Currículo de dentista: quais informações são necessárias?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

O currículo de dentista deve destacar as habilidades do profissional de uma maneira objetiva

Depois de terminar de cursar a faculdade de odontologia, é hora de entrar no mercado de trabalho. Para isso, é necessário montar um bom currículo de dentista.

Mas como fazer um currículo de dentista sem ter experiência na área, é realmente possível? Sim! O profissional precisa destacar suas habilidades, ser objetivo e sucinto.

O currículo de dentista é um documento que deve ser utilizado quando for solicitar um emprego. Estará presente a formação acadêmica, a experiência profissional e as habilidades da pessoa.

Em outras palavras, tudo o que é pertinente ao assunto e que ajude o contratante a entender a experiência profissional adquirida durante toda a carreira do dentista.

É fundamental conseguir chamar a atenção do recrutador rapidamente. Devemos sempre ter em mente que eles recebem inúmeros e que, normalmente, os analisam em um curto espaço de tempo.

Então, é preciso causar impacto com o seu modelo de currículo.

Como montar o currículo?

O exemplo de currículo perfeito requer layout simples e informações objetivas

O exemplo de currículo perfeito necessita de um layout simples. Isso permitirá que você seja objetivo e que o recrutador visualize facilmente as informações.

Especialistas aconselham moldar o currículo de acordo com a vaga. Utilize somente uma página para concentrar os dados.

Quais informações colocar no currículo?

O modelo de currículo para dentista precisa ser certeiro. Saiba como a seguir

Como são alguns pontos a serem abordados, separamos em tópicos para facilitar e mostrar como deve ser o modelo de currículo para dentista.

Informações pessoais

Primeiramente, coloque seu nome completo, onde reside, idade, estado civil e telefones e e-mails para contato.

Objetivo profissional

Exponha quais são seus objetivos para aquela vaga e/ou carreira. Seja breve e coloque só o essencial.

Qualificações

Apresente quais são suas habilidades e o que aprendeu no curso de odontologia. Mostre os motivos de estar capacitado para a vaga.

Formação acadêmica

Coloque onde você cursou o ensino médio e o ensino superior. Se tiver alguma especialização ou pós-graduação, deixe ela como preferência em detrimento do ensino médio.

Não se esqueça de colocar o período do curso e a data de início e de conclusão.

Cursos livres

Faça com os cursos a mesma estrutura que a formação acadêmica. Se quiser, é possível colocar a carga horária.

Idiomas

Mostre qual seu nível de escrita, leitura e conversação de cada idioma que escolher inserir no currículo.

Experiência profissional

Conte sua experiência profissional. Fale dos lugares em que trabalhou e quais funções que realizava, se já tiver trabalhado anteriormente.

Se sua experiência não for diretamente com a odontologia, não há problema. Coloque-as também. Comunique o que tirou de proveito e o que pode ser útil para a carreira.

Outras experiências

Se tiver feito trabalho em uma organização não governamental ou intercâmbio, por exemplo, não deixe de evidenciar isso. Explique sucintamente como isso contribuiu para sua formação, tanto pessoal quanto profissional.

Não minta nas informações

A mentira será descoberta cedo ou tarde. Pode ser que durante a entrevista o recrutador peça que você conte mais sobre aquela determinada experiência que foi inventada. Portanto, coloque apenas o que for verídico.

LinkedIn é importante para o dentista?

Além de seguir as informações sobre como fazer curriculum vitae, utilize também o LinkedIn, uma rede social voltada para carreira profissional

O LinkedIn é uma rede social lançada com o intuito de ser especialmente voltada para fins profissionais.

Os contatos que você cria ajudam a encontrar vagas e a manter relações que podem ser bastante úteis durante a carreira.

Então, coloque uma foto apropriada, pois é uma rede de negócios. Nas informações, siga as mesmas instruções acima, sobre como fazer curriculum vitae.

Delimite sua experiência profissional, colocando o nome da empresa em que trabalhou, o período e a função. Você pode colocar referências externas, que levarão o usuário a visualizar fotos, videos ou imagens.

Não esqueça da formação acadêmica, dizendo em qual instituição estudou e quando.

Por ser uma rede social, interaja com as pessoas. Publique, curta, compartilhe e comente as postagens. É a melhor forma para ser visto.

Seguindo essas orientações, não há como o currículo de dentista dar errado! E se está cursando odontologia e quer algumas dicas para se dar bem, clique aqui e confira esse artigo especialmente para você!

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Compartilhe sua opinião

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!