Saiba como aplicar o modelo Canvas na sua clínica odontológica

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Começar uma clínica odontológico do zero é uma tarefa nada fácil. Especialmente para um dentista recém-formado, tarefas relacionadas à administração e ao planejamento estratégico podem ser um campo totalmente estranho. Porém, hoje existem algumas ferramentas que servem para auxiliar o novo empreendedor em seu modelo de negócio, uma delas é o modelo Canvas.

O modelo Canvas foi criada pelo teórico da administração Alexander Osterwalder e tem como objetivo orientar empreendedores em um novo negócio. Além de ser inovador e dinâmico, esse modelo permite a organização como um todo e a criação de soluções de problemas, de acordo com a realidade do negócio, nesse caso, da sua clínica odontológica.

A ferramenta Bussiness Model Canvas, ou apenas modelo Canvas, é um mapa visual constituído por itens como infraestrutura, oferta, cliente e finanças. Nele, você deve colocar as informações do seu consultório, possibilitando uma visão e estruturação do seu negócio como um todo, a fim de manter o planejamento estratégico e as atividades administrativas organizadas.

Entendendo o modelo Canvas

A Bussiness Model Canvas é uma ótima ferramenta para o dentista que quer abrir sua própria clínica odontológica, pois permite uma visualização muito mais simples do seu negócio de uma forma geral.

Além disso, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), órgão responsável por promover o desenvolvimento econômico por meio da orientação de micro e pequenas empresas, também recomenda o uso desse do Canvas para definição do seu modelo de negócio.

Dessa forma, para estar nivelado e acompanhar o mercado, definir um pensamento estratégico para sua clínica odontológica e fazer melhorias para torná-la mais competitiva, confira como utilizar o modelo Canva.

Primeiramente, como já dito, esse modelo é simplesmente um mapa visual. Esse mapa compõe ao todo nove caixas que representam partes do seu planejamento de negócio.

Para começar seu próprio modelo, você pode utilizar cartolinas, post-its ou fazer até mesmo online. Se essa última for a melhor opção para você, o site do Sebrae possui uma estrutura para colocar o seu planejamento em prática.

A elaboração desses nove blocos é auxiliada pelo uso de quatro perguntas básicas:

  1. “O que?”
  2. “Quem?”
  3. “Como?”
  4. “Quanto?”

Assim, você utilizará um bloco para a pergunta “O que?”, três blocos para a pergunta “Quem?”, três blocos para a pergunta “Como?” e dois blocos para a pergunta “Quanto?”

As definições do seu modelo de negócio, separadas em nove blocos, serão determinadas pelos conceitos a seguir:

  1. Proposta de valor;
  2. Segmentos de clientes;
  3. Canais de distribuição;
  4. Relacionamento com o paciente;
  5. Recursos chave;
  6. Atividades chave;
  7. Parcerias chave;
  8. Fluxo de receita;
  9. Estrutura de custos.

Calma! Iremos explicar como isso funciona.

Passo a passo do modelo Canva

O QUE?

Essa é a primeira pergunta que definirá o seu primeiro conceito do modelo Canva. Ocupe o primeiro bloco com esse conceito.

Proposta de valor: é a proposta de valores que sua clínica odontológica oferecerá ao cliente, baseando-se nas soluções que ele oferece e os seus diferenciais. Ou seja, é aquilo que sua clínica oferece que possui valor para o seu cliente. O que você oferece? Portanto, mais do que tratamentos dentários, procure definir valores como autoestima ou bem estar.

  • Quais as necessidades dos clientes que a sua clínica satisfaz?
  • Que valor é entregue ao seus clientes?

QUEM?

A pergunta “Quem?” ocupará três blocos no seu modelo Canvas do consultório odontológico. Cada um desses três blocos será ocupado por dois conceitos diferentes, veja:

Segmentos de clientes: partindo do princípio de que não é possível agradas a todos, defina um público-alvo.

Assim, esse bloco descreve o perfil do seu público, bem como comportamento, faixa etária, preferências, classe social e outras características. Seu público almeja apenas algumas correções para manutenção da saúde bucal? Ou é um público mais refinado, com interesses em procedimentos estéticos?

  • A qual público o seu consultório se destina?
  • Para público foram pensados os valores do seu consultório?
  • Qual segmento você pretende atender em seu consultório?
  • Quem são os seus principais e mais importantes clientes?

Canais de distribuição: esse bloco deve ser constituído pela definição dos canais que estabelecem a comunicação do consultório com o cliente, informando seus serviços ao mercado.

Portanto, aqui deverão ser definidas as formas com que seus clientes chegarão até você. São exemplos as mídias sociais, anúncios patrocinados e e-mail marketing.

  • Como os seus clientes chegaram até você?
  • Quais métodos poderão ser usados para trazer clientes ao consultório?
  • Como o mercado saberá da existência do seu consultório e serviços?

Relacionamento com o paciente: apenas um relacionamento empático pode não ser suficiente para fidelizar os seu clientes. Até mesmo o perfil da sua própria clinica odontológica comunica algo aos seus pacientes.

Para esse bloco, pense em maneiras de relacionamento com os seus pacientes, interagindo com eles também de maneira externa. Assim, podem ser citados como exemplos o uso de SMS em datas comemorativas, acompanhamentos pós consulta e lembretes de novas consultas.

  • Que tipos de relacionamentos sua clínica possui e quer possuir?
  • Qual a percepção de seus pacientes a seu respeito e do consultório?
  • Como você irá entrar em contato com os seus pacientes?

COMO?

Essa terceira também ocupará três blocos no seu Canvas. Confira:

Recursos chave: esse bloco deverá descrever como as principais atividades do consultório serão executadas e como serão entregues os valores definidos pelo consultório.

Portanto, além de recursos financeiros, detalhe também recursos intelectuais, tecnológicos, equipamentos etc.

  • Quais estratégias você utilizará para atingir seu objetivo?

Atividades chaves: para esse bloco, enumere as tarefas que necessitam ser executas para construir e entregar a sua proposta de valor. Dessa maneira, podemos citar como exemplo, atendimentos personalizados, aluguel de salas, capacitação de colaboradores, entre outras opções.

Parceiros chaves: pense em que parcerias você pode construir para que sua proposta de valor seja entregue.

Assim, descreva nesse bloco quais parcerias você pode utilizar e que fornecedores poderão te ajudar para esse fim. Exemplos de parcerias são, planos de saúde, dentistas parceiros etc.

QUANTO?

Para responder a última pergunta do seu modelo Canvas para clínicas odontológicas, separe os últimos dois blocos com os dois conceitos a seguir:

Fluxo de receita: no nosso penúltimo bloco você deverá pensar nas entradas financeiras do consultório, identificando também de onde elas vêm. Assim, você poderá mapeá-las e acompanhá-las. Por exemplo, alocação de salas, plano de saúde e valores pagos pelos pacientes.

  • Qual valor o seu público alvo está disposto a pagar?
  • Como o seu público alvo prefere pagar?

Estrutura de custos: por fim, em nosso último bloco, descreva todos os custos que serão precisos para abrir e manter sua clínica odontológica.

  • Quanto custa seu tempo e sua hora clínica?
  • Quais são os custos mais importantes?
  • Quais são as atividades chaves mais caras?

Aplicação do modelo Canvas

Para além de auxiliar no empreendedorismo, a principal ideia da aplicação do Canvas é a sua utilização de acordo com a realidade do seu modelo de negócio. Além disso, é uma proposta dinâmica e tem o intuito de oferecer uma contribuição mais sensível à sua clínica ou consultório odontológico, estando voltada para novas ideias.

Depois de montados os nove blocos do seu Canvas, você conseguirá ter uma melhor visualização da conceitualização, estratégias e modelo do seu consultório. Exibindo sua forma de operação, principais fluxos, processos e valores.

Dessa forma, a utilização do modelo Canvas permite uma análise constante de suas estratégias, com o objetivo de melhorá-las cada vez mais. Não se esqueça, para mais dicas de como abrir e gerir o seu primeiro consultório odontológico, confira os outros artigos disponíveis no site. 

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.