Entenda o trauma oclusal e seus impactos na saúde bucal

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

A doença pode afetar articulações e ossos, além da gengiva e do próprio dente

Existem diversas doenças que comprometem a nossa estrutura bucal. O problema, muitas vezes, começa com algo simples, como a forma da mordida. É o caso do trauma oclusal.

Nesse texto, vamos conversar sobre o trauma oclusal. O que é? Quais os sintomas? Como isso afeta nossa saúde bucal? Como funciona o tratamento?

O trauma oclusal é uma alteração patológica que ocorre no periodonto de sustentação. Ele acontece devido à força excessiva feita durante a mastigação.

Essa força causa lesões nos tecidos periodontais, polpa dentária, articulação temporomandibular, além dos próprios músculos da mastigação.

O periodonto de sustentação é formado pelo cemento, ligamento periodontal e osso alveolar. Possui funções mecânicas durante a mastigação e funções sensoriais na recepção de dores, pressões e tato.

Quais os sintomas do trauma oclusal?

O trauma oclusal, como já vimos, é causado pela força excessiva na mastigação. Por isso, os sinais podem envolver todos os tecidos e músculos envolvidos nesse processo.

O paciente costuma buscar o dentista quando sente dores na mandíbula, bochecha, dentes ou gengiva. A partir daí, o cirurgião-dentista irá avaliar alguns sinais clínicos que indicam a doença. Esses sinais são:

  • Aumento do tônus muscular na região da face;
  • Dor à mastigação;
  • Dor à percussão;
  • Dores musculares;
  • Desejo de apertar os dentes.

Quais os sinais nos exames?

Se um ou mais desses sinais forem identificados, o profissional irá indicar um exame laboratorial – normalmente, a radiografia odontológica. A doença deixa sinais claros no exame, como:

  • Aumento do espaço do ligamento periodontal;
  • Alterações no trabeculado ósseo;
  • Cálculos pulpares;
  • Reabsorção radicular;
  • Alteração de continuidade da lâmina dura.

Quais os impactos do trauma oclusal na saúde bucal?

Um paciente com trauma oclusal está exposto a uma série de doenças e complicações odontológicas.

Os problemas iniciais ficam na região periodontal: raiz dos dentes e gengivas, por exemplo. Além disso, dores musculares também podem aparecer.

Depois, o trauma pode causar dentes sensíveis, desgaste nos dentes, trincos e até dentes quebrados. Outra consequência do trauma é seu efeito na ATM (articulação temporomandibular).

]No entanto, isso só ocorre se o paciente não procurar tratamento após o início dos sintomas!

É por isso que, ao sentir qualquer sinal de dor e desconforto, o paciente deve procurar seu cirurgião-dentista de confiança. O trauma oclusal pode ter seus efeitos amenizados e não apresentar grandes consequências se tratado no início.

Como funciona o tratamento do trauma oclusal?

Depois dos exames feitos e do diagnóstico ser dado, o paciente inicia o tratamento. Esse processo pode envolver apenas um cirurgião-dentista ou uma equipe, dependendo do estágio da doença.

Por exemplo, o paciente pode ter prejudicado a estética dos dentes e estar com problemas periodontais por conta do trauma oclusal.

O melhor caminho é ter uma equipe de cirurgiões-dentistas com diferentes especialidades: odontologia estética, periodontia e ortodontia.

No tratamento ortodôntico, pode ser feito o uso de aparelhos ou placas para reeducar a mordida do paciente. Em casos mais complexos, também pode acontecer do paciente fazer acompanhamento com um fonoaudiólogo, para a reeducação da mastigação.

O trauma oclusal não é um problema simples, mas tem solução! Por isso, não hesite em procurar ajuda e faça todo o acompanhamento.

Valdir de Oliveira

Valdir de Oliveira

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela Universidade de Santo Amaro (UNISA). Pós-graduado em Ortodontia e Ortopedia dos Maxilares pela Sboom. Com especialização e mestrado em Implantodontia, habilitação em Harmonização Orofacial e Anatomia da Face. Professor nas áreas de Cirurgia Bucomaxilo Facial e Harmonização Orofacial. Voluntário há mais de 20 anos na Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais - ADRA Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.