Analgesia e anestesia: descubra a diferença destes processos

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Apesar de terem como objetivo amenizar a dor nos pacientes, cada procedimento envolve uma situação

Você sabia que a analgesia e anestesia são processos diferentes e devem ser usados em casos distintos? Apesar do nome parecido, tem objetivos distintos e serão usados pelos dentistas de acordo com cada caso.

Desse modo, a analgesia e anestesia têm tempos de duração diferentes, assim como a recuperação e o preparo pré-anestésico também são particulares a cada uma.

É importante entender que a principal diferença entre a analgesia e anestesia é a quantidade de substâncias anestésicas injetadas.

Diferença da analgesia e anestesia

Anestesia e analgesia

No caso da analgesia, ocorre da quantidade de substâncias injetadas ser menor e mais superficial, funcionando apenas para inibir a dor, mantendo sempre a consciência do paciente.

Na anestesia em si, o volume de substâncias é maior. Além de inibir a dor, um dos principais objetivos é impedir espasmos musculares para que o médico possa trabalhar tranquilamente.

Desse modo, a anestesia pode manter ou não a consciência do paciente. Em ambos os casos, a anestesia e analgesia são sedativos a fim de inibir a dor do paciente.

Tipos de anestesia
anestesia e analgesia

A anestesia, pode ser dividida em três grupos, no qual cada tipo é indicado para determinado procedimento:

  • Anestesia geral: com ela, o paciente fica completamente inconsciente, é inibido de qualquer dor e causa um relaxamento absoluto dos músculos para que não ocorra nenhuma intervenção no momento da cirurgia.
  • Anestesia local: aplicada somente na região em que irá ser realizada a ação, podendo ser de curta, média ou longa duração, dependendo da necessidade ou dificuldade do procedimento.
  • Anestesia regional: aqui encontramos as anestesias conhecidas por raquidiana e peridural.

Sobre os analgésicos

Anestesia e Analgesia

Medicamentos utilizados para aliviar dores leves e para redução de febre, por exemplo, são considerados tipos de analgesia. Esses podem ser divididos basicamente em dois grupos:

1- Narcóticos: são fortes e podem causar sonolência em quem os toma. Agem no sistema nervoso central, fazendo com que a percepção de dor seja reduzida.

2- Não Narcóticos: esses inibem a produção de certas substâncias específicas, diminuindo assim a resposta o estímulo que gera a dor.

É importante ressaltar que o uso de analgésicos deve ser feito a fim de aliviar dores que não sejam recorrentes. O uso contínuo desse tipo de medicamento pode indicar a necessidade de procurar por um profissional.

Contra-indicações da anestesia e analgesia
Anestesia e analgesia

No caso da anestesia, todo paciente que fará uso da mesma, deverá passar por uma rigorosa bateria de exames para avaliar se este está ou não apto a passar pelo processo envolvendo a mesma.

Os exames cardiológicos são os principais nessa lista. Se o paciente apresentar insuficiência cardíaca no dia da intervenção, a anestesia geral, por exemplo, é contra-indicada.

Nos analgésicos, por muitos serem vendidos sem receita, é preciso tomar cuidado e seguir as indicações prescritas na bula.

Pessoas com doenças cardíacas, respiratórios ou até mesmo insuficiência em determinados órgãos, devem ficar atentas.

Analgésicos que possuem morfina e ópio em sua composição, podem causar uma dependência no paciente. Então é importante que não haja abuso do medicamento.

Tanto a automedicação quanto o preparo pré-anestésico adequado são processos que devem ser levados a sério quando falamos de anestesia e analgesia. Portanto, consulte o seu médico.

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2018

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.