Saiba como a alergia se manifesta na odontologia

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Pacientes podem apresentar reações alérgicas durante procedimentos

Na área da odontologia, todo dia algum tipo de procedimento odontológico é feito por um profissional. Mas, é preciso ficar atento para uma reação que traz riscos à nossa saúde: a alergia.

A causa da alergia não é definitiva. Ela pode se manifestar depois do contato com produtos odontológicos que não estão bem higienizados, componentes químicos e outros.

A alergia é uma reação do nosso sistema imunológico quando estamos expostos a substâncias e a substâncias que nos prejudicam. Ela se manifesta quando estamos em um estado de hipersensibilidade para o que está a nossa volta.

Normalmente, não é comum a incidência de reações alérgicas na odontologia. Isso porque o profissional precisa estar ciente, antes de fazer qualquer procedimento, como está o quadro clínico do paciente.

Quando a alergia se manifesta?

As reações alérgicas podem aparecer de forma:

  • Imediata: se manifestam em apenas alguns minutos após algum contato nocivo;
  • Semi-imediata: se manifestam em algumas após algum contato nocivo; e
  • Retardada: se manifestam em alguns dias após algum contato nocivo.

As reações alérgicas odontológicas podem se manifestar pela ordem cutânea, como urticárias, angioedemas e eczemas. Além disso, rinites e crises de asmas indicam reações de ordem respiratória.

Na ordem digestiva, as reações podem aparecer em forma de edema de glote, por exemplo. Já na ordem ocular, elas aparecem em forma de olhos vermelhos inchados, conjuntivite e eczemas de pálpebras.

Procedimentos odontológicos

Tratar do tema da alergia e odontologia é importante para garantir procedimentos seguros. Assim, é essencial entender em quais casos as reações alérgicas podem se manifestar. Eles são:

  • Látex: é encontrado nas luvas e é usado em algumas confecções de produtos odontológicos. A alergia pode se manifestar a partir de dermatites e até como choque anafilático;
  • Anestésicos: por terem diversas substâncias químicas e aditivos, os pacientes podem ter reações diferentes. Algumas manifestações podem ser: mal estar, sudorese, desmaio e coceira;
  • Medicamentos: muito usados para tratamentos odontológicos, eles podem provocar irritações na pele e até choques anafiláticos; e
  • Produtos odontológicos: dependendo do material, eles podem causar reações no paciente. O metal, por exemplo, tem um alto nível de níquel que pode trazer alergias. Assim como resinas acrílicas, monômeros acrílicos, e o flúor. Erupções, irritações e dores são reações mais comuns.

Como evitar as alergias?

O primeiro passo é ter certeza de que o profissional irá fazer a anamnese, que é uma série de perguntas. Assim, ele consegue identificar se o paciente tem algum histórico de reações alérgicas. Algumas perguntas comuns são:

  1. Qual o seu histórico familiar?
  2. Você usa algum medicamento?
  3. Você tem histórico de alguma reação alérgica?
  4. Já fez algum exame para testar alergias?

Caso o paciente não saiba informar se já teve alguma reação alérgica ou já teve, mas não sabe a qual medicamento, o profissional precisa pedir exames. Assim, ele encaminha o paciente para um alergista ou infectologista.

É apenas depois do resultado chegar que é indicado prosseguir com os procedimentos.

Sou alérgico, e agora?

É sempre bom ficar atento se os materiais e produtos odontológicos estão higienizados. Além disso, é indicado avisar para seu profissional a quais substâncias você é alérgico.

Mas, não fique preocupado! Os profissionais têm vários produtos alternativos que podem suprir a necessidade do paciente e não provocar nenhuma alergia. Por exemplo, existem luvas que não são confeccionadas com látex e existem anestesias com substâncias químicas seguras.

Juliana Peres

Juliana Peres

Graduada em Odontologia pela Universidade Cidade de São Paulo. Pós-graduada em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial pelo programa de residência profissional do Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos. Conhecimento na área de cirurgia oral menor e maior. Residente em cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial no Complexo Hospitalar Padre Bento durante 3 anos e responsável pelo atendimento de pacientes na área de clínico geral, cirurgias orais e harmonização orofacial em diferentes clínicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2018

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.