O que é profilaxia dentária e como é realizada pelo dentista?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Complemento essencial para manter a saúde bucal, a profilaxia dentária deve ser feita de 6 em 6 meses

Aposto que você já ouviu o ditado “prevenir é melhor que remediar”, estou certo? E quando falamos de saúde esse provérbio popular se intensifica. Na odontologia, essa cautela acontece a partir dos tratamentos preventivos, sendo um dos principais a profilaxia dentária.

A saúde bucal tem influência direta na vida das pessoas. Criamos o hábito de realizar a higiene bucal, mas somente a limpeza diária não é suficiente para deixar nossa boca saudável. É aí que a profilaxia dentária entra em ação!

Profilaxia dentária é uma limpeza geral realizada pelo dentista, onde os dentes são raspados, alisados e polidos. O objetivo do procedimento é a remoção da placa bacteriana, tártaro e manchas nos dentes.

Desse modo, é possível realizar a prevenção de doenças gengivais e deixar os dentes esteticamente mais bonitos.

Quando os dentes estão polidos é mais difícil ocorrer o acúmulo de placa bacteriana, bem como o biofilme dentário, que é a principal causadora do tártaro e pode desenvolver cárie nos dentes.

A profilaxia dental também é uma oportunidade do dentista sinalizar ao paciente as partes da boca onde a higiene está mais precária, explicar como realizar a escovação corretamente e fazer o uso do fio dental.

  1. Passo a Passo da Profilaxia Dentária
  2. O Procedimento Pode Ser Realizado em Quem Usa Aparelho?
  3. Quanto Tempo Dura o Procedimento?
  4. Quanto Custa o Procedimento?
  5. De Quanto em Quanto Tempo a Profilaxia Dentária Deve Ser Feita?
  6. O Que Acontece se Não Fizer a Profilaxia?
  7. Principais Doenças Causadas Pela Negligência
  8. Importância de Manter uma Higiene Bucal em Dia

Passo a Passo da Profilaxia Dentária

A profilaxia é realizada em três passos.

Dessa forma, a profilaxia dentária passo a passo é realizada da seguinte maneira:

  1. Tartarectomia ou raspagem;
  2. Aplicação de bicarbonato ou jateamento; e
  3. Aplicação do flúor.

Curiosidade: é durante esse procedimento que o profissional utiliza a pasta profilática. Ela é um creme abrasivo utilizado durante procedimentos de limpeza.

Além disso, é importante saber que essa pasta profilática é um material usado pelos profissionais apenas no consultório. Dessa forma, para manter os efeitos do procedimento em casa você utiliza outro tipo de pasta.

Vamos conhecer mais um pouco sobre cada uma dessas etapas. Confira!

Tartarectomia

A tartarectomia ou raspagem é o procedimento feito depois do momento em que a remoção do tártaro passa a ser impossível apenas com a utilização da escova de dentes.

Desse modo, o dentista utiliza equipamentos bem específicos, como algumas curetas e um aparelho de ultrassom para realizar uma raspagem e conseguir a extração.

Aplicação de Bicarbonato ou Jateamento

A aplicação de bicarbonato ou jateamento corresponde a parte do processo que envolve a lavagem dos dentes com água pressurizada, bicarbonato de sódio e jato de bicarbonato.

A intenção é remover a placa bacteriana e prevenir problemas gengivais. Esse passo também contribui para o polimento e alisamento do dente.

Aplicação do Flúor

A aplicação do flúor corresponde a última etapa da profilaxia dental. Através da aplicação do flúor, os dentes ficam mais fortes e protegidos. Ele devolve o frescor e ainda faz com que os dentes sejam remineralizados.

O Procedimento Pode Ser Realizado em Quem Usa Aparelho?

Profilaxia Dentária Pode Ser Realizado em Quem Usa Aparelho?

A resposta para essa pergunta é sim! Devemos realizar a profilaxia dentária com aparelho.

É fato que os hábitos e cuidados de quem utiliza aparelho ortodôntico são diferentes.

O aparelho dental faz com que o acúmulo de resíduos e comida seja ainda maior. Nesses casos, profilaxia dentária com aparelho é possível e extremamente importante.

O processo é realizado da mesma forma que em pacientes não ortodônticos. Além das etapas comuns, é usado também o passa fio para corrigir e acertar a utilização do fio dental.

Assim, o aparelho ortodôntico não impede que a pessoa realize o tratamento.

É indicado que o tratamento seja realizado de 6 em 6 meses. Caso haja um acúmulo anormal de placa bacteriana e tártaro, o dentista pode recomendar que o intervalo de tempo entre as consultas seja menor.

Por outro lado, em casos onde o acúmulo é baixo, recomenda-se que o paciente realize a limpeza 1 vez por ano.

Depois de entender a importância da profilaxia dentária, procure seu dentista de confiança e marque a próxima consulta.

Quanto Tempo Dura o Procedimento?

Quanto Tempo Dura a Profilaxia Dentária

O procedimento é realizado em menos de 2 horas. Ou seja, pode ser finalizado em 30 minutos ou 1 hora.

Por isso, não há desculpa!

Todas as etapas são realizadas de forma muito rápida e não tomam muito tempo do seu dia.

Quanto Custa o Procedimento?

Quanto Custa a Profilaxia Dentária

O preço do procedimento vai variar de acordo com o local escolhido para ser realizado. Dessa forma, ele pode custar de 200 reais a 1.000 reais. Tudo depende do local e de quem fará o procedimento.

Curiosidade: antes de realizar a limpeza dentária, confira se você tem um plano odontológico.

Mas, o que é o plano? Bom, a resposta é simples: ele é um plano de assistência com a finalidade de compartilhar o valor total de um procedimento. Dessa forma, o plano pode cobrir o valor total ou parcial da despesa.

Por isso é importante conferir se você tem acesso ao plano. Além disso, entre em contato com a seguradora e veja se ela cobre o procedimento e em quantos por cento.

Te Ajudamos a Escolher um Plano Odontológico!

Se você ficou interessado em adquirir um plano, então siga as nossas dicas. Assim, você consegue escolher a melhor assistência.

Bom, escolher um plano pode ser dar um pouco de trabalho por ser uma decisão muito importante. Além disso, você precisa listar diversos fatores antes de contratar algum ideal para você.

Entre as principais questões que devem ser debatidas, estão:

  • Para quantas pessoas o plano dentário fará cobertura;
  • Quantas vezes você vai ao seu dentista de confiança;
  • Qual o valor médio dos procedimentos que você normalmente realizada;
  • Quais procedimentos o plano cobre;
  • Qual o custo do plano dental;
  • Procurar por referências.
  • Qual a cobertura do plano;
  • Ver se o plano exige uma autorização prévia antes da realização de qualquer procedimento;
  • Quais modalidades são disponibilizadas;
  • Conferir, em especial, se procedimentos estéticos são aceitos no plano;
  • Conferir as avaliações disponíveis sobre os planos odontológicos;
  • Verificar se eles estão registrados e ativos na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS);
  • Ver qual a abrangência geográfica do plano; e
  • Checar qual o período de carência.

Importante: antes de escolher definitivamente qual será o seu plano, você precisa ler o contrato da seguradora e se informar com um profissional especializado em planos.

Assim que você definir qual é o plano, é importante ver se você consegue realizar o procedimento de limpeza com a assistência. Com isso, você é capaz de equilibrar os custos.

De Quanto em Quanto Tempo a Profilaxia Dentária Deve Ser Feita?

De Quanto em Quanto Tempo a Profilaxia Dentária Deve Ser Feita?

Os efeitos do procedimento de limpeza duram 6 meses. Por isso, os profissionais recomendam que os pacientes voltem a cada 6 meses no consultório para passarem pela profilaxia dentária.

O Que Acontece se Não Fizer a Profilaxia?

O Que Acontece se Não Fizer a Profilaxia?

Quando você não realiza a profilaxia, a sua saúde bucal tem um declínio. Com isso, muitas alterações podem se manifestar na boca, como:

  • Mau hálito;
  • Concentração de saburra lingual;
  • Acúmulo de placa bacteriana;
  • Cárie;
  • Doenças periodontais;
  • Dente podre;
  • Retração gengival;

No próximo tópico falaremos um pouco mais sobre cada uma dessas alterações.

Principais Doenças Causadas Pela Negligência

Principais Doenças Causadas Pela Negligência

Como acabamos de ver, algumas alterações se manifestam quando não fazemos a profilaxia. Por isso, vamos entender mais sobre elas. Confira!

Mau hálito

O mau hálito é o cheiro desagradável que uma pessoa exala pela boca. O hálito indesejável também carrega o nome de Halitose.

Concentração de Saburra Lingual

A saburra lingual é a secreção com coloração esbranquiçada ou amarelada. Ela fica localizada bem no dorso da língua, onde são encontradas as papilas gustativas.

Ela é uma crosta que fica formada na língua quando não fazemos a higienização dessa área de forma adequada. Ela é composta por:

  • Restos de alimentos;
  • Células descamadas da cavidade bucal;
  • Bactérias; e
  • Muco da saliva.

A junção de todos esses compostos causa a crosta e consequentemente o odor desagradável na boca.

Acúmulo de Placa Bacteriana

O acúmulo de placa bacteriana também é conhecido como tártaro. Dessa forma, o tártaro é a forma endurecida de uma placa bacteriana que se acumula nos dentes.

Ele tem uma coloração em tons de amarelo ou marrom. Pode ser encontrado na base dos dentes ou entre eles.

Se não for removido, o tártaro no dente pode irritar e inflamar a região da gengiva, provocando inchaço e vermelhidão. Dores e sangramentos são alguns dos sintomas mais comuns.

Existem dois tipos de ocorrência do problema:

  • Supragengival; e
  • Subgengival.

O supragengival é localizado acima da borda da gengiva e não apresenta dificuldades para ser identificado. Possui coloração amarelada, esbranquiçada ou em tons mais escuros.

Enquanto isso, o subgengival é localizado abaixo da borda da gengiva e não pode ser identificado em um exame visual. Possui coloração mais próxima aos tons de verde e preto.

Cárie

Os dentes cariados, ou sejam aqueles com cárie dentária, são caracterizados por terem um tipo de lesão estrutural que compromete o elemento dentário. A lesão chega perfurar o esmalte dentário e tem como principais sintomas:

  • Aparecimento de mancha escura e placas duras e pretas; e
  • Dor ao morder.

Assim como as doenças periodontais, a lesão também é causada pelo acúmulo de bactérias. Os principais tipos de cárie são:

  • Cárie coronária: ela é a forma mais recorrente de cárie. Essa lesão pode ocorrer tanto na fase adulta como na fase infantil. Elas são mais recorrentes na área entre os dentes e nas áreas de superfície onde há mastigação;
  • Cárie radicular: ela é a forma mais frequente em pessoas com idade mais avançada. Isso acontece porque quando envelhecemos, a gengiva se retrai e, consequentemente, deixa as raízes do dente visíveis. Assim que a raiz do dente perde a cobertura do esmalte, essa área se deteriora de forma muito mais rápida. Assim, as bactérias se proliferam e causam o aparecimento da cárie; e
  • Cárie recorrente: ela é a forma mais frequente em áreas ao redor de restaurações e nas partes mais expostas dos dentes, como as coroas dentárias.

Doença Periodontal

As doenças na gengiva são exemplos de fatores que causam o odor estranho na boca. Elas também podem ser chamadas de doenças periodontais – alterações que comprometem a área da gengiva até o osso alveolar.

As doenças periodontais são divididas em:

  • Gengivite;
  • Periodontite; e
  • Periodontite avançada.

Cada uma delas representa um estágio da inflamação na gengiva. Dessa forma, a gengivite é o estágio mais leve por ser inicial. Enquanto isso, a periodontite avançada representa o estágio mais agressivo.

As fases da doença na gengiva são iniciadas pelo acúmulo de bactérias na boca.

Com isso, esses microrganismos se concentram e se desenvolvem dentro da boca. Com o acúmulo e a falta de higiene oral, elas se proliferam e vão piorando os sintomas.

Mas quais são os sintomas das alterações na gengiva? Bom, a resposta é simples. Eles são:

  • Gengiva inchada;
  • Vermelhidão intensa das gengivas;
  • Sangramento ao escovar os dentes ou passar o fio dental;
  • Dor e sangramento da gengiva ao mastigar;
  • Acúmulo de placa dental;
  • Manchas no esmalte e dentina;
  • Os dentes parecem mais longos, porque a gengiva fica retraída;
  • Mau hálito e gosto ruim na boca; e
  • Nos casos mais graves pode haver sangramento espontâneo da gengiva.

Dente Podre

O dente podre é o elemento que apresenta danos irreparáveis. Além disso, também pode representar o elemento no qual não será possível ser reabilitado com tratamento e por isso vai durar por um curto período.

Na maioria dos casos, os principais quadros encontrados pelos profissionais da área são:

  • Dentes com grandes perdas ósseas: essa perda impede que o dente tenha suporte. Dessa forma, ele não consegue se manter firma durante atividades como a mastigação e vai perdendo força até apodrecer;
  • Dentes nos quais a cárie chegou ao nível das raízes: quando a lesão acomete a raiz, o dente perde todo o apoio e suporte. Dessa forma, tem o mesmo destino dos dentes com perdas ósseas; e
  • Dentes com extensas restaurações ou trabalhos protéticos: o dente fica podre quando algum local é fraturado no processo de aplicação da restauração ou prótese.

Retração gengival

A retração gengival é uma doença que afeta o tecido epitelial e ocasiona a diminuição da cobertura dos dentes feita pela gengiva.

Na maioria das vezes, esse problema é desencadeado por traumas na gengiva (como a aplicação de muita força durante a escovação) e o acúmulo de bactérias nos dentes.

Além disso, existe a possibilidade de a retração ser uma questão genética ou consequência de outras das doenças.

Os principais sintomas manifestados pelos pacientes com a retração da gengiva são:

  • Dentes sensíveis;
  • Dor;
  • Sangramento durante escovação ou ao passar fio dental;
  • Vermelhidão e sensibilidade;
  • Mau hálito; e
  • Perda dos dentes (em casos mais graves).

Importância de Manter uma Higiene Bucal em Dia

Importância de Manter uma Higiene Bucal em Dia

Antes de começar o último tópico, vamos relembrar informações importantes deste artigo:

  1. O que é profilaxia dentária?
    A profilaxia dentária é uma limpeza geral realizada pelo dentista, onde os dentes são raspados, alisados e polidos. O objetivo do procedimento é a remoção da placa bacteriana, eliminação de tártaros e manchas nos dentes.
  2. Quais são os passos do procedimento de profilaxia?
    A profilaxia é realizada em três passos: tartarectomia ou raspagem, aplicação de bicarbonato ou jateamento e aplicação do flúor.
  3. Quanto tempo dura o procedimento?
    O procedimento é realizado em menos de 2 horas. Dessa forma, pode ser realizado em 30 minutos ou 1 hora.
  4. De quanto em quanto tempo deve ser realizado?
    Os efeitos do procedimento de limpeza da cavidade bucal duram por volta de 6 meses. Por isso, os profissionais recomendam que os pacientes voltem a cada 6 meses para realizarem a profilaxia dental no consultório.

Pronto! Agora vamos comentar sobre a importância de ter uma higiene bucal em dia.

Bom, a questão é simples: com a manutenção da higiene bucal, você garante que cada elemento bucal esteja saudável. Além disso, você promove a estética deles.

Com isso, você fica com o sorriso bonito e saudável. Mas, como devemos fazer a higiene? Vamos descobrir! Com isso, vamos falar sobre:

  • Cuidados básicos;
  • Cuidados complementares; e
  • Importância da alimentação.

Cuidados Básicos

Para os cuidados básicos você deve prestar atenção em duas etapas: uso do fio dental e escovação dos elementos bucais.

Na etapa do fio dental, você deve pegar o fio e passar o mesmo entre os dentes. Isso é ideal para você conseguir retirar resíduos, microrganismos e sujeiras de espaços que são difíceis de serem alcançados pela escova.

Depois de ter passado o fio dental, chegou a hora da segunda etapa: escovar os elementos bucais. Os profissionais recomendam que a escovação deve ter feita meia hora depois da última refeição.

Os movimentos durante o processo devem abranger todas as faces dos dentes. Dica: pegue a escova e faça movimentos circulares, constantes e suaves.

Além dos dentes, não podemos esquecer de escovar a língua. Realize o movimento de trás para frente.

Importante: para a escovação, opte por escovas com cerdas macias ou extra macias, uma vez que elas diminuem riscos de traumas. Você consegue comprar em farmácias ou mercados.

Pacientes com aparelho podem utilizar a escova interdental.

Por último, não exagere no creme dental. Isso porque o creme dental em grandes quantidades faz com que a potência da fricção entre o dente e escova diminua.

Dessa forma, a limpeza não é realizada da forma mais adequado.

Como Limpar a Língua?

Para limpar a língua, você pode usar alguns instrumentos muito eficazes.

O raspador de língua, por exemplo, é uma ferramenta de higiene bucal. Ele serve para retirar a crosta branca (saburra lingual) que se forma na língua quando não limpamos ela de forma adequada.

Curiosidade: a saburra lingual é a secreção branca ou amarela que fica localizada no dorso da língua, bem nas papilas gustativas.

O uso do raspador de língua é realizado a partir das seguintes etapas:

  1. Utilize o raspador após a escovação. Dessa forma, ao passar o raspador após escovar os dentes, você garante que nenhuma sujeira fique acumulada na língua;
  2. Além disso, lembre-se de realizar movimentos como se você estivesse varrendo a língua. O movimento deve ser realizado sempre de trás para frente;
  3. Ainda, você pode usar sprays específicos caso o seu dentista recomende. Isso porque esses sprays ajudam na hora da limpeza bucal. No entanto, eles devem estar acompanhados do raspador para garantirem a eficiência.

Além do raspador, os profissionais da área da odontologia também indicam outra ferramenta bastante semelhante: o limpador de língua.

O uso do limpador é realizado da mesma forma que o raspador de língua. A diferença dos dois instrumentos é que o limpador tem cerdas na ponta.

Cuidados Complementares

Além dos cuidados básicos, você também precisa ficar atento para os cuidados complementares.

Por isso, opte pelo uso do enxaguante bucal logo depois da escovação e de passar o fio denta. Isso porque ele é uma substância que ajuda no controle de microrganismos.

Dessa forma, você consegue completar a limpeza na boca.

Os enxaguantes mais utilizados pelos pacientes são:

  • Enxaguante bucal com álcool;
  • Enxaguante bucal sem álcool;
  • Enxaguante bucal com flúor; e
  • Enxaguante bucal antisséptico.

É importante saber que é o seu dentista que recomenda e indica o melhor tipo de enxaguante para o seu quadro clínico.

Dessa forma, o profissional consegue passar certas informações para o paciente conseguir prosseguir com o uso da substância de forma adequada.

Além disso, é ideal que você coloque uma quantidade de no máximo 20 ml na boca e depois realize um bochecho por, em média, 30 segundos. No entanto, lembre-se de não engolir!

Por isso, faça o bochecho e depois cuspa o enxaguante na pia.

Fique Atento à Alimentação!

O açúcar, que promove o acúmulo de placa bacteriana, está em muitos alimentos, por isso devemos ficar de olho na nossa alimentação. A melhor alternativa é uma dieta regulada.

O equilíbrio é essencial, por isso opte por alimentos que são naturais. Você não precisa parar de comer alimentos que são industrializados, mas o melhor caminho é evitar consumir muito desses alimentos.

Fique atento e consuma bastante vitaminas e nutrientes. Por último, lembre-se de se manter hidratado. Dica: carregue uma garrafa de água sempre com você. Por isso, coloque na bolsa para não esquecer.

Pronto! Agora, que tal marcar uma consulta com o dentista de confiança? Dessa forma você pode pedir por mais recomendações e já marcar o seu procedimento de profilaxia dentária.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!