Paciente acamado necessita de atenção odontológica especial

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Negligenciar a higiene bucal do paciente acamado pode causar diversas patologias indesejadas

O paciente acamado requer cuidados especiais e diferenciados. Esse suporte pode ser feito por membros da família ou até mesmo por acompanhantes contratados somente para isso, como enfermeiros.

No caso da saúde bucal do paciente acamado não é diferente. Alguns cuidados na hora da limpeza oral são fundamentais para mantê-los saudáveis.

A higienização da boca de paciente acamado deve ser realizada minuciosamente, mediante a debilidade da pessoa. Algumas irão necessitar de mais atenção que outras. Mas, no geral, é preciso manter uma rotina a fim de evitar infecções bucais que agravem o estado do paciente.

Como o paciente encontra-se exposto, todo cuidado ajuda a coibir possíveis problemas.

Negligenciar a limpeza bucal do paciente pode desencadear periodontites, gengivites, otites, rinofaringite crônicas e xerostomia, potencializando focos de infecções propícias à pneumonia nosocomial.

É importante ressaltar o responsável pela escovação e limpeza vai depender do estado de saúde de cada paciente.

Se a própria pessoa sentir-se confortável para fazê-la, deixe-o. Apenas dê o suporte necessário para que ela a realize corretamente.

Caso o paciente não tenha condições de realizar sozinho, o procedimento pode ser feito por um cuidador especializado ou pelo responsável, que será ensinado pelo especialista.

Higiene bucal do paciente acamado

Como dissemos, é necessário ter muita atenção quando for realizar a higiene bucal do paciente incapacitado.

Se possível, é aconselhado a escovação depois das refeições e do uso de medicamentos, pois ambos facilitam a proliferação de bactérias na boca.

Confira esse passo a passo:

  1. Coloque o paciente sentado para que ele não engasgue. Em seguida, prenda uma toalha no colarinho da roupa do paciente, para que não a molhe;
  2. Não utilize muito creme dental. Uma gota do tamanho de dois grãos de feijão já é o suficiente. Devemos levar em consideração que alguns pacientes terão dificuldade na hora de cuspir;
  3. Escove os dentes por fora e por dentro realizando movimentos circulares. Na superfície oclusal, faça movimentos de vai-vem. Não se esqueça de limpar as bochechas e a língua também;
  4. Sabemos que é muito difícil o uso do fio dental nesses casos. Por isso, prefira utilizar o fio dental com haste, ou mini flosser, como também é conhecido;
  5. Peça ao paciente que cuspa o excesso de pasta de dente que conseguir. Se preferir, pegue um copo com água e coloque um canudo, para que o paciente consiga enxaguá-la com mais facilidade;
  6. Se a pessoa não tiver dentes, enrole uma gaze umedecida com água ou enxaguante bucal na cerda da escova e a prenda. Depois, faça a limpeza da gengiva;
  7. Para os que fazem uso de dentadura: a dentadura deve ser retirada para que seja escovada com uma escova de cerdas, que pode ser de modelos mais duros. Enxague a dentadura com água corrente e devolva ela à boca do paciente.

Principais disfunções

Se não praticada como deve, diversas doenças podem acometer a pessoa incapacitada.

Veja quais são as principais disfunções:

  • Xerostomia;
  • Saburra lingual;
  • Candidíase oral;
  • Herpes;
  • Gengivite;
  • Periodontite;
  • Cárie;
  • Mucosite.

Portanto, é primordial a prática das atividades de limpeza no paciente acamado para evitar novos problemas, já que elas atuam de maneira preventiva.

Ramiro Murad
Ramiro Murad
Ramiro Murad Saad Neto, cirurgião-dentista com registro no Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CRO-SP) nº 118151, é graduado pela UNIC e residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Possui habilitação em Harmonização Orofacial e também é gestor de clínicas e franquias odontológicas. Além disso, é integrante da equipe Bucomaxilofacial da Clínica da Villa, que está na Rua Eça de Queiroz, 467 - Vila Mariana, São Paulo - SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio
Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.
Agende uma consulta
Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

Simpatio 2021 © - Todos os Direitos Reservados

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.

Os conteúdos da Simpatio são escritos por jornalistas e possuem a supervisão e a aprovação de dentistas e de profissionais de saúde parceiros.