Nascimento dos dentes: como lidar com essa fase

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Confira algumas dicas para passar por essa etapa

Quando temos crianças em casa, cada etapa é importante e memorável. O nascimento dos dentes, por exemplo, indica que o seu bebê está se desenvolvendo.

É importante o acompanhamento de um profissional especializado na saúde bucal infantil nesse período. Assim, ele pode seguir todo o processo do nascimento dos dentes e indicará os melhores cuidados para o seu pequeno.

O nascimento dos dentes é a período no qual os dentes de leite começam a crescer. Na maioria dos casos, ele ocorre até os seis anos de idade.

Os dentes nascendo podem trazer algum incômodo para o bebê, justamente por ser uma fase nova. Por isso, fique atento e cuide do seu pequeno da melhor forma possível.

Conhecendo mais sobre os dentes de leite

Os dentes de leite são os primeiros dentes a  nascerem, ou seja, são o primeiro conjunto dentário existente. Eles começam a aparecer por volta dos seis meses.

E, é apenas com seis anos de idade que todos eles crescem e, então, começam a cair. O processo continua até a adolescência.

Os dentes decíduos, como também são chamados, são temporários. Eles servem como marcadores de posições para o futuro conjunto dentário permanente, que é mais forte.

O crescimento e queda dos dentes acontece de forma natural. Por isso, é preciso manter a calma e ficar sempre em dia com as visitas ao seu dentista para ver se o processo está ocorrendo de forma correta.

Ele pode usar o raio x panorâmico para acompanhar a dentição da criança.

Como acontece o nascimento?

O processo dos nascimentos do dente do bebê acontece da seguinte maneira: os quatro incisivos superiores são os primeiros dos dentes de leite a nasceram.

Os dois incisivos superiores e inferiores crescem, normalmente, entre o 6º e 16º mês. Eles são seguidos pelos dois caninos, logo no mês seguinte, e crescem até 22 meses. Os molares nascem entre os 13º e 33º mês. São oito molares, quatro no canto superior e quatro no canto inferior.

É a partir dos 6 anos de idade que os dentes de leite começam a cair. Mas, em alguns casos, as crianças podem apresentar dentes caídos aos 5 anos de idade.

Lembre: o processo do nascimento do dente da criança varia de criança para criança. Mas, agora vamos falar sobre quando os dentes começam a cair.

Entre os 6 e 8 anos, os incisivos são os primeiros a caírem. E entre os 10 aos 12 anos, os caninos e molares também caem de forma espontânea.

Os dentes de leite caem de forma rápida, fácil e natural. Logo depois da queda, os permanentes já começar a crescer, justamente porque são eles que empurram os de leite para fora.

Apesar de muitas crianças empurrarem os dentes de leite com a língua para caírem, é recomendável esperar que o dente caia completamente sozinho.

Dores por causa do nascimentos dos dentes, e agora?

É normal que os pequenos sintam dores no local em que os dentes estão nascendo. Isso porque essa área fica mais sensível, e como tudo é novo, o bebê pode ficar estressado.

Além disso, a gengiva pode ficar vermelha e inchada. Tudo isso coça. Por isso o bebê costuma colocar mais coisas na boca nessa época, para tentar coçar e aliviar a irritação na área.

Porém, temos uma solução: os mordedores! Eles aliviam a coceira e ainda ajudam no fortalecimento da dentição. Se estiverem gelados, a sensação de alívio é melhor.

Cuidados bucais dos pequenos

Depois da formação dos dentes, é necessário cuidados para a manutenção da saúde bucal.

A escovação é essencial. Horários como depois de acordar, depois das refeições e antes de dormir são importantes para escovar os dentes. Use escovas de cerdas macias e faça movimentos circulares e suaves.

Ainda, lembre de ter uma dieta balanceada e rica em nutrientes para fortalecer os dentes.

Use o fio dental pelo menos uma vez ao dia. Para completar a limpeza dos dentes e da boca, utilize enxaguantes antissépticos bucais caso seu dentista aprove.

Quando devo levar meu filho ao dentista?

Nunca é cedo demais para ir ao dentista, principalmente quando falamos da saúde bucal dos pequenos. Apesar de poder levar a criança em um dentista, é recomendado fazer visitas ao odontopediatra.

Esse profissional é especializado na saúde bucal infantil. Ele atende desde gestantes, bebês até adolescentes. O odontopediatra cuida com muita atenção dos dentinhos do seu filho. Por isso, procure por referências e contate um profissional de confiança.

É importante fazer visitas, assim você cria um vínculo com o profissional e fica mais preparado para cuidar da higiene oral do seu pequeno.

Além disso, o pequeno já começa a aprender sobre cuidados bucais e o odontopediatra pode acompanhar o desenvolvimento dentário da criança.

E não se esqueça de sempre fazer visitas regulares ao seu dentista de confiança. Assim, ele pode tirar todas as suas dúvidas sobre saúde, higiene bucal e nascimento dos dentes.

Juliana Peres

Juliana Peres

Graduada em Odontologia pela Universidade Cidade de São Paulo. Pós-graduada em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial pelo programa de residência profissional do Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos. Conhecimento na área de cirurgia oral menor e maior. Residente em cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial no Complexo Hospitalar Padre Bento durante 3 anos e responsável pelo atendimento de pacientes na área de clínico geral, cirurgias orais e harmonização orofacial em diferentes clínicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.