Alergia a titânio requer tratamentos alternativos na Odontologia

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Confira aqui como a alergia a titânio pode impactar nos tratamentos odontológicos

Alguns procedimentos odontológicos utilizam materiais feitos com titânio. No entanto, não é incomum que pacientes apresentem alergia a titânio. Nesses casos, é necessário encontrar alternativas.

Nem sempre é possível prever a alergia a titânio antes das consulta. Mas, aqueles que sabem, devem alertar logo no primeiro encontro com o dentista sobre a condição.

Alergia a titânio é uma reação do nosso organismo. Ela se manifesta quando nosso corpo entra em contato com o metal e atingimos um estado de hipersensibilidade.

Se você ficou interessado pelo assunto, então fique ligado neste artigo! Vamos tirar todas as suas dúvidas e mostrar curiosidades sobre a alergia a titânio na área da odontologia. Vamos começar?

Titânio na Odontologia

O titânio é um material metálico utilizado em ampla escala na área da odontologia. Ele pode ser usado durante a produção de implantes, próteses e pinos, por exemplo.

Os pinos de titânio surgiram para fixar os substitutos dos dentes na boca do paciente. Seria necessário um material leve, que ao mesmo tempo fosse forte e resistente.

O implante dentário, por sua vez, também pode ser confeccionado com o titânio. Os implantes são materiais que são fixados ao osso maxilar ou mandibular.

A prótese dentária é usada para substituir dentes ausentes. Apesar das próteses não serem iguais aos dentes originais, as próteses mais atuais oferecem uma aparência natural e conforto para os pacientes que as suam.

As próteses podem ser:

  • Prótese total removível;
  • Prótese parcial removível (PPR Roach);
  • Prótese fixa; e
  • Prótese flexível.

Como o Profissional Deve Proceder?

Quando o paciente apresenta alergia ao material do titânio, o profissional deve procurar por materiais e tratamentos alternativos.

Dessa forma, o cirurgião-dentista pode buscar por materiais como fibra de carbono, fibra de vidro, fibra de quartzo, cerâmica, porcelana e, inclusive, outros tipos de metais.

Por exemplo, quando o paciente apresenta alergia ao material da prótese, que seria o titânio, o profissional busca outros tipos de materiais.

O mais importante é que o paciente esteja seguro!

O Que Devo Fazer se Tiver Alergia a Titânio?

O primeiro passo é ter certeza de que o profissional irá fazer a anamnese, que é uma série de perguntas. Assim, ele consegue identificar se o paciente tem algum histórico de reações alérgicas. Algumas perguntas comuns são:

  • Qual o seu histórico familiar?
  • Você usa algum medicamento?
  • Você tem histórico de alguma reação alérgica a titânio?
  • Já fez algum exame para testar alergias?

Caso o paciente não saiba informar se já teve alguma reação alérgica ou já teve, não sabe a qual a causa de origem, o profissional precisa pedir exames específicos. Assim, ele encaminha o paciente para um alergista ou infectologista.

É apenas depois que o resultado chega, que é indicado prosseguir com os tratamentos e uso de materiais mais adequados.

Pronto! Agora que você já conhece mais sobre o assunto, marque uma consulta com o profissional de confiança. Dessa forma, você conhece mais sobre o que fazer quando se tem alergia a titânio.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.