Odontologia EAD é reconhecida pelo MEC? Descubra!

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Confira aqui se existem cursos de odontologia EAD no Brasil

É o sonho de muitas pessoas entrar em uma faculdade de odontologia. Depois que o primeiro passo é alcançado, muitas dúvidas surgem. Você, por exemplo, sabe se existe cursos de odontologia EAD?

Essa questão pode ser levantada porque, afinal, muitos cursos já disponibilizam sua graduação à distância. Mas, como seria a odontologia EAD? É possível cursar essa faculdade à distância?

Odontologia EAD seria equivalente ao estudo da odontologia fora das salas de aula. Ou seja, o estudo de maneira online. Porém, não existem cursos de educação à distância para a odontologia.

Nesse artigo iremos tirar todas as suas dúvidas sobre a graduação de odontologia. Vamos começar?

Por que não existe curso de odontologia EAD?

A graduação de odontologia à distância depende da aprovação do Ministério da Educação, conhecido como MEC. Atualmente, as resoluções do MEC não permitem o reconhecimento do curso de odontologia à distância.

Mas, por que isso?

Isso se deve por causa da quantidade de atividades práticas que os graduandos devem realizar antes de receberem o diploma.

A área da saúde é muito prática. O futuro dentista tem aulas de laboratório, estudam na prática a cavidade bucal e mantém contato com os pacientes. Tudo isso é possível graças ao contato presencial.

Essas práticas entram para a carga horária presencial estabelecida pelo MEC. Por isso, o curso online de odontologia ainda não é aprovado.

Além disso, o Conselho Federal de Odontologia (CFO) não concorda com o estudo da odontologia à distância.

A resolução 197/2019 do CFO estabelece que o ensino à distância é perigoso para a qualidade da formação do futuro profissional. Isso impactaria diretamente no cuidado da saúde bucal dos pacientes.

A resolução impede o curso à distância:

“Considerando a existência de conteúdos práticos laboratoriais, clínicos e cirúrgicos inerentes e indispensáveis à formação dos cirurgiões-dentistas, bem como a indispensável interação profissional-paciente”

Como continuação, a resolução do CFO considera o “risco a qualidade da formação dos profissionais de saúde e, principalmente, colocando em risco a qualidade dos serviços ofertados à sociedade”

Além disso, o CFO “proíbe a inscrição e o registro de alunos egressos de cursos de odontologia, integralmente realizados na modalidade de ensino à distância – EAD”.

Faculdade de odontologia

A duração do curso de odontologia é de 5 anos, com todos os cursos da matriz curricular presenciais. As aulas práticas são iniciadas ainda no segundo ano da faculdade.

A grade vai variar de uma faculdade de odontologia para a outra. Além disso, a grade varia de ano para ano. No entanto, as matrizes estipuladas pelo Ministério da Educação (MEC) devem ser respeitadas e cumpridas.

Assim, há conteúdos que devem ser obrigatoriamente ensinados em todas as faculdades. No entanto, o nome dado a disciplina pode variar.

Separamos as matérias em duas classificações: introdutórias e específicas.

As matérias introdutórias são:

  • Bioquímica geral;
  • Farmacologia;
  • Microbiologia;
  • Histologia;
  • Epidemiologia;
  • Patologia básica;
  • Anatomia humana; e
  • Imunologia;

As matérias específicas são:

  • Relacionadas ao atendimento clínico de crianças e adolescentes;
  • Relacionadas a diagnósticos da cavidade bucal;
  • Relacionados ao planejamento e atuação profissional; e
  • Relacionadas ao atendimento clínico de adultos e idosos.

Em todas as instituições, o estágio é obrigatório para a formação. E, no final de todo o curso, é preciso que o estudante faça um TCC, também conhecido como trabalho de conclusão de curso.

Caso você opte por fazer o curso em uma instituição privada, a maioria delas custa em média R$1700,00 por mês. Mas fique atento para as bolsas universitárias e programas de financiamento.

Quando você finalizar a faculdade e já estar com o seu diploma, você atua como um cirurgião-dentista. Assim, atendimentos clínicos e tratamentos que são básicos serão a sua área de atuação.

Caso você queira se especializar em alguma área, como odontologia legal, você deve fazer cursos especiais e uma pós-graduação. Nesses casos, as normas permitem a modalidade online.

Por isso, alguns cursos de pós graduação de odontologia EAD são reconhecidos pelo MEC. Pesquise sobre o curso e se torne um profissional de sucesso.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2018

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.