Como o método de diafanização é usado na odontologia?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Com diversos usos em área diferentes, tem também sua parte de uso e estudo na área odontológica

Estudar e conhecer a anatomia dos nossos dentes é algo importante não somente para quem trabalha com isso como os profissionais da saúde. E diafanização é um desses métodos de estudo.

Assim como muitas outras formas de conhecê-la, a diafanização é um método completo e muito conhecido pelos estudiosos/profissionais da anatomia interna do corpo.

Diafanização, de acordo com o dicionário, é o ato de remover impurezas de uma amostra tecidual, deixando-a transparente e translúcida com a utilização de solventes.

É considerada como uma técnica de conservação utilizada por pesquisadores para estudar o esqueleto e tecidos de animais pequenos.

O Que é Diafanização?

Há todo um processo que envolve a técnica de diafanização. Esse utiliza então de uma substância que desmancha a musculatura, mas preserva o esqueleto e o tecido conjuntivo.

Além disso, nesse procedimento, o uso de corantes é algo muito comum. Eles tem como finalidade tingir ossos e cartilagens para facilitar a visualização.

Uma curiosidade sobre a nomenclatura, é que o termo diafanização vem de diáfano, que significa transparente. Ou seja, permite visualizar totalmente.

Quais São os Métodos de Diafanização?

Dos métodos que existem e são usados para estudar a anatomia interna dos dentes, o da diafanização é muito prático, fácil e econômico. Ainda dentro dela, existem duas categorias:

  1. Diafanização com salicilato de metila;
  2. Diafanização com uso de resina.

Para ambos esses casos, são necessários dentes; uma solução de hipoclorito de sódio a 3 ou 5%; álcoois 75, 85, 96 e 100%; gelatina incolor; tinta nanquim; ácido clorídrico a 5%, vidrarias e um agitador magnético.

Realizando a Diafanização dos Dentes

O processo de diafanização de dentes humanos é bem simples e conta com seis passos. Ficou interessado em saber quais são eles? Então continue lendo que explicamos para você!

  1. Pegar os dentes separados para diafanização, preparar as cavidades endodônticas, localizar e realizar o preparo dos canais radiulares;
  2. Colocar os dentes em um recipiente contendo hipoclorito de sódio a 3 ou 5%, deixando-os em agitação constante;
  3. Lavar muito bem os dentes em água corrente por 4 horas e depois colocá-los em um recipiente com ácido clorídrico a 5%. Mantendo-os em agitação constante com ajuda de um agitador magnético;
  4. Após ter sido concluída a descalcificação, os dentes devem ser lavados em água corrente por 12 horas com o objetivo de se eliminar todo e qualquer resto da solução ácida;
  5. Após a fase de lavagem, os dentes são colocados em uma bateria de álcool ascendente, que deverá ser de 75, 85, 96 e 100%. Os dentes devem permanecer por 4 horas em cada álcool;
  6. Por fim, ao ter finalizado a desidratação, os dentes devem receber uma injeção de gelatina colorida com tinta nanquim em seus canais radiculares que já foram preparados anteriormente.

Vantagens do Método

Existem algumas vantagens que diferenciam esse método de outros tipos de estudo da anatomia interna. São eles:

  • Conserva a forma original das raízes;
  • Possibilita a observação de pequenas alterações existentes nos canais radiculares;
  • É um método que reduz as possibilidades de falhas;
  • Os dentes diafanizados podem ser conservados por muito tempo.

Como já citamos anteriormente, conhecer a anatomia interna dos dentes é fundamental. Por isso, a diafanização, assim como outras formas, são tão utilizados por pesquisadores.

Valdir de Oliveira

Valdir de Oliveira

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela Universidade de Santo Amaro (UNISA). Pós-graduado em Ortodontia e Ortopedia dos Maxilares pela Sboom. Com especialização e mestrado em Implantodontia, habilitação em Harmonização Orofacial e Anatomia da Face. Professor nas áreas de Cirurgia Bucomaxilo Facial e Harmonização Orofacial. Voluntário há mais de 20 anos na Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais - ADRA Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!