta do fumo, sendo 7 milhões de usuários diretos do tabaco, e mais de 1 milhão de fumantes passivos.

Sendo assim, o tabagismo, que nada mais é do que o consumo compulsivo que causa dependência do tabaco, é algo que faz muito mal à saúde de seus usuários e de quem convive com eles.

Neste artigo nós iremos falar mais sobre o cigarro, bem como quais são os benefícios de parar de fumar e também o mal que tal vício traz. Vamos começar?

Quais os Benefícios Que Parar de Fumar Traz Para a Pessoa?

Quando falamos no lado bom de parar com esse hábito, normalmente associamos à saúde como um todo e na menor chance de desenvolver ou agravar doenças.

Sendo assim, e tendo em vista a saúde do nosso corpo, os benefícios que a quebra do hábito de fumar traz podem ser divididas em quatro principais pontos que possuem vantagens individuais:

  1. Benefícios imediatos e de longo prazo;
  2. Pessoas que desenvolveram problemas de saúde por causa do tabagismo;
  3. Diminuição no risco de doenças em crianças fumantes passivas;
  4. Outros benefícios à saúde do corpo de forma geral.

Imediatos e a Longo Prazo

  • No intervalo de 20 minutos, tanto o ritmo cardíaco quanto a pressão arterial abaixam;
  • Em 12 horas, o monóxido de carbono presente no sangue desce para o valor normal;
  • Entre duas e 12 semanas, melhora tanto a circulação sanguínea quanto a função do pulmão;
  • De um a nove meses tanto a tosse quanto a falta de ar começam a diminuir;
  • Quando completa um ano, o paciente tem metade da chance de desenvolver uma doença coronariana, quando comparado a um fumante;
  • Quando completa cinco anos, o risco de um AVC diminui para o de um não fumante (aqui entretanto esse valor diminui cada vez mais no período de cinco e 15 anos após o vício ser combatido);
  • Em 10 anos o risco de desenvolver câncer de boca, ou de pulmão, garganta, bexiga, esôfago, pâncreas e colo do útero, diminuem pela metade em relação a um fumante;
  • E em 15 anos, o risco de desenvolver doença cardíaca cardíaca coronária se torna igual ao de uma pessoa que não é fumante.

Benefícios Para Pessoas que Já Desenvolveram Problemas de Saúde

Pessoas que param de fumar, mesmo já tendo desenvolvido problemas, possuem vantagens na expectativa de vida quando são comparados à fumantes.

Sendo assim, podemos dividir pelo ano em que o paciente para de fumar, sendo da seguinte forma:

  • Quando se para perto dos 30 anos de idade o paciente ganha praticamente 10 anos de expectativa de vida;
  • Aos 40 anos: somam-se nove anos à expectativa de vida;
  • Por volta dos 50 anos: são mais seis anos de expectativa de vida;
  • Aos 60: ganham-se três anos na expectativa de vida.

Mas, em contraponto, se o paciente para de fumar assim que recebe o diagnóstico de uma doença que possui risco de morte, o benefício é rápido.

E isso se dá principalmente pelo fato de que pessoas que acabam com o vício após sofrer um ataque cardíaco diminuem pela metade a chance de ter um outro infarto.

Redução do Risco de Doenças em Fumantes Passivos

Esse pode ser considerado um ponto auto explicativo.

Ou seja, como o próprio nome já diz, quando uma pessoa para de fumar, o risco de que crianças fumantes passivas desenvolvam doenças respiratórias como a asma, por exemplo, e infecções de ouvido são menores.

Sendo assim, podemos considerar que este é um benefício para as pessoas que estão ao redor de quem fuma.

Outras Vantagens Para a Saúde

Ainda falando da saúde como um todo, podemos elencar outras vantagens que não fumar possui:

  • Diminui as chances da impotência sexual;
  • Reduz dificuldades para engravidar;
  • Evita partos prematuros, bem como o nascimento de bebês com pouco peso, e também abortos espontâneos.

E ao todo, podem ser elencadas 23 vantagens que abandonar esse vício traz. Confira:

  1. O ritmo cardíaco melhora;
  2. A temperatura normaliza;
  3. A quantidade de nicotina no corpo é reduzida, até um ponto onde ela se torna ausente;
  4. O oxigênio aumenta;
  5. O risco de possuir um ataque cardíaco é menor;
  6. A sensibilidade aumenta, principalmente olfato e paladar;
  7. Antioxidantes protetores do organismo melhoram;
  8. A circulação de sangue se normalizam;
  9. O paciente começa a ter um fôlego extra;
  10. Diminui o risco de ataque cardíaco;
  11. O sistema imunológico melhora;
  12. Aumenta a calma da pessoa;
  13. Ocorre uma normalização da funcionalidade pulmonar;
  14. Diminuição no risco de doenças cardíacas;
  15. Chance de AVC diminui;
  16. Risco de desenvolver câncer é reduzido;
  17. Os mais diversos riscos como doenças arteriais e arritmias, por exemplo, diminuem;
  18. Ocorre uma melhora na atividade sexual;
  19. A fertilidade recebe melhora;
  20. Retardamento do envelhecimento facial e aparição de rugas, tendo em vista que o cigarro ajuda no envelhecimento antes do tempo;
  21. Os dentes ficam mais brancos e o hálito se torna mais fresco;
  22. Possibilidade de viver mais;
  23. Maior proteção a quem está perto, tendo em vista que ser fumante passivo também oferece riscos à saúde.

Desse modo, podemos afirmar, com toda certeza, que o cigarro não possui vantagens, mas apenas desvantagens para a saúde.

Quais os Males que o Hábito Causa na Saúde Bucal? Quais São?

Como citamos anteriormente, o cigarro causa diversos problemas para a saúde do nosso corpo.

Entretanto, não podemos deixar de lado as questões da saúde bucal, tendo em vista que a boca e os seus componentes também são afetados por esse hábito.

Sendo assim, o problema mais preocupante que podemos elencar, e que pode ser resultado do fumo, é o câncer na boca. Além dele, podemos elencar também:

De tal maneira, é importante que o paciente que comece a apresentar quaisquer problemas pare de fumar. Afinal, não apenas a sua higiene bucal melhorará, mas também a saúde como um todo.

Como Parar de Fumar?

Para responder esse questionamento, podemos iniciar por dois pontos de partida: como parar de fumar de uma vezcomo parar de fumar gradativamente.

Uma possibilidade para quem deseja parar com o vício é o cigarro eletrônico, que entre outras coisas possui menos nicotina e substâncias tóxicas do que o cigarro comum.

Entretanto, ainda assim ele possui substâncias nocivas.

Existem outras maneiras para acabar com o vício. E para conseguir de fato isso, o aconselhado é que a pessoa conte com algum tipo de ajuda.

Essa ajuda pode ser tanto para reconhecer os males que o cigarro traz ou para de fato acabar com o vício.

Uma das maneiras mais conhecidas para parar com o hábito é o mnemônico, que nada mais é do que um auxiliar de memória, chamado de START.

A sigla é em inglês, possuindo um verbo para cada letra, mas ele é caracterizado da seguinte forma:

  • S (Set): definir uma data parar com o vício;
  • T (Tell): dizer para as pessoas ao redor, sejam amigos e familiares, que pretende largar o hábito;
  • A (Anticipate): planejar com antecedência, e até antecipar em certos pontos, como será a dificuldade da interrupção do vício e a abstinência do cigarro;
  • R (Remove): retirar todo e qualquer cigarro ou produtos que possuam tabaco dos locais como casa, carro, trabalho e onde mais pode ter algum desses produtos;
  • T (Talk): conversar com o médico e pedir ajuda para interromper o vício.

O médico, por sua vez, pode prescrever medicamentos que reduzem o desejo pelo cigarro e que amenizam os sintomas da abstinência, que são:

  • Insônia;
  • Sensação de estar constantemente irritado, ansioso ou então inquieto;
  • Acessos de frustração ou raiva;
  • Dificuldade para pensar claramente.

Existem Outras Indicações Para Conseguir Abandonar o Cigarro?

Também podem ser elencadas as seguintes medidas para abandonar o vício:

  • Começar a praticar algum exercício físico;
  • Ficar longe de fumantes ou então não ir à locais que sejam associados ao tabagismo;
  • Se amigos ou familiares fumam, pedir que eles parem também (isso pode ajudar bastante também);
  • Andar com chiclete, algum doce ou algo que pode ser colocado na boca caso sinta vontade de fumar;
  • Por último, mas não menos importante, não desistir mesmo que volte a fumar algumas vezes.

É normal que pessoas que tem o hábito de fumar tenham algumas recaídas e tentem mais de uma vez antes de alcançar êxito nesse difícil missão.

Contudo, agora que você já sabe, que tal parar de fumar e evitar problemas relacionados à saúde bucal?

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.