Laser odontológico é um auxiliar terapêutico indispensável

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Descubra os tipos de laser odontológico existente e suas principais funções

Os procedimentos e técnicas vem evoluindo cada vez mais na área da odontologia. Com isso, acabam surgindo novas tecnologias, como é o caso do laser odontológico.

O laser odontológico é empregado na laserterapia, proporcionando inúmeros benefícios aos pacientes. Entretanto, para manusear o equipamento é necessário que o profissional possua um prévio conhecimento sobre a modalidade.

Laser odontológico é um dispositivo que, através da emissão de feixes de luz com variados comprimentos de onda, pode proporcionar um efeito terapêutico nos pacientes.

O aparelho de laser geralmente é utilizado como uma complementação ao tratamento odontológico em questão. Muitas vezes até melhorando os seus resultados e proporcionando maior conforto aos pacientes.

É importante ressaltar que um correto diagnóstico e um tratamento convencional adequado são essenciais para a realização de procedimentos clínicos.

Como o laser odontológico atua em nosso organismo?

A luz emitida pelo dispositivo é absorvida pelas células mais fracas de nosso corpo. Desse modo, aumenta a microcirculação local e normaliza a produção de energia celular, fortalecendo-as.

Por isso, o uso do equipamento se tornou indispensável para os dentistas. Não é atoa que ele pode ser encontrado na grande maioria dos consultórios odontológicos.

A técnica é indolor e extremamente segura. Assim, a única precaução é a utilização de óculos especiais, tanto pelo paciente quanto pelo dentista.

Essa necessidade ocorre pois o conjunto de luzes emitidas pelo aparelho podem ser nocivas aos olhos humanos, podendo prejudicá-los caso haja um contato direto.

Fora isso, não existem efeitos colaterais. O tempo de duração da técnica pode variar de acordo com a demanda do tratamento e de sua complexidade.

Além disso, é importante ressaltar que dentro da laserterapia existe uma modalidade denominada terapia fotodinâmica. Ela funciona a partir da união de três elementos: laser, oxigênio e corante.

Seu principal objetivo é viabilizar um efeito antimicrobiano. Portanto, este método pode ser utilizado em diversas áreas, como na periodontia, endodontia, peri-implantite, pericoronarite e tratamento de vesículas herpéticas.

Tipos de laser odontológicos e suas indicações

Existem dois tipos de laser odontológicos. Os de alta potência, para procedimentos cirúrgicos mais pesados e preparos na cavidade dentária, e os de baixa potência, que são os relacionados principalmente à laserterapia.

Agora iremos acompanhar as principais formas de uso do laser pelos dentistas:

Indicações para uso de laser de baixa potência

  • Alívio da dor;
  • Hipersensibilidade dental;
  • Parestesia: são comumente causadas pela extração do siso, quando atinge um nervo, porque afetam a sensibilidade;
  • Paralisia: podem ser causadas por bactérias e vírus;
  • Alveolite;
  • Exodontia;
  • Herpes labial: o laser auxilia no aumento na imunidade, combater os vírus presentes e agilizar a cicatrização;
  • Aftas: ajuda na diminuição da dor por fortalecer a recuperação, agindo como se fosse um anti-inflamatório;
  • Neuralgia do trigêmeo: essa inflamação, que acomete o nervo do trigêmeo (faz uma ligação do crânio com a face), provoca intensas dores intermitentes. Assim, o funciona como um analgésico nesse caso.

Indicações para uso de laser de alta potência

  • Síndrome de dor e disfunção da A.T.M. (articulação da Mandíbula);
  • Paralisia facial de Bell;
  • Hipersensibilidade dentinária ou sensibilidade dental;
  • Tratamento da Afta;
  • Tratamento da Alveolite;
  • Anestesia;
  • Bioestimulação óssea;
  • Tratamento da Cárie;
  • Edema;
  • Tratamento de Endodontia;
  • Líquen plano;
  • Língua geográfica;
  • Tratamento da Lesão traumática;
  • Tratamento da Queilite Angular;
  • Tratamento da Parestesia.

Agora você já conhece um pouco mais sobre este procedimento indispensável à qualquer dentista. O ideal é que pensemos no laser odontológico com um auxiliar terapêutico fundamental.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Compartilhe sua opinião

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!