Cisto odontogênico: descubra quais são os principais

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Entenda quais são as causas e tratamentos dos principais tipos de cisto odontogênico

Você vai ao dentista realizar uma consulta de rotina e ele informa que foi detectado um cisto odontogênico em sua boca. E agora, o que fazer?

Primeiramente se acalme, existem diversos tipos de cisto odontogênico. Cada um afeta o organismo de uma maneira e pode ser tratado de diferentes formas.

Cisto odontogênico é uma anomalia resultante da proliferação de remanescentes epiteliais associados à formação de nossos dentes.

Os remanescentes epiteliais presentes na maxila e mandíbula são originais do ectoderma. Ela reveste os processos embrionários que irão formar a face e boca ou de tecido epitelial que participa na odontogênese.

A presença pura e simples de restos epiteliais já é o suficiente para explicar a formação de um cisto.

É necessária a ação de um agente inflamatório, por exemplo, capaz de estimular e determinar a proliferação desses restos remanescentes.

Tal condição é freqüente nos maxilares, onde infecções e traumas são capazes de desencadear a resposta inflamatória.

Principais Cistos Odontogênicos

Agora que você já está por dentro do assunto, está na hora de listarmos os principais tipos de cisto odontogênico:

Cisto da Lâmina Dentária

Esses cistos odontogênicos afetam principalmente recém-nascidos. Eles se apresentam como pequenos nódulos esbranquiçados, localizados nos rebordos alveolares dos maxilares.

Como os atingidos por essa anomalia geralmente são muito jovens, ela se manifesta de forma assintomática. O cisto de lâmina dentária costuma se romper naturalmente pouco depois de surgir, muitas vezes passando despercebido.

Queratocisto ou Cisto Primordial

Esse tipo de cisto é pouco freqüente e geralmente assintomático, exceto quando ele se torna secundariamente infectado. Raramente apresenta manifestações clínicas evidentes.

Quando alcança um grande tamanho, geralmente envolvendo o ramo ascendente da mandíbula, pode apresentar tumefação e relato de dor.

A mandíbula é mais envolvida em relação à maxila, ocorrendo a maior freqüência na região de 3º molar inferior. Entretanto,  pode desenvolver em qualquer parte dos maxilares, inclusive na linha média da mandíbula e maxila.

A lesão é mais comum em homens do que em mulheres. Além disso, é diagnosticada usualmente entre a segunda e terceira década de vida do paciente.

Cisto Dentígero

Trata-se de um tipo de cisto com maior incidência que o queratocisto. A lesão acomete a coroa de um dente não irrompido, prendendo-se em seu colo.

A disfunção está associada principalmente aos terceiros molares inferiores, vindo em uma ordem decrescente, caninos superiores, pré-molares inferiores e terceiros molares superiores.

Assim, raramente ela está associada a um dente decíduo.

O tratamento do cisto no dente acontece por meio cirúrgico. Pode ser realizado por enucleação ou marsupialização. Desse modo, é escolhido pelo dentista após diagnóstico, considerando a idade da pessoa e o tamanho da lesão.

Cisto de Erupção

O cisto de erupção é uma variedade de cisto dentígero associado a um dente decíduo ou permanente, em processo de erupção.

Trata-se uma lesão extra-óssea localizada entre o epitélio reduzido do órgão de esmalte e a coroa do dente, causada pelo acúmulo de exsudato, com freqüência hemorrágica, o que confere à gengiva a cor azulada.

Normalmente esse cisto odontogênico se rompe devido a pressão mastigatória, não necessitando de tratamento.

Valdir de Oliveira

Valdir de Oliveira

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela Universidade de Santo Amaro (UNISA). Pós-graduado em Ortodontia e Ortopedia dos Maxilares pela Sboom. Com especialização e mestrado em Implantodontia, habilitação em Harmonização Orofacial e Anatomia da Face. Professor nas áreas de Cirurgia Bucomaxilo Facial e Harmonização Orofacial. Voluntário há mais de 20 anos na Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais - ADRA Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.