Tratamento de canal pode recuperar o dente

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Conheça mais do tratamento que pode salvar o seu dente

Um dos procedimentos mais temidos dos pacientes quando chegam ao consultório do dentista é o tratamento de canal. Essa técnica, também conhecida como endodontia, é realizada quando há algum tipo de lesão na polpa do dente – o que normalmente causa fortes dores.

Uma indicação comum do tratamento de canal é quando acontece algum tipo de pancada no dente e consequente morte pulpar.

Em resumo, o tratamento de canal é a recuperação da parte interna (polpa ou nervo) do dente, remoção do tecido pulpar e posterior vedação do canal.

Quando um paciente chega ao dentista com o canal em crise, o tratamento mais indicado será abrir o dente e aliviar a dor. Será preciso desalojar as bactérias presentes na infecção e, por fim, remendar sua área interna.

Se você escutar o termo “morte do dente”, isso significa na realidade que há um processo de inflamação e infecção no seu interior. Ou seja, na polpa do dente.

Se ela progredir e atingir a raiz do dente, aí sim pode levar a sua morte. Por isso, é essencial procurar um dentista assim que sentir dores.

Tratamento de Canal Dói?

A endodontia não dói durante o procedimento. O que pode acontecer é causar certo incômodo depois, afinal é considerado uma cirurgia. Até mesmo por isso, são exigidos alguns cuidados depois de realizada.

A intensidade da inflamação ou do grau de infecção podem interferir nesse desconforto pós-operatório, mas isso não é uma regra exata.

Em alguns estágios de dor ela pode ser amenizada com medicamentos. Porém, certamente chegará um momento que eles não farão mais efeitos e a única solução será o tratamento de canal no dente.

Cuidados Após a Endodontia

Os dentistas não costumam recomendar muitos cuidados especiais após a realização do tratamento de canal no dente. Basta evitar a mastigação em cima do dente afetado, pois é necessário repouso.

Além disso, é importante manter a higiene bucal adequada e tomar corretamente as medicações quando prescritas pelo dentista.

Apesar de não serem exigidos grandes esforços após a endodontia, complicações são possíveis. O mais comum é acontecer uma perfuração da raiz, quando há um desvio do instrumento.

Essa perfuração pode ser tratada e fechada, mas somente um especialista está apto a realizar essa técnica corretamente.

Também pode haver problemas como: quebra de instrumentos dentro do canal, calcificações que impedem o acesso do dentista ao problema ou mesmo uma dificuldade anatômica do paciente.

Como Evitar o Tratamento de Canal?

Para aqueles que querem evitar o tratamento de canal, é preciso aderir às regras básicas da higiene bucal:

  • Escovar os dentes após as refeições;
  • Passar o fio dental regularmente;
  • Visitar o consultório odontológico pelo menos uma vez por ano.

O Que Acontece se Não Realizar o Canal?

Graves consequências podem acontecer quando é preciso fazer o tratamento de canal, mas este procedimento não é realizado.

O dente que não é tratado endodonticamente, vira um foco de infecção no organismo do paciente. Se não tratado e eliminado, a infecção pode cair na corrente sanguínea e o paciente pode ter sérios problemas sistêmicos.

Além disso, outras complicações podem surgir se não for realizado o tratamento de canal. Este processo pode evoluir para a formação de abscesso agudo, gerando grande edema facial.

Este quadro infeccioso pode se tornar muito grave quando não se procura atendimento de urgência. Por isso, o tratamento de canal é tão importante.

Juliana Peres

Juliana Peres

Graduada em Odontologia pela Universidade Cidade de São Paulo. Pós-graduada em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial pelo programa de residência profissional do Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos. Conhecimento na área de cirurgia oral menor e maior. Residente em cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial no Complexo Hospitalar Padre Bento durante 3 anos e responsável pelo atendimento de pacientes na área de clínico geral, cirurgias orais e harmonização orofacial em diferentes clínicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2018

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.