Genética pode desencadear diversas doenças bucais

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

A genética na odontologia está associada ao surgimento de disfunções na boca ou de patologias mais graves

Você sabia que um tipo de cárie, por exemplo, pode estar mais relacionada à genética da pessoa, que foi passada hereditariamente, do que com os hábitos de higiene bucal?

Sim, não são só doenças raras que se transmitem pela genética. Neste artigo você irá conferir quais as principais patologias bucais que passam de pai para filho.

A genética está associada a doenças congênitas, ou seja, as que acompanham a pessoa desde o nascimento, seguindo para a vida toda. Isso pode se tratar de uma patologia que atue na má formação estética da pessoa ou de uma simples disfunção que facilite a incidência de alguns problemas.

Herança de uma má higienização

Além da genética, que atua no nosso DNA, algumas heranças podem ser deixadas para nossos filhos.

Se o hábito de realizar a higienização da boca não for passado para a criança desde cedo, ela não conseguirá aprendê-lo corretamente e praticá-lo o restante de sua vida.

Tampouco irá conseguir passar isso por meio da hereditariedade.

A má limpeza ocasiona em diversas adversidades, como doenças periodontais, cárie e mau hálito. Portanto, a fim de evitar esses problemas, escove os dentes e faça o uso do fio dental.

E cuide de passar essa cultura adiante. Afinal, a saúde bucal está inserida na nossa saúde corporal.

Doenças genéticas

Agora vamos mostrar algumas disfunções ou doenças que são passadas hereditariamente, evidenciando a influência genética em problemas bucais:

Dentes amarelos ou amarelados

Dentes amarelos ou amarelados surgem geralmente através da atuação prejudicial de determinados alimentos, bebidas e medicamentos. Com o passar dos anos, nossos dentes perdem o esmalte dentário que reveste a coroa, o que gera um desgaste natural e a mudança de cor.

Isto é, também temos uma predisposição para que eles percam a cor original de acordo com o tempo. Isso acontece porque a dentina, a parte interna, aparece, e sua cor é mais escura.

No entanto, temos uma predisposição genética que indica como será nossos dentes. As características dos nossos dentes estão ligadas aos dos nossos pais, como o tamanho, formato e a cor.

Então, se você possui um dente com a coloração mais escura, mas seus pais também apresentam essa particularidade, fique tranquilo! Isso pode ser um fator do gene.

Para saber se a pigmentação do seu dente é assim por natureza ou se está ligado aos seus hábitos de higiene bucal, consulte seu dentista. Ele saberá sanar todas suas dúvidas e indicará a melhor forma de tratamento, caso queira clarear eles, expondo com a relação de genética e odontologia da situação.

Lábio leporino

Lábio leporino é uma má formação que consiste em uma abertura nos lábios superiores. Esse problema é congênito, ou seja, surge ainda durante a gestação, podendo ser identificado em exames de ultrassonografia.

Essa disfunção pode ser genética ou consequência de hábitos da gestante que interferem no desenvolvimento do feto, passando de pai para filho.

Dentre os hábitos estão: abuso de bebidas alcoólicas, drogas e cigarros durante a gestação; medicamentos antibióticos, antifúngicos, broncodilatadores e anticonvulsivantes.

Fator genético: a diabetes, se não controlada, pode ocasionar no surgimento da fissura; se a pessoa teve o lábio leporino durante a infância, é possível que seus filhos o desenvolvam.

Amelogênese imperfeita

É uma má formação do esmalte dos dentes, deixando a superfície do dente mais exposta.

Desenvolvimento do osso mandibular

O prognatismo mandibular é uma desarmonia facial envolvendo ossos, dentes e músculos. É caracterizado pelo excesso de crescimento da parte inferior da boca, em relação à maxila, localizada na arcada superior.

Já o retrognatismo mandibular, acontece quando os dentes superiores ficam à frente dos inferiores. Isso ocorre porque o osso da mandíbula não se desenvolve como deveria, ficando desarmonizado em relação ao maxilar.

Hiperdontia

Hiperdontia é uma anomalia rara que provoca o crescimento de dentes em número excessivo na boca.

Ela pode ocorrer na infância ou no período da adolescência, durante o nascimento dos dentes definitivos. Essa anomalia pode afetar qualquer pessoa, porém a ocorrência em homens é mais frequente.

Anquilose dentária

Anquilose dentária é uma fusão entre a raiz do dente e o osso. Ela ocorre por alguma deficiência ou ausência do ligamento periodontal, tecido conjuntivo que une os dentes aos maxilares.

Câncer de boca

câncer na boca é um tipo de câncer que agride os tecidos da região da boca. Esse processo se dá pela divisão descontrolada de células incomuns ao corpo nessa região.

Como está inserida nas doenças genéticas e nem sempre é possível visualizar os primeiros sinais que indicam a existência do câncer bucal, o paciente deve se prevenir periodicamente e realizar exames de rotina com um profissional qualificado.

Doenças periodontais e cárie

Se durante sua vida você apresentou doenças periodontais, como gengivite, periodontite e retração gengival, e cárie sem motivos aparentes, é possível que sejam desencadeados pela genética.

Juliana Peres

Juliana Peres

Graduada em Odontologia pela Universidade Cidade de São Paulo. Pós-graduada em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial pelo programa de residência profissional do Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos. Conhecimento na área de cirurgia oral menor e maior. Residente em cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial no Complexo Hospitalar Padre Bento durante 3 anos e responsável pelo atendimento de pacientes na área de clínico geral, cirurgias orais e harmonização orofacial em diferentes clínicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.