Roteiro de estudos para passar em concurso de odontologia

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Um roteiro de estudos bem organizado facilita muito a vida dos estudantes

Certamente, cada indivíduo possui uma forma particular e que considera como a mais produtiva na hora de estudar, mas quando se fala em concursos públicos ou em vestibulares de odontologia, sabemos que é preciso ter muita organização e disciplina para garantir a aprovação. Por isso, a confecção de um roteiro de estudos é uma das melhores alternativas.

Mas criar um roteiro de estudos para concurso, especialmente quando se trata da rotina agitada do cirurgião-dentista, não é uma tarefa fácil.

O roteiro de estudos é um cronograma criado para organizar melhor uma rotina, seja diária, semanal ou mensal, e garantir que todo aprendizado seja absorvido.

Mas por que devo fazer um Roteiro de Estudos?

Simples! Um roteiro de estudos te ajudará a entender o que você realmente precisa fazer, organizará melhor seu tempo e evitará o estresse.

Isso porque um dos maiores problemas de quem vai prestar concurso público é o sentimento de culpa por não estar estudando o tempo todo, enquanto pensam que seus concorrentes estão estudando, ao passo em que ele está fazendo outra coisa.

Há quem pense ainda que o ideal é estudar por várias horas exaustivamente, sem que tenha tempo para o lazer, por exemplo.

Por isso, é importante criar um roteiro de estudos, assim você poderá organizar o que será estudado em cada dia e quantas horas deverá se dedicar em cada tema, sem deixar nenhum conteúdo para trás, nem tenha que abrir mão do seu tempo de lazer.

Portanto, organizar seus estudos te livrará da culpa, da procrastinação e otimizará seu tempo.

Confira a seguir como fazer um roteiro de estudos e estar um passo mais perto da aprovação!

O que fazer para se organizar nos estudos?

  1. Planeje seus horários
  2. Confira o edital
  3. Organize as matérias por peso

Planeje seus horários

O primeiro passo para começar o seu roteiro de organização de estudos é planejar seus horários, o que inclui horário de trabalho, de descanso, de lazer e de estudo.

Muitos profissionais com uma rotina de trabalho exaustiva se perguntam como organizar o horário de estudo. Algumas horas dedicadas ao tempo de lazer ou de tempo livre precisarão ser convertidas em momentos de estudo.

Mas isso não significa que TODAS as horas livres ou de lazer deverão deixar de existir. Essa pode ser uma das fases mais difíceis da criação do seu roteiro de estudos. Se o seu tempo for usado de forma inteligente, valerá a pena!

Cabe lembrar que nem sempre quantidade é igual qualidade. Logo, uma maratona de estudos poderá não ser aproveitada tão bem quanto uma rotina esquematizada.

Por isso, é importante reservar quantas horas de estudo forem possíveis, sem perder os momentos de descanso e de lazer. Graças a esses momentos que nossa cabeça consegue se recuperar e voltar a ter a produtividade tão desejada.

Lembre-se, não existe tempo mínimo ideal de estudo, pois duas horas bem aproveitadas valem mais que cinco de cansaço e “simulação de estudo”.

Para começar a planejar seus horários, anote num papel todos os horários ocupados com atividades obrigatórias na sua agenda. Além de aula ou de trabalho, certifique-se de ter horários reservados para:

Para encaixar todas as suas atividades, organize uma tabela com os dias da semana e os horários reservados para cada uma delas. Em seguida, insira horários estratégicos para o estudo, como nos momentos mais tranquilos do dia, por exemplo.

Você também pode variar na quantidade de horas de estudo de acordo com sua agenda, se preferir.

Confira o edital

Com seus horários definidos, é hora de começar um plano de estudo.

Para isso, caso já tenha sido publicado, leia atentamente o edital do concurso público para saber quais disciplinas cairão na sua prova.

No entanto, se o edital não tiver sido publicado, você pode se basear em conteúdos de outros concursos. De forma geral, as principais disciplinas cobradas são:

  • Anatomia da cabeça e pescoço;
  • Cirurgia oral;
  • Dentística e materiais dentários;
  • Endodontia;
  • Estomatologia e semiologia oral;
  • Farmacologia e anestesiologia;
  • Legislação aplicada ao SUS;
  • Microbiologia oral e cariologia;
  • Odontopediatria;
  • Periodontia;
  • Radiologia odontológica e imagiologia;
  • Reabilitação oral e oclusão;
  • Saúde pública e epidemiologia;
  • Língua portuguesa.

Vale lembrar que cada concurso possui particularidades próprias com relação as disciplinas exigidas.

Organize as matérias por peso

Após definir o que será estudado, você pode se perguntar como organizar todas as disciplinas dentro do horário que você estabeleceu.

Saber quais matérias estudar em cada dia e por quanto tempo também é importante para a organização dos estudos.

Caso o edital tenha sido publicado, será possível saber quais serão as disciplinas com mais peso na prova. Esse será um bom caminho para descobrir quais temas dedicar mais tempo de estudo.

Afinal, dedicar muitas horas de estudo para um tema que incluirá apenas uma questão na prova pode não ser a opção mais inteligente.

Em segundo lugar, priorize as matérias nas quais você tem mais dificuldade. Em vez de separar a disciplina em si, você pode separar apenas um tema específico no qual você possui dificuldade dentro de determinada disciplina, distribuindo temas diferenciados durante as horas de estudo de um único dia para ter mais dinamismo.

Para saber para qual disciplinas ou temas dar mais prioridade você pode seguir o seguinte:

  1. 40% do tempo total de estudo para matérias com maior peso e maior dificuldade;
  2. 30% do tempo total de estudo para matérias com maior peso e menor dificuldade;
  3. 20% do tempo total de estudo para matérias com menor peso e maior dificuldade;
  4. 10% do tempo total de estudo para matérias com menor peso e menor dificuldade.

Outras dicas de organização

Para aproveitar bem o seu tempo de estudos, vale seguir nossas outras dicas:

  1. Encontre um local de estudos tranquilo;
  2. Livre-se de possíveis distrações mantendo apenas o necessário por perto;
  3. Sinta-se livre para utilizar as técnicas e métodos de estudo que mais funcionem para você. Vale escutar músicas, utilizar aplicativos, etc.;
  4. Tenha a inciativa de estudar mesmo sem tanta motivação, de forma que ela surja a medida em que você realiza seus estudos. Evite a procrastinação!
  5. Tenha foco. Pense no seu objetivo final como motivação.

Com certeza, agora você conseguirá otimizar melhor o seu tempo com seu roteiro de estudos personalizado e esterá mais perto de ser aprovado no concurso público.

Valdir de Oliveira

Valdir de Oliveira

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela Universidade de Santo Amaro (UNISA). Pós-graduado em Ortodontia e Ortopedia dos Maxilares pela Sboom. Com especialização e mestrado em Implantodontia, habilitação em Harmonização Orofacial e Anatomia da Face. Professor nas áreas de Cirurgia Bucomaxilo Facial e Harmonização Orofacial. Voluntário há mais de 20 anos na Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais - ADRA Brasil.

Compartilhe sua opinião

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!