Tudo sobre a odontohebiatria e suas especificações

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Confira o que é odontohebiatria e quem é atendido por ela

A adolescência é um estágio importante da vida. Todo o cuidado com o corpo é determinante, inclusive com a saúde bucal. Você sabia que existe uma área  da odontologia dedicada à essa fase da vida? Chamamos de odontohebiatria.

Adolescentes são todos aqueles de idades entre 10 e 20 anos. O profissional da área da odontohebiatria precisa estar preparado para conversar e orientar o jovem de forma compreensível e até descontraída.

A odontohebiatria é uma especialidade da área odontológica. Nela, os pacientes são os adolescentes e a área é responsável por entender e estudar as alterações bucais que ocorrem na boca durante esse período da vida.

O especialista em saúde bucal do adolescente atende em consultórios odontológicos próprios, na maioria das vezes.

Problemas bucais tratados pela odontohebiatria

O profissional trata alterações bucais na boca dos adolescentes. Algumas delas são:

  • Mau hálito: cheiro desagradável que sai da boca;
  • Cárie: é uma lesão estrutural causada pela bactéria no dente. Ela perfura o esmalte do dente e placas duras e com coloração escura. Caso não tratada, pode causar o abcesso.;
  • Placa Bacteriana: película grudenta e incolor formada por bactérias;
  • Erosão dentária: perda de minerais na camada do esmalte dentário; e
  • Doenças periodontais: elas têm três estágios- gengivite, periodontite e periodontite avançada. Representam alterações negativas na gengiva e nos ossos periodontais.

Além dos problemas bucais, o profissional tem conhecimentos para entender comportamentos nocivos do adolescente. Por isso, ele pode, a partir da saúde bucal, desconfiar de diagnósticos como bulimia, anorexia, distúrbios alimentares e até uso de drogas.

É preciso que profissional transmita confiança e que você possa tirar todas as suas dúvidas com ele.

Cuidados bucais

O adolescente precisa tomar cuidados especiais com a higiene oral. Ter uma atenção minuciosa com a saúde bucal é essencial para diminuir os riscos de problemas futuros. Assim, o odontohebiatra separa algumas dicas para você seguir.

Escove os dentes depois de acordar, depois das refeições e antes de ir dormir. Mas, lembre: faça movimentos suaves e circulares em torno de todos os dentes.

Lembre de sempre escovar a língua também, porque ela também tem bactérias bucais que podem fazer mal a saúde. É importante tentar não passar a escova bruscamente.

O uso do fio dental pelo menos uma vez ao dia é recomendado pelos dentistas. Não precisa passar o fio de forma bruta, mas é preciso que você limpe toda a área ao redor do dente e perto da gengiva.

O seu dentista também pode passar algum enxaguante bucal ideal para você manter e completar a limpeza bucal todos os dias.

Na hora da alimentação, também é preciso ter uma dieta regulada. Por isso, consuma bastante vitaminas e nutrientes. Não esqueça de se manter hidratado sempre que puder.

Faça visitas regulares ao seu dentista de confiança! Com uma saúde bucal em dia, você se previne contra organismos nocivos e mantém um sorriso perfeito!

Como é a formação do profissional?

Caso você esteja lendo esse artigo com interesse na área, te contamos um pouco mais sobre como é possível atuar nesse mercado.

Dentro da faculdade de odontologia, o futuro profissional estuda estruturas bucais, como os dentes, a boca e os ossos da face. No ambiente universitário, é ensinado como fazer prevenção, diagnósticos e tratamentos de doenças orais. Ainda, o estudo pode ser focado em questões estéticas.

A duração do curso de odontologia é de 5 anos, com todos os cursos presenciais. As aulas práticas são iniciadas no segundo ano da faculdade.

Em todas as instituições, o estágio é obrigatório para a formação. E, no final de todo o curso, é preciso que o estudante faça um TCC, também conhecido como trabalho de conclusão de curso.

Caso você opte por fazer o curso em uma instituição privada, a maioria delas custa em média R$1700,00 por mês. Mas, fique atento para as bolsas universitárias e programas de financiamento.

Quando você finalizar a faculdade e já estar com seu diplomas, você pode atuar como um dentista generalista. Assim, atendimentos clínicos e tratamentos que são básicos serão a sua área de atuação.

Mas, e a odontohebiatria? Pois é, mesmo com o diploma, você não poderá atuar como um profissional desse ramo. Assim, é preciso que você faça uma especialização em saúde bucal do adolescente. Uma pós-graduação é ideal.

Juliana Peres

Juliana Peres

Graduada em Odontologia pela Universidade Cidade de São Paulo. Pós-graduada em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial pelo programa de residência profissional do Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos. Conhecimento na área de cirurgia oral menor e maior. Residente em cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial no Complexo Hospitalar Padre Bento durante 3 anos e responsável pelo atendimento de pacientes na área de clínico geral, cirurgias orais e harmonização orofacial em diferentes clínicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.