Saiba aqui como escovar os dentes do bebê

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Quando uma criança nasce, existem cuidados específicos que precisam ser tomados como a saúde bucal, surgindo a dúvida: como escovar os dentes do bebê?

A resposta para isso é simples. Existe uma área da odontologia voltada para recém-nascidos que ensina os pais como escovar os dentes do bebê e qual é a importância desse hábito.

A dúvida de como escovar os dentes do bebê surge principalmente em pais de primeira viagem, mas é algo de suma importância por ajudar na higienização.

A saúde bucal infantil é algo que precisa de atenção desde o nascimento, pois a prática proporciona benefícios à criança.

Esse processo para os pais incentivarem e ensinarem o filho sobre a importância de manter uma boa higiene intraoral durará pelo menos até os três anos de idade da criança.

O primeiro passo que deve ser dado para poder garantir isso é por meio do exame de pré natal odontológico, no qual a gestante irá tirar todas as dúvidas com o dentista.

Qual é a idade certa para começar a escovar os dentes do bebê?

A preocupação com a saúde bucal do seu filho deve começar mesmo ele tendo dias de vida, sendo algo necessário logo após o seu nascimento.

Podemos diferenciar os cuidados em quatro fases, sendo elas:

  1. Até seis meses de vida;
  2. De seis a 14 meses;
  3. Dos 14 meses aos três anos;
  4. Depois dos três anos.

É aconselhado começar a escovar os dentes do bebê dias após a saída da maternidade.

Mas quais são os cuidados com os dentes do bebê em cada fase?

Do nascimento até os seis meses de vida

Nesse momento, surge uma dúvida muito crucial que é: existe algum problema em escovar a gengiva caso o bebê não tenha dentes ainda? E como fazer?

Antes de tudo, é válido dizer que nessa idade o recém-nascido ainda não possui nenhum dente de leite.

Por isso, a limpeza da gengiva deve ser feita de forma delicada com o auxílio de uma gaze limpa e água pura, retirando o que sobra de leite materno na região.

A limpeza deve ser feita pelo menos uma vez por dia, mas sempre com muito cuidado e lembrando que o uso excessivo da gaze pode machucar a gengiva do bebê.

Esse procedimento deve ser feito até que o primeiro dente nasça.

Entre seis e 14 meses

Geralmente, nessa idade alguns dentes do bebê já nasceram ou ainda estão nascendo.

Assim, é aconselhado fazer a primeira consulta com um odontopediatra e mudar também a forma que será feita a higienização.

A gaze deve ser trocada por uma dedeira, mas o creme dental ainda não deve ser aplicado.

Aqui, a escovação já deve ser feita mais de uma vez por dia, já que o acúmulo de alimento ou de leite nos dentes pode gerar a cárie infantil.

Também é recomendado evitar que o bebê durma sem antes escovar o dente.

Dos 14 meses até três anos

Já nessa idade começa a transição entre os dentes de leite e os primeiros molares.

Aqui, já devem ser utilizados uma escova infantil e também uma pasta de dente, ambos sob recomendação do odontopediatra.

Um ponto importante é que o creme dental para os pequenos pode conter flúor ou não, mas é recomendado sempre seguir as indicações do odontopediatra.

De toda forma, é indicado que seja usado pouca pasta de dente, de forma a evitar que a criança engula o creme dental.

Caso ele ainda não tenha aprendido a cuspir, pode ser usada uma gaze com água para retirar o creme dental dos dentes.

Após os três anos

Essa é a fase na qual as crianças já sabem cuspir e podem começar a fazer a escovação de forma mais participativa.

A pasta de dente pode ser utilizada em quantidade um pouco maior do que antes, entretanto é aconselhado que ele não faça sozinho o processo para evitar engula o produto.

Neste período, pode-se aplicar cremes dentais com flúor, medida que serve para ajudar a combater a cárie infantil.

Mas é claro que também devem ser tomados cuidados específicos principalmente com a alimentação da criança.

Quais benefícios a aplicação dessa prática pode oferecer à saúde bucal da criança?

A primeira e mais essencial vantagem que essa prática propicia é que a criança pode, desde cedo, entender a importância de manter uma boa saúde bucal.

Existem outros pontos que podem ser oriundos desse hábito:

  • Prevenção de doenças;
  • Criação de rotina de limpeza;
  • Consciência sobre a saúde bucal desde cedo;
  • Boa relação com o hábito de escovar os dentes;
  • Melhor harmonia para ir ao dentista, evitando um possível medo de dentista.

São boas vantagens, não é mesmo? Por isso, não deixe de incentivar a higiene bucal do seu filho.

É necessário fazer o uso de produtos específicos?

Algumas dúvidas ainda podem surgir como: qual pasta usar em bebê de 1 ano? Ou então: qual é a melhor escova de dente para bebê?

Entretanto, é aconselhado que não sejam utilizados cremes dentais até que a criança tenha 14 meses de vida.

As escovas dentais por sua vez entram em jogo junto da pasta de dente, mas o recomendado é a utilização de escovas com cabeças pequenas e cerdas mais finas.

O aconselhado, contudo, é que sejam utilizados as linhas infantis de ambos os produtos.

Já o fio dental deve ser introduzido quando a criança passa a ter dois dentes vizinhos, garantindo a limpeza interdental.

Agora que você sabe como escovar os dentes do bebê, que tal marcar uma consulta com um odontopediatra para que ele ensine a melhor forma de cuidar da saúde bucal das crianças e de fazer o acompanhamento do quadro?

Ramiro Murad
Ramiro Murad
Ramiro Murad Saad Neto, cirurgião-dentista com registro no Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CRO-SP) nº 118151, é graduado pela UNIC e residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Possui habilitação em Harmonização Orofacial e também é gestor de clínicas e franquias odontológicas. Além disso, é integrante da equipe Bucomaxilofacial da Clínica da Villa, que está na Rua Eça de Queiroz, 467 - Vila Mariana, São Paulo - SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio
Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.
Agende uma consulta
Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

Simpatio 2021 © - Todos os Direitos Reservados

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.

Os conteúdos da Simpatio são escritos por jornalistas e possuem a supervisão e a aprovação de dentistas e de profissionais de saúde parceiros.