Odontologia sustentável em consultórios e clínicas

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

A odontologia sustentável tem como objetivo fornecer um tratamento adequado ao paciente sem agredir o meio ambiente

O consultório odontológico é um local que demanda uma grande quantidade de energia e de água para que todos seus equipamentos funcionem normalmente. Então, é muito importante praticar uma odontologia sustentável.

Pense que durante todo o tempo algo está ligado. Se não é algum instrumento realizando um procedimento, é a autoclave fazendo a esterilização da aparelhagem odontológica. Além disso, ainda há o descarte de resíduos, que deve ser correto para contribuir com a odontologia sustentável.

A odontologia saudável visa atitudes ecologicamente adequadas. Dessa forma, o dentista deve diminuir a emissão de materiais poluentes, economizar no uso de recursos naturais, como a água, e fazer o descarte correto de resíduos.

Vamos evidenciar as principais práticas de sustentabilidade na clínica odontológica que devem ser seguidas:

Práticas sustentáveis na odontologia

Separamos em tópicos para facilitar a visualização dessas ações sustentáveis:

Resíduos

Dentro do consultório, existem diversos tipos de lixo, dos convencionais aos tóxicos. E cada um deles deve ser reciclado da maneira correta. Por isso, sinalize onde serão descartados. Use lixeiras com as indicações “infectante” e “comum”.

Se conter materiais perfurantes, não se esqueça de utilizar caixas Descarpack.

Para os resíduos odontológicos, credencie o consultório em uma empresa especializada, que faça o recolhimento de modo consciente.

Desde 2004, está em vigor um regulamento da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que diz como deve ser feito o gerenciamento de resíduos de serviços de saúde.

Se você ainda tiver dúvida de qualquer manejamento, verifique com a própria Anvisa as normas do município.

Iluminação

Substitua as lâmpadas incandescentes por fluorescentes ou de LED, que reduzem bastante o consumo. Nas áreas que funcionam somente como passagem, você pode instalar sensores de movimento.

Climatização

Se usar ar condicionado, adquira os que são ecológicos, pois não emitem gases CFC (clorofluorcarboneto), que agridem drasticamente a camada de ozônio.

Verifique seu filtro a cada 15 dias, para que esteja sempre limpo. Sem essa manutenção, ele pode começar a precisar de mais força para funcionar e ainda gotejar, gastando energia e água à toa.

Eletrônicos

É comum que a televisão e outros aparelhos fiquem ligados todo instante pelo fluxo de pessoas que circula ali. No entanto, durante a noite, quando ninguém está presente, aproveite para desligá-los, retirando-os da tomada.

Deixá-los em stand by só faz com que continuem consumindo energia.

Na cadeira odontológica

sustentabilidade na odontologia continua na cadeira de dentista. É preciso voltá-la ao ponto zero quando terminar o atendimento, além de desligar o refletor se não for utilizá-lo e ligar os sugadores só quando for necessário.

Torneiras

Para as torneiras que ficam no banheiro, substitua as de registro pelas automáticas, as que estamos acostumados a ver nos shoppings.

Existem dois tipos de automáticas que podem evitar consideravelmente o consumo de água, já que auxiliam a pessoa a usar somente o necessário: as temporizadas, que fecham depois de alguns segundos, e as de sensor, que ligam de acordo com a presença.

Outro tema a se pensar é sobre a água da cuspideira que fica acoplada à cadeira odontológica. A água fica fluindo sem parar, gerando um desperdício.

Há sensores no mercado que adaptam ela para que funcionem só no momento em que os pacientes se aproximarem dela.

O custo desses sensores é de R$ 150 e fazem com que haja uma economia de água de até 95%, colaborando com a sustentabilidade na clínica odontológica.

Procedimentos odontológicos

O consumo do amálgama na odontologia gera controvérsias, muito pelo descarte errado, quando precisam ser substituídas.

Então, dê preferência para os restauradores de resina e porcelana, por exemplo, que são menos agressivos.

Raio x digital

A radiologia digital só trouxe benefícios para os dentistas e os pacientes, funcionando como um método de odontologia sustentável também.

Em virtude da não utilização de filmes radiográficos, não é mais necessário o uso de soluções químicas para seu tratamento. Assim, diminui a agressão ao meio ambiente, o que ajuda na preservação na odontologia.

Mundo online

Use a tecnologia ao seu favor. Deixe de lado as agendas e os cadernos de papel e passe a gerenciar tudo pelo computador.

Faça os registros em arquivos na nuvem, que permitem você consultá-los de qualquer lugar e de qualquer dispositivo móvel.

A sustentabilidade é um dever de todos nós. Afinal, é o mundo em que vivemos que está sendo prejudicado. Portanto, conscientize seus pacientes sobre a importância da odontologia sustentável e dos assuntos que circundam o tema.

Juliana Peres

Juliana Peres

Graduada em Odontologia pela Universidade Cidade de São Paulo. Pós-graduada em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial pelo programa de residência profissional do Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos. Conhecimento na área de cirurgia oral menor e maior. Residente em cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial no Complexo Hospitalar Padre Bento durante 3 anos e responsável pelo atendimento de pacientes na área de clínico geral, cirurgias orais e harmonização orofacial em diferentes clínicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.