Biotipo facial: quais são e como atuam na odontologia?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Saiba mais sobre o que é biotipo facial e por qual razão essa área deve ser conhecida pelo profissional de odontologia

Quando falamos sobre a anatomia da face, o dentista precisa estar atento a diversos detalhes. Existem subdivisões do tema que serão estudados pelos profissionais da odontologia, como o biotipo facial.

Conhecer o biotipo facial é de suma importância entre profissionais que atuam principalmente na área de harmonia facial, uma vez que cada pessoa possui um formato de rosto diferente e a especialidade fará alterações nele.

Biotipo facial é o nome dado à área de estudo de tipos humanos que possui como foco a configuração craniofacial. Ou seja, do crânio e da face, considerando músculos e ossos.

Contudo, aqui existe uma ligação com a sustentação, a base de ossos, os compartimentos de gordura e outros elementos que influenciam diretamente sobre a harmonização facial.

Além disso, é válido ressaltar que esse estudo faz parte da ciência chamada de cefalometria, responsável por analisar estruturas do crânio e do rosto.

Por meio dela, é possível entender qual é o formato e o traçado do complexo craniofacial do paciente através de medidas angulares e lineares a partir de radiografias frontais e laterais.

Agora, se você quer saber mais sobre quais são os possíveis tipos, bem como a necessidade de conhecer a estrutura facial e a relação com os problemas de harmonia facial, você está no local certo.

Neste artigo nós iremos explicar melhor sobre cada um desses pontos. Vamos lá?

Quais São os Biotipos Faciais?

Antes de elencarmos quais são os três possíveis biotipos faciais, é necessário explicar que esta é uma característica individual de cada ser humano.

Sendo assim, pontos como características genéticas, étnicas e hereditárias possuem influência direta sobre o formato do rosto.

Dessa forma, após feitos os exames, é possível dizer se o paciente possui uma face que pode ser considerada harmônica ou não. No entanto, não cabe aqui dizer se é um rosto é bonito ou feito.

De toda forma, um ponto merece atenção é que o dentista não deve julgar o perfil do paciente, e sim chegar ao diagnóstico para tratar ou prevenir eventuais problemas, sejam eles estéticos ou oclusais.

Vamos então aos três tipos. Confira abaixo:

  • Braquifacial: crescimento horizontal maior do que do vertical, causando uma face mais curta, com aspecto quadrado e uma mandíbula forte e marcada;
  • Mesofacial: crescimento proporcional nas direções vertical e horizontal. Mesofacial vem da palavra meso, que significa equilibrado, proporcional;
  • Dolicofacial: quando o crescimento da face é mais vertical do que horizontal, causando problemas como face longa, cabeça oval, comprida e estreita, sem a mandíbula marcada.

Em outras palavras, é possível dizer que enquanto o dolicofacial e o braquifacial são extremos opostos, o mesofacial é o perfil mais equilibrado que existe entre os três casos.

Por Que o Dentista Deve Conhecer Essa Estrutura Facial?

Como citamos anteriormente, é de suma importância que o dentista tenha conhecimento sobre essa área de estudo.

E isso se dá pelo seguinte ponto: conhecer essa as estrutura facial dos paciente dá ao profissional uma possibilidade de analisar melhor o caso.

Ao analisar corretamente a situação, o diagnóstico se torna mais certeiro, o que ajuda a traçar o planejamento de harmonização facial do paciente.

Qual a Relação Entre Biotipo Facial e os Problemas Faciais?

Por se tratar da área que estuda o formato do rosto do paciente, é possível dizer que existe uma forte relação entre ela e problemas como a assimetria facial.

Afinal, é por meio do estudo da estrutura facial que o dentista entenderá qual o melhor caminho a seguir durante o tratamento do paciente.

E essa necessidade se dá tanto para recém-formados como também para os que já estão no mercado há um tempo.

Para isso, podem ser buscados cursos de especialização à critério do profissional.

Contudo, entender sobre biotipo facial influencia sobre o bom andamento do tratamento dos pacientes. E se você gostou deste conteúdo, confira mais aqui na Simpatio!

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Compartilhe sua opinião

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!