Doença renal tem consequências negativas para saúde bucal

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Doença que afeta os rins prejudica a qualidade da saúde bucal e requer cuidados específicos

A doença renal é comum e pode se manifestar de forma crônica ou aguda.

Contudo, muitas pessoas desconhecem a relação entre a doença renal e a odontologia.

Doença renal é aquela que afeta a funcionalidade dos rins, causa alterações sistêmicas e pode até mesmo apresentar manifestações orais.

Qual a relação entre doença renal e a odontologia?

A doença renal e odontologia possuem uma relação intensa e complexa. Isso porque as alterações sistêmicas causadas pelos problemas nos rins podem se manifestar na boca.

Desse modo, é importante que o profissional da odontologia tenha conhecimentos sobre essa condição e tenha ainda mais delicadeza ao realizar tratamentos em pessoas com insuficiência renal.

Possíveis complicações orais da doença renal

Doenças periodontais

Doenças periodontais podem se manifestar em pessoas nefropatas. Em geral, ela são causadas pela ação de bactérias na nossa cavidade oral, responsáveis pelo desenvolvimento de inflamações.

Entre essas doenças podemos citar a gengivite e a periodontite, que atacam diretamente a gengiva e os tecidos que dão suporte aos dentes.

Além da perda dos dentes, outra possível consequência é a formação de bolsas periodontais. Dessa maneira, problemas relacionados à função do rim podem ter como consequência o desenvolvimento dessas doenças.

Halitose

O tão temido mau hálito também pode relacionar as nefropatias e odontologia. Além disso, também é comum que o paciente sinta certa modificação no paladar, incluindo sensação metálica na boca.

Isso acontece porque o rim passa a ter dificuldades na hora de remover a ureia da corrente sanguínea, que acaba se concentrando na saliva e sendo convertida em amônia.

Aumento da placa bacteriana na boca

A nefropatia ocasiona redução no fluxo salivar e, consequentemente, elevam o pH da cavidade oral.

Assim, o acúmulo de bactérias ou outros microrganismos na boca fica mais propenso à formação de placas bacterianas e cálculos dentários.

Sensação de boca seca

A sensação de boca seca, também conhecida como xerostomia, pode estar relacionada ao desenvolvimento de uma doença renal por problemas nas glândulas salivares ou pelo uso de mendicamentos.

Além disso, é importante ressaltar que a xerostomia pode aumentar os riscos de cárie dentária.

Hemorragia e sangramentos

Os pacientes que contam com nefropatias precisam passar pelo procedimento da hemodiálise. Nesse tipo de tratamento, é utilizado uma grande quantidade de medicamentos anticoagulantes.

Dessa maneira, durante um tratamento odontológico, o médico dentista precisa se atentar aos sangramentos que ocorrerem.Isso porque eles podem facilmente se tornar hemorragias.

Erosão dentária

Náuseas e vômitos são comuns durante o tratamento com hemodiálise. Desse modo, os ácidos presentes no vômito podem aumentar o desgaste e a erosão dos elementos da arcada dentária.

Outros problemas odontológicos pelos quais pacientes nefropatas podem passar são:

  •  Palidez e lesões na mucosa;
  • Mobilidade dentária
  • Hiperplasia gengival;
  • Infecções bucais;
  • Lesões da mucosa;
  • Anormalidades do desenvolvimento dentário.

Por isso, é muito importante que tanto o próprio paciente, quanto os médicos dentistas tenham cuidado especiais com a saúde bucal de um paciente nefropata.

Ao paciente, é indicado que realize um higiene bucal cuidadosa e abrangente. Isso porque, dessa maneira, é evitado o desenvolvimento de doenças infecciosas na boca.

Quanto aos médicos, é recomendado realizar uma anamnese detalhada e o devido planejamento de tratamento antes de iniciar os cuidados ao paciente com doença renal.

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Compartilhe sua opinião

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!