Bactéria oral Selenomonas Noxia e sua relação com a obesidade

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Bactéria da cavidade bucal produz efeitos corporais

A importância da saúde bucal não se estende apenas aos dentes ou gengivas. Prezar pela saúde da boca é importante para a saúde de todo o organismo! Exemplo disso são os efeitos causados pela ação do microrganismos que recebe o nome de Selenomonas Noxia.

A obesidade está relacionada aos maus hábitos alimentares, questões metabólicas e ao sedentarismo. Contudo, a ação do Selenomonas Noxia pode ser outro agravador para o problema.

Selenomonas Noxia é uma bactéria que se aloja diretamente na boca e pode ser muito prejudicial para nossa saúde. Isso porque ela está diretamente relacionada ao desenvolvimento da obesidade.

Relação entre Selenomonas Noxia e Obesidade

Ainda não se sabe ao certo qual é a conexão entre essa bactéria e a obesidade. Contudo, pesquisas comprovam que é grande o número de pessoas obesas nas quais se pode encontrar a selenomonas dentro da cavidade oral.

Uma das teorias, que possivelmente explica o motivo dessa relação, afirma que esse microrganismo nocivo é responsável pelo aumento da absorção de nutrientes pelo corpo.

Desse modo, a massa corporal é elevada, conduzindo a pessoa a obesidade.

Características da Selenomonas Noxia

A principal característica dessa bactéria é que elas são anaeróbicas (não necessitam de oxigênio para sobreviver, sendo classificadas na categoria gram negativas).

Dessa maneira, ela se aloja de modo fácil em locais da cavidade oral, como a região entre os dentes.

Além disso, esse microrganismo é periodontopatogênico. Isso significa que ele é frequentemente associado ao desenvolvimento de doenças que afetam a gengiva, sendo a periodontite a principal delas.

O que é periodontite?

A periodontite é considerada a evolução da doença que recebe o nome de gengivite.

Ela é causa pela ação de bactérias nocivas que se acumulam dentro da boca. Desse modo, ela compromete todos os os tecidos de suporte ao redor do dente, sendo que os ossos e ligamentos periodontais são os mais afetados.

Por isso, é possível que, caso não receba tratamento adequado, um quadro de periodontite leve a perda de dentes por conta da fragilidade óssea desenvolvida.

Entre os principais sintomas dessa doença, podemos citar:

  • Mau hálito;
  • Inchaço e vermelhidão ao redor dos dentes;
  • Sangramentos durante a escovação;
  • Sensibilidade nas gengivas;
  • Abscessos dentários.

É importante ressaltar que a periodontite não tem cura. Contudo, o tratamento não se torna menos necessário, sendo que seu principal objetivo é impedir o agravamento da situação.

Em geral, o tratamento consiste na limpeza feita em consultório odontológico, que remove a placa bacteriana causadora da periodontite.

Em casos mais graves, existem alguns procedimentos cirúrgicos que podem ser realizados, como a aplicação de derivados de matriz do esmalte dental, para fortalecer a proteção dos dentes contra bactérias.

Como evitar a Selenomonas?

A melhor maneira de evitar a propagação da Selenomonas Noxia ou de qualquer outra bactéria em sua boca, é manter uma boa higiene oral!

Para isso, é indicado realizar, diariamente, a escovação dos dentes com escovas de cerdas macias e movimentos circulares.

Ainda, não deixe de complementar a limpeza com o uso de instrumentos como o fio dental e o enxaguante bucal. Ambos são úteis para remover as bactérias que se mantiveram na boca, mesmo após a escovação.

Frequentar o dentista de forma periódica também é uma boa dica para quem quer manter a saúde bucal em dia.

Assim, o profissional poderá identificar a proliferação de bactérias como a Selenomonas Noxia e indicar a melhor conduta para evitar o desenvolvimento de doenças.

Rodrigo Venticinque
Rodrigo Venticinque
Rodrigo Venticinque é graduado pela Universidade de Santo Amaro (UNISA) e especialista em Prótese e Reabilitação Oral Integrativa, Biofísica Quântica, Biorressonância Aplicada e Ortomolecular. Possui pós-graduação em Estética Dental e Reabilitação Oral, com certificação em Remoção Segura da Amálgama e Odontologia Biológica pela Academia Internacional de Medicina Oral e Toxicologia. Também é professor de pós-graduação em Biofísica e Ortobiomolecular da QuantumBio e atua nas áreas de Ozonioterapia, Odontologia Sistêmica, Sedação Consciente com Óxido Nitroso e Hipnose. Além disso, Rodrigo possui registro no Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CRO-SP) nº 52860 e é diretor da Clínica Venticinque Odontologia Biológica e Integrativa, que fica na Rua dos Chanés, 505 - Moema, São Paulo - SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio
Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.
Agende uma consulta
Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

Simpatio 2021 © - Todos os Direitos Reservados

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.

Os conteúdos da Simpatio são escritos por jornalistas e possuem a supervisão e a aprovação de dentistas e de profissionais de saúde parceiros.