Hipotireoidismo pode apresentar manifestações bucais

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Com sintomas difíceis de diagnosticar, muitas pessoas sofrem com a doença sem saber

Conhecido por ser o distúrbio mais comum da glândula da tireoide, o hipotireoidismo está entre as doenças com manifestação bucal que mais atingem os brasileiros.

O hipotireoidismo é uma patologia que influencia em todo o organismo, interfere nos batimentos cardíacos, no funcionamento do intestino e, até mesmo, no ciclo menstrual das mulheres.

Hipotireoidismo é uma deficiência de hormônios da tireoide. Ou seja, a glândula da tireoide não produz hormônios suficientes para a necessidade do organismo e, assim, causa algumas mudanças no organismo.

Apesar se manifestar em qualquer pessoa, o hipotireoidismo se desenvolve principalmente em mulheres idosas com mais de 65 anos.

Sintomas do Hipotireoidismo

Os sintomas que indicam o distúrbio da tireoide são silenciosos e lentos. Por isso, muitas vezes fazem com que o paciente não os identifique. Entre os principais temos então:

  • Dor de cabeça e musculares;
  • Cãibras;
  • Unhas frágeis;
  • Pele áspera e seca
  • Rosto, olhos, mãos e pés inchados;
  • Queda de cabelo e fios ressecados
  • Batimentos cardíacos mais lentos que o normal;
  • Tendinite nas mãos;
  • Cansaço e fraqueza;
  • Dificuldade de concentração e memória fraca;
  • Prisão de ventre;
  • Irritabilidade;
  • Diminuição da audição ou surdez;
  • Aumento de peso sem causa aparente;
  • Voz mais grave e rouca.

Hipotiroidismo na Odontologia

É importante lembrar que o paciente com hipertiroidismo precisa se manter afastado de medicamentos como adrenalina e noradrenalina. Portanto, o uso dessas substâncias durante anestesias deve ser evitado.

O dentista pode e deve realizar o exame físico de pescoço no paciente, identificando então se há ou não alterações de volume e forma da glândula tireoide.

Os distúrbios no hormônio tireoidiano, necessário para cumprir funções normais do organismo, causa alterações no sistema estomatognático, entre elas estão:

  • Hipoplasia condilar;
  • Atresia maxilar ou mandibular;
  • Hipodesenvolvimento da mandíbula;
  • Prognatismo maxilar;
  • Hipoplasia de esmalte e dentina;
  • Retardo na erupção dentária e no desenvolvimento radicular.

Dessa forma, é fundamental que o cirurgião-dentista conheça essas manifestações que podem causar desordens e alterações.

Manifestações Bucais do Hipotireoidismo

Em pacientes com hipotireoidismo os sintomas são silenciosos, mas alguns sinais se manifestam na cavidade bucal, como por exemplo:

  1. Alterações na estrutura do dente;
  2. Mordida aberta;
  3. Taurodontia;
  4. Diastemas, espaços entre os dentes;
  5. Aumento do risco de cáries, doenças periodontais e gengivite;
  6. Diminuição do fluxo salivar;
  7. Ausência de paladar;
  8. Aumento da língua;
  9. Cicatrização de feridas lenta.

Causa do Hipotireoidismo

Pode ser causado por diferentes motivos, porém, o mais comum é que ocorra uma variação autoimune, quando o próprio corpo começa a atacar a tireoide.

Os próprios anticorpos do organismo entendem que a glândula tireoide é um corpo estranho no organismo.

Outro fator que pode causar o hipotireoidismo é a quantidade de iodo no organismo. Assim, tanto doses excessivas, quanto baixos níveis da substância no organismo, afetam a produção dos hormônios T3 e T4.

Por isso, o paciente já diagnosticado deve evitar alimentos e bebidas com excesso de sal e sódio, assim como a ingestão de frutos do mar e algas, que possuem altos níveis de Iodo.

Tratamento do Hipotireoidismo

Apesar de não possuir uma cura, o hipotireoidismo pode ser completamente controlado por meio de tratamento indicado por um endocrinologista.

Geralmente, o tratamento envolve a reposição do hormônio com um medicamento que feito em laboratório que irá substituir o T4, chamado de Levotiroxina.

Desse modo, caso você seja diagnosticado com hipotireoidismo, não deixa de avisar ao seu dentista antes da consulta ou procurar um profissional da área para cuidar das manifestações bucais da doença.

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!