Saiba quais são os diferentes tipos de material retrobturador

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Confira aqui a importância do material retrobturador para a área da odontologia

Durante os tratamentos e procedimentos, os profissionais buscam por alternativas para garantir o resultado positivo. Na odontologia, por exemplo, os cirurgiões-dentistas utilizam o material retrobturador.

O tipo de material retrobturador é escolhido após a avaliação do quadro clínico do paciente pelo profissional. Com isso, ele consegue analisar vantagens e desvantagens de cada tipo.

O material retrobturador é responsável por selar a região apical (ou seja, a raiz do dente). Dessa forma, diminuem as chances de microinfiltração e o retorno da lesão.

Se você ficou interessado pelo assunto, então fique ligado neste artigo! Vamos tirar todas as suas dúvidas e mostrar curiosidades sobre o uso do material retrobturador na odontologia. Vamos começar?

Principais Tipos de Material Retrobturador

Os materiais retrobturadores são escolhidos pelo profissional de acordo com o quadro clínico do paciente. Os materiais mais usados na área da odontologia são:

  • Amálgama de prata: ele é composto por limalha de prata e mercúrio;
  • Cimento de óxido de zinco e eugenol;
  • IRM: também chamado de restaurador intermediário, ele é composto por polimetilmetacrilato no pó, eugenol no líquido e óxido de zinco;
  • Super-EBA: resina natural, óxido de zinco, líquido por eugenol, ácido etoxibenzóico e óxido de alumínio;
  • Cimentos de obturação de canais;
  • Guta-percha; e
  • Mineral trióxido agregado (MTA): pode ser encontrado na forma de pó ou líquido. A de pó é composto por aluminato tricálcico, óxido de silicato, óxido tricálcico, óxidos minerais e silicato tricálcico. A forma líquida é composta por água destilada.

Os profissionais da odontologia perceberam, durante estudos, que alguns dos materiais citados conquistam melhores resultados do que outros.

Os materiais de RM, Super-EBA e MTA em retrobturação são os mais indicados para serem usados.

Curiosidade: mineral trióxido agregado é bastante usado na área endodôntica. Isso porque o MTA em reobturação endodôntica é o mais indicado.

Quais Propriedades o Material Precisa Ter?

Como o material entra em contato com tecidos vivos, ele precisa ter algumas propriedades para não trazer riscos à saúde do paciente.

A primeira propriedade que o material deve ter é a de ser biocompatível. Mas o que é isso?

Bom, a resposta é simples: o material biocompatível é aquele que tem capacidade para ser compatível com os tecidos biológicos. Dessa forma, o organismo não o rejeita quando ele estiver em contato com o corpo.

Além disso, o material precisa ser de fácil manipulação e não ser corrosivo. É importante que ele não manche os tecidos perirradiculares. Vamos descobrir mais propriedades que os materiais devem ter:

  • Ter a capacidade de selar as áreas apicais;
  • Ter uma boa adaptação;
  • Ter uma boa radiopacidade; e
  • Ser insolúvel quando em contato com fluidos periapicais.

Importante: o profissional precisa ficar atento para uma possível falha de união de materiais retrobturadores à parede do canal radicular. Isso porque essa falha pode comprometer o tratamento do paciente.

Agora, que tal marcar uma consulta com o dentista de confiança? Dessa forma você consegue saber se o material retrobturador vai ser usado no seu tratamento odontológico.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.