Náusea é um problema recorrente em consultórios odontológicos

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Náusea é uma sensação incômoda e pode ter diversas causas

Quem nunca se sentiu mal e logo em seguida veio aquele enjoo e desconforto junto com uma vontade de vomitar? Pois bem, todos esses sintomas juntos formam o que chamamos da náusea.

Existem diversas causas para a náusea, mas na Odontologia, o processo de moldagem dos dentes é uma das principais origens do desconforto.

Náusea é uma sensação de desconforto e mal-estar, em que a pessoa acometida sente vontade de vomitar. Ela não tem uma causa específica, mas podem ser consequência do uso de certos medicamentos ou procedimentos.

É comum que ocorra na moldagem quando há um toque na região da orofaringe da pessoa. Ela ocorre principalmente no palato posterior e também nas laterais da garganta.

É importante registrar que nem todos os pacientes sofrem com a náusea. Porém, são muitos os casos das pessoas mais sensíveis.

O Que é a Náusea?

Como já começamos a explicar anteriormente, na Odontologia, a náusea é um reflexo que ocorre em certa parte da garganta do paciente quando tocada.

Isso acontece porque a gargante é uma região inervada pelo nervo vago e pelo nervo glossofaríngeo.

Porém, não é apenas o toque que pode causar a náusea e a sensação incômoda e desagradável que acaba causando vontade de vomitar pode ser ocorrer por conta de outros fatores.

Por mais que ela não seja dolorosa, se é uma situação que permanece ocorrendo por muito tempo e várias vezes repetidamente, ocasiona um desconforto na parte superior do abdômen e também uma irritação na garganta.

Além disso, por as náuseas serem então um sintoma inespecífico, isso significa que elas podem ter diversas causas possíveis. Mais à frente, vamos destacar as principais.

Relação com a Odontologia

É muito comum que muitos pacientes sintam náusea na clínica odontológica, se sintam enjoados e fiquem desconfortáveis durante a consulta.

Entre os procedimentos que mais causam tal problema são a moldagem odontológica total da arcada superior e também toques na região com uso de instrumentos ou ainda pelo dedo do profissional.

Algumas medidas podem ser executadas para que esse desconforto diminua. São elas:

  1. Fazer um gargarejo com água gelada durante 5 minutos;
  2. Exercícios respiratórios lentos feitos com os lábios fechados também durante 5 minutos;
  3. Caso nenhum desses procedimentos funcionem, o dentista pode receitar o uso de medicamentos que são contra enjoo. Normalmente, eles devem ser usados uma hora antes do procedimento.

Como nós já citamos no item 2, existem os exercícios respiratórios que diminuem a sensação de náusea. Eles podem ser realizados com os lábios fechados, segurando uma corrente fina ou um clipes entre os lábios.

Além disso, deve-se respirar profunda e lentamente durante cinco minutos a cada hora enquanto ainda estiver acordado.

Sentir enjoo no dentista é muito comum, não é algo para se preocupar. Porém, caso você tenham ânsia de vômito no dentista, informe ao profissional para que ele te ajude.

Quais as Causas da Náusea?

Um dos motivos mais recorrentes que causa esse desconforto, tem a ver com alguns cheiros específicos para certas pessoas. Mulheres grávidas costumam sofrer bastante com a náusea durante os três primeiros meses.

Depois dessa época, a tendência é que desaparecem. No entanto, os enjoos não são restritos às grávidas. Dessa forma, as causas mais comuns que ocasionam isso incluem:

  • Quimioterapia
  • Gastroparesia (mau funcionamento dos músculos do estômago)
  • Anestesia geral
  • Enxaqueca
  • Cinetose
  • Abuso ou overdose de álcool, substâncias ilícitas ou substâncias tóxicas
  • Rotavírus
  • Vertigem
  • Gastroenterite viral
  • Intoxicação alimentar

Além disso, existem ainda outros casos de doenças que são menos comuns, mas, ainda assim, podem também ocasionar as náuseas e vômitos. São elas:

  • Doença de Addison
  • Hepatite alcoólica
  • Anafilaxia
  • Anorexia nervosa
  • Apendicite
  • Vertigem posicional paroxística benigna (VPPB)
  • Cérebro AVM (malformação arteriovenosa)
  • Hemorragia cerebral
  • AVC
  • Tumor cerebral
  • Bulimia nervosa
  • Doença renal crônica
  • Hiperplasia adrenal congênita
  • Doença de Crohn
  • Síndrome de vômito cíclico
  • Depressão
  • Cetoacidose diabética
  • Tonturas
  • Infecção no ouvido (ouvido médio)
  • Convulsões
  • Cálculos biliares
  • Transtorno de ansiedade generalizada
  • Doença do refluxo gastroesofágico
  • Lesão na cabeça
  • Infarto
  • Insuficiência cardíaca
  • Doença de Hirschsprung
  • Hidrocefalia
  • Hiperparatiroidismo
  • Hipertireoidismo
  • Hipoparatireoidismo
  • Isquemia intestinal
  • Obstrução intestinal
  • Hematoma intracraniano
  • Intussuscepção (em crianças)
  • Síndrome do intestino irritável
  • Câncer de fígado
  • Insuficiência hepática
  • Doença de Ménière
  • Meningite
  • Alergia ao leite (em bebês e crianças)
  • Dor de estômago não ulcerosa
  • Câncer de pâncreas
  • Pancreatite
  • Gastrite
  • Úlcera péptica
  • Porfiria
  • Pseudotumor cerebral
  • Estenose pilórica (em crianças)
  • Radioterapia
  • Fibrose retroperitoneal
  • Transtorno de ansiedade social
  • Epilepsia
  • Traumatismo crânio-encefálico

É comum ainda que alguns pacientes sintam náusea com creme dental. Por isso, é importante testar qual o mais adequado para você.

Quais as Formas de Tratamento?

Existem alguns tipos de tratamentos para o controle da náusea que são mais gerais, ou seja, podem ser indicados independentemente de idade, sexo, ou outras características. São eles:

  1. Beber maiores quantidades de água gradualmente
  2. Evitar alimentos sólidos até que o episódio de vômitos passe
  3. Tomar cuidado com todas as medicações orais que possam vir a causar uma irritação no estômago e piorar os vômitos. Porém, não é indicado interromper qualquer medicação antes de consultar seu médico
  4. Caso os vômitos e diarreia durem mais de 24 horas, uma solução de reidratação oral, assim como bebidas isotônicas, devem ser utilizadas com objetivo de evitar e tratar a desidratação.

Assim, em casos de vômitos que estão associados à tratamentos de câncer, é muito comum que sejam controlados com outros tipos de terapias medicamentosas.

Náusea Durante o Processo de Moldagem

É muito comum que, durante os procedimentos na clínica odontológica que envolvem a necessidade de realizar uma moldagem, o paciente se sinta enjoado.

Dessa forma, é importante que o cirurgião-dentista tenha algumas técnicas para deixar a pessoa mais confortável. Ficou curioso em saber quais são elas?

Então continue lendo que listamos todas elas para você:

  • É importante transmitir calma e tranquilidade ao paciente;
  • Instrua o paciente para que ele inspire e expire pelo nariz;
  • Coloque a cadeira em uma posição mais ereta;
  • Use Alginato de boa qualidade com tempo de trabalho reduzido, evitando assim que haja um desperdício e repetições na moldagem;
  • Escolha a moldeira correta;
  • Não encher a moldeira demais. Não é necessário moldar a orofaringe do paciente;
  • Seguir a recomendação do fabricante e usar os medidores;
  • Fazer o paciente tomar de 2 a 3 copos de água bem gelada antes de moldar. Porém, esse procedimento em algumas vezes não funciona;
  • Passar anestésico tópico na região do palato mole. É possível que o paciente ainda sinta um pouquinho de ânsia, mas é um processo que já ajuda muito na moldagem;
  • Use as siliconas. Elas não escoam tanto e em casos como estes, vale a pena;

Ainda assim, se nenhuma dessas técnicas que nós citamos venha a resolver a náusea, outra dica que o dentista pode dar para o paciente é que ele venha em jejum. Além disso, fazer o procedimento no primeiro horário pode ajudar!

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.