Bifosfonatos aplicados nos tratamentos odontológicos

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Confira aqui a relação dos bifosfonatos com a área da odontologia

Sabemos que os tratamentos podem variar de acordo com a doença ou problema diagnosticado. Na odontologia, eles podem exigir aprimoramento dos cuidados bucais, cirurgias e até medicamentos, como os bifosfonatos.

Os bifosfonatos são usados, principalmente, em quadros clínicos nos quais o paciente apresenta doenças ósseas.

Bifosfonatos são medicamentos que reduzem a reabsorção óssea. Além disso, eles estimulam a atividade osteoblástica, que é responsável pela síntese dos componentes ósseos.

No entanto, os profissionais precisam ficar atentos ao utilizar o medicamento. Afinal, como em grande parte dos fármacos, o medicamento de bifosfato apresenta efeitos colaterais para o paciente.

Se quiser saber mais sobre os bifosfonatos e odontologia, fique ligado neste artigo!

Quando os Medicamentos São Utilizados?

Os remédios são indicados pelos dentistas para pacientes com as seguintes alterações no organismo:

  • Metástases tumorais em tecido ósseo; e
  • Osteosporose: é uma doença que atinge os ossos. Ela diminui a densidade óssea presente no corpo, inclusive na cavidade bucal. Afeta, na maioria dos quadros clínicos, pessoas do sexo feminino e da terceira idade.

Os medicamentos são bastantes utilizados na área da implantodontia. Ela é a especialidade ortodôntica que consiste em anexar à mandíbula ou ao maxilar um implante que substituirá o dente perdido.

Os benefícios proporcionados pelo implantodontistas ultrapassam qualquer valor. Eles devolvem ao paciente a qualidade do sorriso e aumenta sua autoestima.

Além disso, dentro dos procedimentos odontológicos, vemos os bifosfonatos na cirurgia odontológica e na exodontia.

Principais Riscos dos Bifosfonatos

Como qualquer outro medicamento, o bifosfonato pode apresentar alguns efeitos colaterais para o paciente.

Os principais deles são:

  • Osteonecrose dos maxilares: é uma espécie de infarto ósseo, quando o fornecimento de sangue à área é interrompido. Isso faz com que o osso entre em colapso, causando dor a longo prazo e resultando em uma artrose agressiva;
  • Náusea;
  • Desconforto abdominal; e
  • Insuficiência renal;

A osteonecrose é uma das reações adversas mais graves e sérias. Por isso, o paciente deve ficar atento caso sinta alguns dos sintomas depois de tomar o fármaco:

  • Dor pulsátil;
  • Desconforto nas articulações;
  • Dor de cabeça;
  • Dor de ouvido;
  • Dores na musculatura que realiza a mastigação;
  • Limitação na abertura da boca;
  • Estalo na mandíbula.

Caso sinta as reações, procure pelo profissional responsável pelo seu tratamento. Desse jeito, ele indicará as melhores formas de prevenção e controle da osteonecrose.

Um exemplo de tratamento é a indicação de analgésicos e anti-inflamatórios. Além disso, é preciso que o paciente repouse sua mandíbula e também faça sessões de fisioterapia.

Prescrição do Medicamento

Agora que já conhecemos a relação dos bifosfonatos e a cavidade oral, vamos falar sobre a importância da prescrição odontológica.

É pela receita que o profissional consegue controlar a dose e, assim, o paciente tem uma orientação correta de como o tratamento com o remédio deve acontecer.

Além disso, o paciente deve estar atento às recomendações que o seu profissional de confiança indica durante as consultas odontológicas.

Desse modo, é possível alcançar um tratamento com os bifosfonatos de forma adequada e livre de consequências.

Ramiro Murad
Ramiro Murad
Ramiro Murad Saad Neto, cirurgião-dentista com registro no Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CRO-SP) nº 118151, é graduado pela UNIC e residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Possui habilitação em Harmonização Orofacial e também é gestor de clínicas e franquias odontológicas. Além disso, é integrante da equipe Bucomaxilofacial da Clínica da Villa, que está na Rua Eça de Queiroz, 467 - Vila Mariana, São Paulo - SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio
Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.
Agende uma consulta
Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

Simpatio 2021 © - Todos os Direitos Reservados

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.

Os conteúdos da Simpatio são escritos por jornalistas e possuem a supervisão e a aprovação de dentistas e de profissionais de saúde parceiros.