Projetos sociais são importantes para a odontologia?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Fundamental para os que possuem mais dificuldades, projetos sociais proporcionam serviços de qualidade

Sabemos que nem todas as pessoas a nossa volta têm acesso às informações quando falamos sobre saúde bucal, certo? Esse é um dos principais motivos que dá importância aos projetos sociais na odontologia.

Dessa forma, por meio de ações de voluntariados, por exemplo, muitos profissionais da odontologia levam esses projetos sociais até essa parte mais necessitada da população.

Projetos sociais são fundamentais para que todos, inclusive os menos favorecidos sejam inseridos na sociedade e, consigam então ter o mesmo acesso, tratamento e atenção que outras pessoas com mais oportunidade.

Importância de Projetos Sociais

É fundamental entender que, o profissional da saúde, tem um papel essencial quando se trata de promover a cidadania de toda a população, principalmente a mais carente. Isso é o que prega a Odontologia Social.

Dessa forma, para que possa trabalhar na área, o profissional deve passar por cursos de pós-graduação, mestrado ou doutorado.

A especialização é conhecida como atendimento social de comunidades e, normalmente, ocorre por meio de programas sociais governamentais ou até mesmo de ONGs que não possuem fins lucrativos.

Projetos Sociais que Trabalham com Odontologia

Agora que você já sabe que existe uma área da odontologia completamente voltada para eventos, projetos e causas sociais, aprofundaremos um pouco mais sobre o assunto.

Diversos profissionais podem ser voluntários e participar dessa classe de dentistas que atua com um propósito social para os que mais precisam.

Ficou interessado? Então continue lendo nosso artigo que explicaremos mais sobre a área!

O Que é a Odontologia Social?

O objetivo da Saúde Coletiva em Odontologia é fazer com que, por meio de áreas de estudo e diversas ações sociais, sejam identificadas e solucionadas todas as necessidades sociais básicas e específicas da população.

Um exemplo de projeto que faz muito sucesso e ocorre com bastante frequência, mobilizando muitos profissionais e ajudando pacientes, é o combate à cárie.

O Odontologia social ainda é tratada como uma área de especialização da graduação em odontologia.

Porém, está começando a ser aos poucos inserida na grade curricular obrigatória em algumas universidades, principalmente por ser ótima para o currículo do dentista.

O que defendem principalmente é a atenção que o profissional deve dar em buscar sempre tanto a prevenção individual quanto a coletiva de uma sociedade ou grupo social, buscando a inclusão social.

Dessa forma, o que ocorre é que, os profissionais da odontologia que se comprometem a participar do projeto buscam por métodos e estratégia para permitir que o maior número de pessoas tenha acesso a:

  • Conhecimentos gerais sobre saúde bucal e odontologia;
  • Ações que melhorem essa relação;
  • Entender a importância de ter os devidos cuidados e saber lidar com a saúde da boca.

Isso significa que o profissional de odontologia busca métodos e estratégias que permitam que um número maior de pessoas tenha acesso ao conhecimento e a ações que melhorem o modo como lidam com a saúde da boca.

Quais os Mais Conhecidos?

Mesmo com a agenda lotada, muitos dentistas encontram tempo para realizar iniciativas sociais ou participar, como voluntários, de ações realizadas por ONGs em várias cidades brasileiras.

Iniciativas que transformam a realidade de famílias carentes, melhoram a qualidade de vida de inúmeras pessoas que necessitam de tratamento odontológico, mas encontram muita dificuldade para receber atendimento.

Graças ao espírito de solidariedade e a responsabilidade social de tantos cirurgiões-dentistas estas pessoas têm a chance de exibir um sorriso saudável.

Falaremos então sobre três grandes projetos sociais de odontologia que tiveram uma ótima repercussão e resultados muito satisfatórios, são eles:

  1. Dentistas do Bem
  2. Apolônias do Bem
  3. Dentistas voluntariados

Dentistas do Bem

Esse primeiro projeto social envolve dentistas de várias cidades de todo o Brasil e é realizado pela OSCIP Turma do Bem, fundada em 1995.

Essa iniciativa já se encontra em mais de 1.500 municípios do Brasil, além das fronteiras que já cruzou, chegando a países da América Latina e até mesmo Portugal.

Toda a rede abrange mais ou menos 16 mil dentistas e está presente em 10 países.

Normalmente, o que ocorre é, os cirurgiões-dentistas reservam um dia completo em suas agendas para que possam atender crianças e adolescentes que tenham uma baixa renda.

Todo o tratamento que é realizado no próprio consultório do dentista voluntário. Além disso, é gratuito, beneficiando assim jovens em uma faixa etária que vai dos 11 aos 17 anos.

Mais de 60 mil jovens carentes já foram atendidos pelo projeto. Porém, todos estes passam por um processo de triagem, que costuma ser realizado em escolas públicas e instituições sociais.

Esse atendimento é garantido somente até que o jovem complete 18 anos de idade.

Apolônias do Bem

Esse é um dos projetos de dentistas atendem mulheres vítimas de violência. Além disso, a Apolônias do Bem também é uma iniciativa da Turma do Bem, realizada em parceria com a Amil Dental.

O principal objetivo da ação é realizar então um atendimento odontológico em mulheres que tenham sido vítimas de casos de violência doméstica.

Começando em São Paulo, o projeto já se expandiu também para o Rio de Janeiro e Espírito Santo, beneficiando, até hoje, mais de 600 mulheres.

Operação Sorriso

Na operação sorriso, dentistas voluntários oferecem um atendimento 100% gratuito por diversas regiões do país, atendendo crianças portadoras de fissura lábio-palatina, ou seja, aberturas no lábio.

Os programas já estão presentes em 50 países e 10 dos estados brasileiros, contando com cirurgias gratuitas feitas com a colaboração de voluntários e doadores.

A cirurgia costuma durar cerca de 45 minutos que, para essas crianças com o problema, podem transformar sua vida em diversos sentidos.

Isso se deve ao fato de que, infelizmente, além das dificuldades em se alimentar, muitos são excluídos e ridicularizados pela deformidade. É por isso que todos os projetos sociais são tão importantes.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!