Casca de banana é mesmo um método eficiente de clareamento?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Coberta de mitos e verdades, de fato que apresenta benefícios para a saúde do organismo

Quem nunca pesquisou por métodos caseiros e fáceis de clareamento dental? Com certeza, a maioria de nós já! Mas a pergunta é, nessa pesquisa, você se deparou com algo relacionado à casca de banana?

Sabemos que a fruta em si é rica em potássio e, por isso, consumi-la regularmente pode ser muito benéfico. Mas utilizar a casca de banana para clarear os dentes é algo diferente.

Casca de banana tem um alto teor de minerais em relação ao fruto. Por mais que não seja comum, a ingestão da casca pode ser uma boa alternativa para o aumento de minerais na dieta.

Nessa pele da banana existem boas quantidades de vitaminas B6, magnésio e potássio.

Casca de Banana Clareia os Dentes?

casca de banana

São diversas as opções de clareamento caseiro que podemos encontrar, certo? Se você já ouvir dizer que a casca da banana é um deles, sim, é verdade!

Porém, não é um procedimento milagroso, e que deve levar alguns pontos em consideração. Nunca utilize nenhum método de clareamento caseiro sem a orientação de um profissional formado e especializado.

Ficou curioso para saber mais? Então, continue lendo que preparamos um passo a passo desse processo para você.

Um dos principais motivos que sustenta essa informação, é o fato de que os minerais presentes na casca de banana (como potássio, magnésio e manganês) são bem absorvidos e deixam os dentes brancos.

Além disso, por ser um método mais leve e natural para os dentes do que outras opções, é recomendado por alguns profissionais. Diferente de outros branqueadores que são abrasivos e prejudicam os dentes.

Agora que já sabemos porque o método é eficaz, vamos ao passo a passo de como realizá-lo?

Comece Descascando a Banana

Parece óbvio, não é mesmo? Mas é importante que você saiba que o procedimento será feito com a banana descascada.

É importante que a banana que será escolhida esteja madura, pois é nesse momento em que possui a maior parte dos minerais. Todavia, não deve estar passada e nem preta.

Apenas uma única tira da banana deverá ser descascada. O resto permanece intacto, podendo ser reservado e utilizado nos próximos dias de procedimento.

Uma dica é tentar descascar a banana de baixo para cima. Esse pode ser um diferencial pois, dessa forma, a parte fibrosa que está dentro fica presa.

Esfregando a Parte Interna da Casca Contra os Dentes

O movimento é simples e não deve ser feito nem com muita força nem de forma muito leve. Esfregue a parte de dentro da casca da banana nos dentes de cima e de baixo.

Continue repetindo esse procedimento quantas vezes forem necessárias até que eles fiquem completamente cobertos com uma camada de pasta de banana.

Quando os dentes estiverem então cobertos, deixe com que essa espécie de pasta que foi liberada trabalhe por uns dez minutos em sua boca.

Por mais que não seja o mais confortável, manter a os lábios e a língua afastados dos dentes irá evitar que o material seja removido. Por isso, é recomendado ficar com a boca levemente aberta.

Escove Bem os Dentes

Assim que esses dez minutos se passarem, pegue sua escova de dentes de uso diário mesmo e, com ela seca e sem pasta, escove toda a banana na superfície dos dentes.

Assim como em uma escovação adequada e eficiente, faça movimentos circulares e gentis que não o machuquem durante um três minutos.

Por último, está liberado então molhar a escova de dente e remover assim a pasta de banana dos dentes. Nesse momento de limpeza, pode ser usado um creme dental de sua preferência, mas não é mandatório.

Continuando o Tratamento

Por ser um método mais leve e natural, os resultados dificilmente aparecerão logo após um único uso.

Por isso, todo esse processo que explicamos anteriormente deve ser mantido e realizado diariamente, por até duas semanas. Nesse período, as mudanças já deverão estar aparentes.

Uma dica para os ansiosos e pessoas que possam ficar frustradas achando que a casca de banana não funcionou, tirar fotos de antes e depois pode ser uma boa ideia.

Outros Tratamentos para Clarear os Dentes

outros métodos de clareamento dos dentes

 

É bem provável que, por ser um procedimento tão comum e popular, você já saiba quais são as opções disponíveis de clareamento. De qualquer forma, vamos diferenciar cada uma delas.

Existem dois tipos principais para clarear os dentes e ambos devem ser feitos com a supervisão de um cirurgião-dentista: o clareamento de consultório e o clareamento caseiro.

Clareamento de Consultório

Este tipo de clareamento é realizado pelo dentista no consultório com o auxílio do laser ou luz led.

Nesse caso, é colocado sobre os dentes um gel com uma grande concentração de agentes clareadores e, em seguida, é aplicado o laser.

Esse tipo de clareamento só pode ser realizado sob a supervisão de um cirurgião-dentista.

O gel clareador utilizado tem uma elevada concentração de peróxido de hidrogênio, o qual não deve entrar em contato com a gengiva por ser cáustico.

Durante o procedimento em consultório dentário, os lábios são afastados e a gengiva é protegida com uma resina fotopolimerizável que endurece com uma luz azul do tipo LED.

Essa funciona como um protetor interno.

É aplicado então o gel nos dentes secos, assim, esse deve permanecer por no mínimo 15 minutos, oferecendo resultados satisfatórios.

O protetor é importante também para evitar queimaduras dos lábios e bochechas.

Durante esse tempo, é aplicada a fonte de luz que, na grande maioria dos casos, não é um laser e sim um LED de alta potência, com um feixe bem pequeno de laser de baixa potência entre as lâmpadas.

A função da luz é apenas catalisar o processo. Na literatura, não há evidências da sua eficácia com luz ou sem luz.

O clareamento de consultório funciona de qualquer jeito, a diferença entre ele e o caseiro está na concentração do agente clareador.

Assim, resultados deste método são instantâneos, pois os dentes ficam mais claros desde a primeira sessão.

Mas podem ser necessárias de 1 a 3 sessões para chegar aos resultados desejados.

Clareamento com Moldeira (Caseiro)

Este tipo de procedimento estético pode ser feito em casa com o uso de uma moldeira de silicone, criada pelo dentista, para ser usada com um gel clareador.

Além disso, é importante ressaltarmos que, nesse caso, requer um pouco mais de tempo do que o procedimento que clareia a coloração dos dentes em consultórios.

O tempo de tratamento e a quantidade de produto utilizada dependem de cada caso.

Por isso, é importante o acompanhamento profissional.

Dessa forma, esse procedimento simples possibilita ótimos resultados, apesar de mais lentos, sendo necessário o uso da moldeira por algumas horas do dia ou à noite, por cerca de 2 semanas.

Além da casca de banana, apresentamos outros métodos simples de clarear seus dentes. Não tem mais desculpa para o sorriso amarelo, combinado?

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2018

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.