Dieta vegana pode prejudicar a saúde bucal?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Sabemos que uma dieta nutritiva e balanceada está diretamente relacionada ao bom funcionamento do nosso corpo e que faz parte da manutenção da saúde bucal. Desse modo, é natural que restrições alimentares, como é o caso da dieta vegana, possam provocar alterações no ambiente oral.

De acordo com o IBOPE, 8% da população brasileira segue a dieta vegana. Já nos Estados Unidos, esse tipo de alimentação cresceu cerca de 600% nos últimos 3 anos, e a tendência é aumentar. Mas no que esse tipo de dieta consiste?

A dieta vegana apoia-se na exclusão de alimentos de origem animal da alimentação diária. De acordo com a definição de Donald Waltson, fundador da The Vegan Society, esse tipo de dieta exclui carne, peixe, aves, ovos, mel, leite de animas, manteiga e queijo, por exemplo.

Dieta vegana X Dieta vegetariana

Ao ler a definição da dieta vegana você, provavelmente, se lembrou de outra dieta muito similar e cada vez mais popular, a dieta vegetariana.

No Brasil, muita gente acredita que a dieta vegetariana baseia-se unicamente na exclusão de carne. No entanto, essa é a dieta ovolactovegetariana.

A dieta vegetariana, assim como a vegana, além de excluir a carne animal, também retira todo alimento de origem animal, como o leite e o mel. O que diferencia os dois tipos, essencialmente, é a finalidade da dieta.

Os vegetarianos, por exemplo, podem realizar a dieta pela saúde, pelo meio ambiente, pelos animais ou por qualquer outro motivo. Por outro lado, os veganos realizam a dieta exclusivamente pela causa animal, isto é, para evitar todo e qualquer tipo de exploração e sofrimento animal.

Não só isso, o veganismo é um estilo de vida, o que quer dizer que vai além dos termos dietéticos. O veganismo é contra o consumo de qualquer tipo de produto de origem animal, não apenas alimentos, mas cosméticos, roupas, etc. Ou seja, tudo que envolve a exploração animal, em qualquer área.

Sendo assim, quanto à dieta, todo vegano é também um vegetariano.

Como a restrição alimentar da dieta vegana pode prejudicar a saúde bucal?

Como dissemos anteriormente, as restrições alimentares podem provocar alterações na região bucal. Isso porque, por causa das restrições, muitos nutrientes importantes para saúde bucal podem deixar de ser ingeridos.

Por exemplo, muitos pacientes veganos possuem dificuldades de adquirir vitaminas lipossolúveis (A, D E e K), essenciais para a saúde da boca.

  • A – está diretamente relacionada à saúde das mucosas, como a gengiva;
  • D – é um vitamina fundamental para a absorção do cálcio, responsável pelo fortalecimento dos dentes;
  • E – vitamina que combate o envelhecimento das células;
  • K –  atua na coagulação e evita sangramentos.

As deficiências nutricionais podem ser mais acentuadas entre as crianças e os adolescentes que decidem pelo estilo de vida vegano.

Outro exemplo é a deficiência de vitamina B12, muito presente nos peixes, que pode favorecer o desenvolvimento de estomatite aftosa (aftas).

Contudo, isso não significa que a dieta vegana, propriamente dita, pode prejudicar a saúde. Na verdade, uma dieta vegana bem balanceada e rica, isto é, com todos os nutrientes que o organismo requer, é extremamente saudável e benéfica para a  saúde.

O que prejudica a saúde bucal verdadeiramente é a exclusão completa de nutrientes, sem a devida substituição.

Quais são as alternativas veganas para manter a saúde bucal?

Com a popularização da dieta vegana, o mercado passou a oferecer alternativas à dieta com a reposição de nutrientes necessários.

Por exemplo, já existem leites, cremes de leite e também iogurtes à base de soja com adição da vitamina D. Outra opção são os leites de soja fermentados com lactobacilos que ajudam na aborção de outros nutrientes, além de conter a vitamina D.

Para ajudar a melhorar a absorção de vitaminas lipossolúveis, outra alternativa é o consumo de cereais integrais, de sementes e de folhas verdes escuras.

Dessa forma, com uma dieta rica e balanceada, será possível aliar veganismo e saúde bucal.

A dieta vegana pode aumentar a incidência de cárie?

Outro assunto muito discutido sobre a dieta vegana e a saúde bucal é o aumento da incidência de cáries em pessoas que seguem esse tipo de alimentação.

Isso devido à falta de vitaminas lipossolúveis. Entretanto, como já explicamos, uma dieta vegana devidamente balanceada não prejudica a saúde bucal.

Portanto, não existe maior incidência de cáries em pessoas que optam pela dieta vegana balanceada. Na verdade, uma alimentação rica em frutas e vegetais fibrosos – comuns na alimentação vegetariana e vegana – auxiliam na limpeza bucal, pois combatem o acúmulo da placa bacteriana.

Contudo, para diminuir a incidência de cáries, as pessoas que adotam a dieta vegana, assim como qualquer outra dieta, devem sempre observar os cuidados essenciais de higiene e saúde bucal, que incluem:

  1. Utilizar escovas com cerdas macias para evitar lesões na gengiva e proporcionar maior poder de limpeza durante a escovação;
  2. Escovar os dentes após as principais refeições do dia – café da manhã, almoço e jantar – por no mínimo 4 minutos;
  3. Utilizar o fio dental, especialmente antes de dormir, a fim de eliminar os restos de alimentos entre os dentes;
  4. Limpar a língua com limpador ou raspador próprio, evitando o acúmulo de bactérias e o desenvolvimento da saburra lingual;
  5. Comparecer às consultas odontológicas num intervalo máximo de 6 meses para prevenir e identificar doenças orais de forma precoce.

Vale lembrar que a alimentação nutritiva é de extrema importância para a saúde da boca de modo geral, entretanto, a higienização correta e adequada é fator preponderante para a manutenção dos dentes e estado perfeito da boca.

Por isso, independentemente de adotar a dieta vegana ou não, se a alimentação diária abranger todos os nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo, os cuidados com a higiene oral forem bem observados e o paciente comparecer às consultas de rotina, sua saúde bucal estará sempre em dia.

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2018

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.