Betametasona é um medicamento receitado para várias doenças

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Quando usado da forma correta, a betametasona é eficaz e oferece benefícios ao paciente

São inúmeros os anti-inflamatórios e antialérgicos que conhecemos e vemos disponíveis hoje em dia nas farmácias, não é mesmo? O Betametasona está entre eles!

Apesar de tudo, a automedicação desse tipo de medicamento pode ter graves consequências. Com o Betametasona não é diferente, por isso é essencial ter a prescrição de um profissional para consumo do mesmo.

Dessa forma, conhecido também como dipropionato de betametasona, ele é um medicamento com ação anti-inflamatória, anti-alérgica e anti-reumática.

Normalmente é encontrado também por nomes populares de Diprospan, Dipronil ou Dibetam. Vamos entender mais sobre para que serve este medicamento?

Prescrição do Betametasona na Odontologia

Essa medicação pode ser prescrita também por um cirurgião-dentista. Normalmente, na odontologia, ela é utilizada para aliviar a dor pós-operatória.

Essa medicação pós-cirúrgica em odontologia é utilizada também na remoção de terceiros molares, por exemplo, na qual ocorre um procedimento cirúrgico comum e o cirurgião a prescreve para o paciente.

Aqui, normalmente é administrada juntamente com a substância dexametasona.

Em casos de trismo, dor e edema o medicamento também tem sido utilizado com eficácia para a melhora de cada uma destas complicações.

Para que serve o Betametasona?

Principalmente, é importante citarmos que a medicação é encontrada em três formas: comprimido, elixir e solução injetável. Seu uso dependerá da funcionalidade em cada tratamento. A gente explica melhor, continue lendo.

Comprimido e Elixir

Nesse caso, essa substância ativa irá servir para:

Um fato importante é que, o medicamento não deve substituir, mas sim ser usado em conjunto com os outros medicamentos prescritos pelo seu médico.

Solução Injetável

Já na forma injetável, ele é indicado principalmente então em distúrbios:

  • Endócrinos
  • Neurológicos
  • Osteomusculares
  • Do colágeno
  • Dermatológicos
  • Alérgicos
  • Oftálmicos
  • Respiratórios
  • Hematológicos
  • Neoplásicos

Neste caso, também não é uma medicação que substitui outras. É muito indicado em situações onde se exige efeito corticosteroide rápido e intenso.

Betametasona na Prevenção da Síndrome da Membrana Hialina

Existe uma doença conhecida por síndrome da angústia respiratória do recém-nascido. Basicamente, é um distúrbio que ocorre devido a uma baixa produção de surfactante pulmonar e da má adaptação do bebê após sair do útero.

Por meio da solução injetável, o Betametasona entra então podendo ser usado como uma medida profilática para o surgimento dessa síndrome.

Principalmente, é prescrito para as mulheres grávidas antes da 32ª semana de gestação, quando o risco de parto pré-maturo ainda é alto.

Principais usos do Betametasona

Como já citamos anteriormente neste artigo, existem alguns casos em que essa medicação é de extrema importância. Por isso, iremos falar então mais sobre algumas delas:

Uso em Distúrbios Osteomusculares

Quando falamos nos problemas que aparecem nos ossos e também nos músculos, ele é utilizado principalmente como auxiliar no tratamento em curto prazo da artropatia psoriásica. Além disso, trata também:

  • Artrite reumatoide;
  • Espondilite anquilosante;
  • Bursopatias não especificadas;
  • Tenossinovites não especificadas;
  • Gota;
  • Febre reumática aguda;
  • Osteoartrose primária generalizada;
  • Fibrosite;
  • Epicondilite;
  • Miosite;
  • Calosidade.

Doenças do Colágeno

Neste caso, é recomendado principalmente durante uma exacerbação ou ainda como medicamento de manutenção em certos casos de lúpus eritematoso sistêmico; cardite reumática aguda; esclerodermia; dermatopolimiosite.

Estados Alérgicos

Em pessoas que sofrem com estados alérgicos graves ou ainda que não obtêm mais respostas aos tratamentos convencionais, o medicamento pode ser recomendado.

Principalmente, aparece no tratamento de doenças como:

  • Rinite alérgica sazonal;
  • Rinite alérgica perene;
  • Pólipo nasal;
  • Asma brônquica;
  • Dermatite, doenças do soro;
  • Edema de laringe não infeccioso.

Afecções Gastrintestinais

Aqui a medicação é normalmente prescrita para auxiliar pessoas que possuem a doença de Crohn, ou ainda para ajudar pacientes durante os períodos mais críticos de colite ulcerativa.

Doenças Oftálmicas

Normalmente é prescrito para pessoas que sofrem com casos alérgicos e inflamatórios envolvendo os olhos e anexos, como:

  • Conjuntivite aguda atópica;
  • Ceratite;
  • Úlcera marginal de córnea;
  • Herpes-zoster oftálmico;
  • Irite;
  • Iridociclite;
  • Corioretinite;
  • Uveíte;
  • Coroidite;
  • Ciclite posterior;
  • Neurite óptica;
  • Uveíte simpática;
  • Retinite central;
  • Neurite retrobulbar.

Neoplasias

É indicado principalmente para o tratamento paliativo de leucemias e linfomas em adultos. Já nas crianças, os casos em que mais é receitado são os de leucemia aguda.

Contraindicações do Betametasona

Principalmente, este medicamente é contraindicado em pacientes com infecções sistêmicas por fungos e em pacientes com hipersensibilidade a substância ativa.

Dessa forma, os médicos e cirurgiões-dentistas, profissionais que o prescrevem, também não indicam o uso em caso de sensibilidade a outros corticosteroides ou qualquer componente presente no produto.

Reações Adversas ao Betametasona

E quais são as reações adversas a esse medicamento tão utilizado?

Normalmente, os problemas que ele pode causar são os mesmos com relação a outros corticosteroides e estão relacionados tanto à dose, quanto à duração do tratamento.

Dessa forma, é comum então que essas reações possam ser revertidas ou ainda assim minimizadas por uma redução da dose, o que é muito melhor para o paciente do que suspender totalmente o uso da medicação.

Precauções do Betametasona

É comum que essa substância consiga mascarar alguns sinais de infecção, possibilitando então o surgimento de novas infecções durante seu uso.

Principalmente em pacientes portadores de hipotireoidismo ou cirrose, é comum que seus efeitos mais comuns se potencializem nestes casos.

Além disso, podem aparecer alguns problemas psicológicos. Assim, pode causar sérios quadros de instabilidade emocional ou até mesmo tendências psicóticas.

Como citamos no item anterior, muitos problemas são ocasionados ao tempo de uso da medicação.

O uso prolongado pode causar catarata, principalmente em crianças, glaucoma e infecções oculares secundárias por fungos e vírus.

Uso Durante a Gravidez e Lactação

Por mais que ainda não existam estudos sobre o uso controlado desse tipo de medicamento durante o período de gestação, alguns lembretes são importantes.

  1. Principalmente em mulheres em idade fértil, requer a análise dos benefícios para a mãe e o feto.
  2. As crianças nascidas de mães que receberam doses elevadas de corticosteroides durante a gravidez devem ser observados com muita cautela;
  3. É importante que os médicos busquem por sinais de hipoadrenalismo, doença comum que ocorre dentro dessas condições.

Assim como qualquer outro medicamento, ficou clara a importância de ter o Betametasona corretamente prescrito por um profissional da saúde, certo?

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!