Síndrome do Túnel do Carpo afeta cirurgiões-dentistas

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

O cirurgião-dentista pode desenvolver a patologia por conta do esforço repetitivo

O dentista precisa ter diversos cuidados durante o exercício da profissão, desde a esterilização dos instrumentos a cautela com a sua própria saúde. Um dos riscos físicos da odontologia é a síndrome túnel do carpo.

Por isso, nesse artigo, nós vamos conversar mais sobre a Síndrome do Túnel do Carpo. O que é? Como afeta a saúde? Por que os dentistas são tão afetados por ela?

A Síndrome do Túnel do Carpo é uma neuropatia resultante da compressão do nervo mediano no canal do carpo. Essa estrutura anatômica se localiza entre a mão e o antebraço, na região que chamamos de punho. Através desse túnel rígido, além do nervo mediano, passam os tendões flexores. Qualquer situação que aumente a pressão dentro do canal provoca compressão do nervo mediano e, consequentemente, a síndrome do túnel do carpo.

Quais as causas da Síndrome do Túnel do Carpo?

Existem diversas causas que podem levar ao desenvolvimento da síndrome do canal cárpico. Dentre elas, a principal é a Lesão do Esforço Repetitivo, também conhecido como LER.

O LER é causado pelos movimentos repetitivos. Assim, profissionais que trabalham por horas realizando o mesmo movimento e até mesmo músicos costumam ser muito afetados pela doença.

Outros fatores comuns são:

  • As causas traumáticas: quedas e fraturas;
  • As causas inflamatórias: como a artrite reumatoide;
  • As causas hormonais: como gravidez e menopausa;
  • As causas medicamentosas;
  • Outras doenças: como diabetes e tumores.

Quais os sintomas da Síndrome do Túnel do Carpo?

A síndrome do túnel do carpo possui alguns sintomas bem característicos, enquanto outros podem ser sintomas em comum com outras doenças. Os principais sintomas dessa síndrome são:

  • Dormência ou formigamento: pode afetar a palma da mão, o polegar e os dois ou três dedos seguintes, de uma ou de ambas as mãos;
  • Dores que se estendem até o cotovelo;
  • Dor localizada no punho ou na mão;
  • Problemas com a movimentação da mão, principalmente dos dedos;
  • Desgaste do músculo sob o polegar;
  • Movimento de pinça débil;
  • Dificuldade para carregar peso;
  • Fraqueza em uma ou ambas as mãos;
  • A dor costuma ser pior a noite;
  • Dificuldade em realizar atividades básicas, como levantar copos, amarrar os sapatos ou fechar uma tampa.

Como a Síndrome afeta os dentistas?

Um cirurgião-dentista passa horas do seu dia sentado na mesma posição realizando procedimentos muito parecidos. Desse modo, os movimentos são repetitivos e constantes.

Além disso, a força empregada aos procedimentos e as vibrações dos instrumentos de odontologia podem acelerar o quadro.

Por isso, síndrome do túnel do carpo em dentistas é muito comum. Recomenda-se que o dentista avalie suas condições de trabalho e faça alongamentos durante o dia para prevenir a doença.

Qual o tratamento para a síndrome?

Os tratamentos para a síndrome do túnel do carpo levam em conta o grau da doença. Afinal, é uma doença que possui vários estágios, seus tratamentos vão do menos ao mais invasivo.

No estágio mais leve, o tratamento envolve imobilização, uso de anti-inflamatórios e muita fisioterapia.

Já o estado mais avançado, onde nenhum dos tratamentos faz mais efeito, é necessário realizar uma cirurgia para liberação do túnel carpal.

Por isso, se você quer evitar uma cirurgia, procure ajuda médica assim que sentir os primeiros sintomas da síndrome do túnel do carpo!

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.