Anti-inflamatórios controlam dores e infecções bucais

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Confira aqui os principais anti-inflamatórios usados na área da odontologia

Na área da odontologia, algumas vezes os pacientes manifestam alterações bucais. Por isso, os dentistas podem prescrever medicamentos que diminuem os efeitos dos problemas. Os anti-inflamatórios são exemplos.

Eles são prescritos pelo cirurgião-dentista após o diagnóstico de alguma inflamação bucal. Mas a dosagem e a duração do tratamento com os anti-inflamatórios depende do quadro clínico do paciente.

Os anti-inflamatórios são medicamentos farmacêuticos de finalidade paliativa. Eles controlam inflamações e minimizam edemas e dores.

Neste artigo iremos tirar todas as suas dúvidas sobre o uso dos anti-inflamatórios na odontologia. Vamos começar?

Tipos de anti-inflamatórios

Há dois tipos de anti-inflamatório: os esteroides e os não esteroides (AINES). Os esteroides inibem as proteínas e prostaglandinas responsáveis pelos processos inflamatórios.

Enquanto isso, os não esteroides diminuem a inflamação, edemas e dores.

Remédios mais usados na área odontológica

Os principais medicamentos que controlam as inflamações na odontologia são:

  • Etodolaco;
  • Etoricoxibe;
  • Fenilbutazona;
  • Fenoprofeno;
  • Piroxicam;
  • Sulindaco;
  • Tenoxicam;
  • Hidrocortisona;
  • Metilpredinisolona;
  • Parametasona;
  • Prednisolona;
  • Betametasona;
  • Dexametason;
  • Ibuprofeno;
  • Lombalgina; e
  • Buprovil.

Esses últimos três medicamentos são os principais remédios anti-inflamatório para o dente.

Para ver a lista completa dos medicamentos odontológicos, você pode ir até o guia do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo.

Como é feita a prescrição odontológica?

É importante que o dentista faça uma receita antes de solicitar o uso do remédio. Assim, o profissional controla as doses e consegue orientar o paciente da forma correta.

Com isso, há grandes chances da inflamação decorrente da alteração bucal diminuir. Para a prescrição ser validada, é preciso que algumas informações estejam escritas nela. As principais são:

  • Identificação do profissional;
  • Cabeçalho com informações do paciente;
  • Inscrição;
  • Orientação; e
  • Data e assinatura do profissional.

No entanto, antes da prescrição, o profissional precisa saber o diagnóstico certeiro. Isso porque cada alteração demanda tipos de remédios anti-inflamatórios diferentes.

Assim, o profissional precisa realizar exames antes de fazer a prescrição.

Cuidados durante o tratamento

Antes de consumir o remédio, é preciso que você leia a orientação do seu dentista.

Assim, você entende quantas vezes ao dia você deve tomar ao remédio, o melhor período para o consumo e também até quando o tratamento durará.

Além da leitura da orientação, ou seja, da prescrição, você precisa ler a bula. Isso é ideal para um tratamento completo e de sucesso.

Ao observar a bula, você entende os possíveis efeitos colaterais do remédio, qual a composição e posologia do medicamento.

Inclusive, fique atento para as contraindicações e possíveis cenários de emergências médicas. Dica: veja se a bula indica parar com bebidas alcoólicas durante o período de uso do anti-inflamatório

E durante o tratamento, não esqueça de cuidar da saúde bucal! Desse modo, você evita complicações na inflamação e até outros problemas bucais.

Por isso, faça a escovação como o dentista indicou, passe o fio dental e o enxaguante bucal. Cuide da alimentação e se mantenha hidratado!

Por fim, faça visitas regulares ao dentista de confiança. Assim, o profissional consegue fazer o acompanhamento do tratamento e conferir se os anti-inflamatórios estão fazendo o efeito desejado.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.