Concurso para Odontolegista: como se preparar?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Saiba mais sobre o concurso para odontolegista e como se preparar para a prova

Com o passar dos anos, algumas novas áreas de atuação do dentista foram se desenvolvendo, como é o caso da Odontologia Legal. Mas para atuar nesse ramo, é necessário fazer um concurso para odontolegista.

Contudo, essa é apenas uma das formas de atuação que o concurso para odontolegista possibilita. Por isso, neste artigo nós iremos explicar tudo sobre essa prova e falar um pouco mais sobre a profissão!

O concurso para odontolegista para os que desejam realizar perícias, como também para a polícia de todo o Brasil. Sendo assim, é necessário muito empenho e dedicação por parte do profissional.

E para ter mais chances de passar no concurso, ele pode procurar cursos de especialização em odontologia legal e até estudar artigos da literatura nacional e internacional que abordam esse tema.

Além disso, um fator diferencial, e que também pode auxiliar o dentista que deseja realizar essa prova, é estudar a medicina legal.

Dessa maneira, é possível que se familiarizar com diversas perícias médico-legais, e com a parte da genética forense. É válido pontuar que ainda não existem muitos concursos no país.

Afinal, foi somente após a aprovação da Lei 12.030/09 que o cargo foi reconhecido como perito odontolegista oficial, fazendo com que as provas para a área fossem criadas.

Agora, se você deseja saber mais sobre esse teste e como se preparar, confira em nosso artigo! Vamos lá?

Existe Um Concurso Principal concurso Para Odontolegista?

Quando falamos sobre os principais concursos previstos para odontolegista, é impossível não mencionar o concurso da Polícia Civil e o concurso da Polícia Federal.

Além de ser os locais de trabalho mais procurados pelos odontologistas, estes são também os mais bem remunerados, ponto que falaremos melhor mais adiante.

Mas o dentista também pode prestar para as seguintes áreas, dependendo do Estado em que ele vive:

  1. Polícia Científica;
  2. SESP (Secretaria do Estado de Segurança Pública e Administração Penitenciária).

De toda maneira, independente de qual for a área que você irá prestar, fique atento a data de inscrição para o concurso para odontolegista 2020.

Afinal, não existe nada pior do que se preparar para uma prova, mas acabar perdendo a data de inscrição, e, consequentemente, não realizá-la.

Sendo assim, fique de olho nos sites da Polícia Federal e Civil, bem como da Polícia Científica e da SESP, acompanhando os editais para se inscrever.

Contudo, não é possível afirmar em qual data os editais saem ou então se já saíram, e por isso é necessário estar sempre atualizado.

E lembre-se que o número vagas para perito legista, onde o odontolegista se encaixa junto de profissionais da área da medicina, farmácia e bioquímica também, sofre alterações dependendo do Estado.

Para ilustrar, trazemos o exemplo da Polícia Civil do Rio de Janeiro, que oferecem 54 vagas, e da Polícia Civil de Amazonas, que oferta apenas 3 vagas.

Dessa forma, para não ter nenhum problema futuro, a melhor opção é sempre acompanhar os editais.

Normalmente, a taxa de inscrição varia de R$120 e R$260.

Quanto ao gabarito da prova, ele sai dentro de alguns dias no mesmo site em que o dentista se inscreveu, permitindo ter uma ideia de como foi a sua participação.

No entanto, é válido ressaltar que cada questão tem pesos diferentes, então é necessário esperar o resultado oficial do concurso.

Etapas do Processo Seletivo

O processo de seleção pode variar conforme o concurso que o profissional fizer, mas normalmente ela é feita seguindo quatro passos, sendo eles:

  1. Prova objetiva;
  2. Prova discursiva;
  3. Avaliação de títulos;
  4. Curso de formação.

O último passo demora cerca de 3 meses para terminar, mas é somente após feito esse curso que o profissional pode então exercer a profissão.

Quais as Questões Comuns no Concurso Para Odontolegista?

Na grande maioria das provas, são cobrados os seguintes conhecimentos por parte do profissional:

  • Língua portuguesa;
  • Noções de informática;
  • Atualidades;
  • Noções de direito constitucional;
  • Raciocínio lógico;
  • Noções de direito penal bem como de direito processual penal também;
  • Conhecimentos específicos;
  • Noções de direito administrativo;
  • Conhecimentos odontológicos;
  • Noções de criminalística;
  • Legislações especiais.

Sendo assim, para obter a melhor preparação e se tornar um perito odontológico é aconselhado estudar estes temas para não ser pego de surpresa.

Mas podemos também elencar alguns pontos que podem ajudar na hora de estudar. Veja:

  • Tenha sabedoria e equilíbrio para se preparar da melhor forma possível;
  • Antecipe os estudos para não ser pego de surpresa, tendo em vista que nunca se sabe quando os editais serão divulgados;
  • Pense que cada hora de estudo é uma preparação à mais do que possíveis concorrentes;
  • Tenha foco no concurso desejado, prestando apenas um por vez;
  • Não se assuste caso tenham muitos participantes para a vaga, pois alguns sites apontam que a maioria deles não estuda;
  • Procure encontrar a melhor rotina de estudo para você, se organize e faça um planejamento de horários e tópicos a serem estudados por dia;
  • Lembre-se de descansar diariamente entre 6 e 8 horas e também de ter um lazer uma vez por semana ou durante partes do dia também;
  • Caso tenha dificuldade para estudar, faça cursos preparatórios para ajudar nisso;
  • Evite as redes sociais, pois elas tiram a atenção e o tempo;
  • Leia o edital com calma quando ele sair;
  • Revise todo o conteúdo e as suas anotações com pelo menos duas semanas de antecedência à prova;
  • Caso não seja aprovado na primeira vez, estude mais e tente novamente.

Seguindo essas dicas e estudando, é possível que você consiga alcançar o seu sonho de se tornar um odontolegista.

Quanto Recebe um Profissional de Odontologia Legal?

Muito se fala sobre a estabilidade financeira e o salário superior ao que recebem dentistas da rede privada.

Mas é válido ressaltar que esse não deve ser o fator que te leve q trabalhar na área de perícia odontológica.

Porém, ainda assim é um fator importante, normalmente começa com um salário em torno de R$8.972,53 por mês.

Ainda assim, existe uma diferença dependendo da área que o profissional seguir e também do Estado no qual ele trabalhará.

Contudo, é possível que os salários vão desde a faixa de R$5 mil até cerca de R$30 mil ao mês.

Mais Detalhes Sobre a Profissão

Por fim, iremos explicar um pouco mais sobre a profissão de odontolegista para aqueles que ficaram interessados.

O profissional dessa área normalmente está relacionado à perícia criminal odontológica, podendo atuar nos seguintes ramos:

Dessa maneira, ele possui um papel importante nas áreas cível, trabalhista e administrativa. Esse profissional também pode lidar com indenizações devido à erros realizados por outros cirurgiões dentistas.

Gostou de saber mais sobre o concurso para odontolegista? Então fique de olho nos sites e acompanhe os editais para fazer a prova e seguir a profissão dos seus sonhos!

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.