Dedeira de silicone deve estar no kit de higiene do bebê

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Um aliado para esse momento que pode ser complicado, a dedeira facilita a vida dos pais

Durante os primeiros anos de vida, os bebês precisam de auxílio dos pais para os diversos cuidados. Incluindo aqueles com a saúde bucal, mesmo sem dentinhos na boca. E a dedeira de silicone por ser uma aliada.

Dessa forma, além de contar com a ajuda da dedeira de silicone, é fundamental manter as consultas de rotina com o odontopediatra pra que ele possa dar outras dicas de higienização.

A dedeira de silicone é um acessório importante que auxilia nos momentos de realizar a higiene bucal dos recém- nascidos. Como nessa época ainda são muito sensíveis e precisam de cuidados mais leves, a dedeira é uma das melhores opções.

Quando Usar a Dedeira de Silicone?

O mais importante é que os pais saibam que a dedeira de silicone para higiene bucal só deve ser usada enquanto o bebê ainda não tiver dentes.

Ao completar os seis meses, eles já começam a passar pelo processo natural de erupção dos primeiros dentes. Essa é a melhor época para utilizá-la.

O motivo para isso é que, como os dentes ainda não estão para fora da gengiva, a dedeira irá ajudar a massageá-las, servindo também como um mordedor e aliviando as coceiras causadas pelo nascimento dos dentes.

Uma dica também é envolver o dedo indicador com uma gaze ou pano bem limpo e embebido em água morna e utilizá-lo no bebê. Porém, aos primeiros sinais de dentes nascendo, troque pela dedeira.

Logo que o primeiro molar nasça, já é recomendado então trocar pela escova de dentes para crianças. Apenas a maciez da dedeira já não é mais suficiente e adequada para a higienização desse novo dentinho.

Como Utilizar a Dedeira de Silicone?

O mais comum é que a dedeira de silicone para bebê seja colocada no dedo indicador da mão que você tenha mais firmeza.

É necessário colocar uma pequena quantidade de creme dental. Porém, este deve ser sem flúor e, de preferência, compre uma específica para o bebê. Não use a mesma que a sua!

O ideal é que a quantidade de pasta utilizada seja apenas uma gota, mais ou menos formando o tamanho de uma ervilha na ponta do dedo.

É importante lembrar sempre que os bebês ainda não sabem como cuspir aquele líquido. Por isso, tudo introduzido em sua boca será engolido ou eliminado pela baba.

Então, sem fazer movimentos rápidos e bruscos, faça uma massagem por toda a área, até atrás, por entre as bochechas e língua, garantindo que tudo ficou bem limpo.

Por fim, basta enxaguar com cuidado e pouca água a boca do bebê, eliminando todo o excesso de produto que restou em sua boca.

Passei Para a Escova, e Agora?

Após introduzir a escova de dentes na rotina de higiene bucal do bebê, nós já demos a dica: opte pelas infantis e adequadas para sua idade.

Escolher escovas que não tenham cerdas macias e suaves, por exemplo, pode acabar machucando a área ainda muito sensível.

Por isso, assim como com a dedeira de silicone, todo e qualquer cuidado é pouco. Essa fase é uma das mais importantes e, qualquer problema, pode trazer futuras complicações para o bebê.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.