Como montar uma distribuidora de produtos odontológicos?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Confira aqui os passos para montar uma distribuidora de produtos odontológicos

Começar um negócio pode ser inovador e ao mesmo tempo arriscado. Por isso, é importante conhecer a área na qual você vai empreender. Um exemplo é quando você for montar uma distribuidora de produtos odontológicos.

O objetivo do futuro negócio é ter um retorno financeiro e conquistar o público. Pode parecer um pouco complicado, mas fique tranquilo! Nesse artigo tiraremos todas as suas dúvidas sobre uma distribuidora de produtos odontológicos.

A distribuidora de produtos odontológicos é um segmento empreendedor da área de saúde. A distribuidora é uma ponte entre o fabricante e as lojas. No entanto, também pode ter contato direto com clínicas odontológicas.

A principal função de uma distribuidora é fornecer e promover materiais e produtos odontológicos.

Como é o mercado de distribuição em odontologia?

O mercado para o distribuidor de material odontológico é muito concorrido. Como muitas distribuidoras já são de confiança dos dentistas e de outros compradores, é importante que você se planeje.

Por isso, você precisa fazer pesquisas de mercado e avaliar a sua concorrência. Algumas das indicações que sugerimos são:

  • Pesquise sobre o mercado-alvo;
  • Conheça os seus concorrentes. Faça diagramas e listas com os lados fortes e fracos dos seus concorrentes; e
  • Estude o segmento e conheça mais sobre o campo. Dica: faça cursos especializados.

Não se esqueça da logística!

Muitos empreendedores começam os seus negócios e acabam esquecendo de uma questão essencial: a logística. Pensar onde será a localização da sua distribuidora de produto odontológico é essencial.

Isso porque a sua localização é determinante quando pensamos na recepção e na entrega dos materiais odontológicos.

Algumas das recomendações que sugerimos são:

  • Imóvel precisa ser de fácil acesso;
  • O imóvel precisa alocar transportes para a carga e descarga;
  • Verificar se o imóvel está regularizado e legalizado; e
  • É permitido montar uma distribuidora.

Preciso ficar atento a quais exigências?

Você só pode começar as suas atividades e se inserir no imóvel depois de algumas exigências específicas. A primeira delas é registrar a sua distribuidora junto à:

  • Secretaria da Receita Federal (CNPJ);
  • Secretaria Estadual de Fazenda;
  • Prefeitura do Município (conseguir o alvará);
  • Cadastramento na Caixa Econômica Federal- INSS/FGTS;
  • Junta Comercial;
  • Corpo de Bombeiros Militar; e
  • Enquadramento na Entidade Sindical Patronal.

Além disso, você precisa ficar atento com as exigências do:

  • Código Sanitário;
  • ANVISA;
  • Secretaria Estadual de Saúde;
  • Secretária Municipal de Saúde; e
  • Conselho Federal de Odontologia.

Pense na estrutura

No seu ponto comercial, pense em uma estrutura mínima de 100 m². Assim, você consegue pensar em avanços futuros.

Além disso, tente distribuir o espaço em:

  • Áreas de recepção: preparadas para receber os materiais;
  • Áreas de armazenamento: preparadas para a estocagem dos diferentes materiais e materiais;
  • Escritórios: preparados para atender clientes, fornecedores e parceiros; e
  • Sanitários.

Além da estrutura comercial, planeja a estrutura dos seus empregados. No ambiente da distribuidora é preciso contratar:

  • Cirurgião-dentista: responsável pelas condições éticas, regulamentação e fiscalização;
  • Gerente;
  • Trabalhadores da área de vendas internas;
  • Recepcionista;
  • Auxiliar de escritório;
  • Responsáveis pelas entregas;
  • Responsáveis pelos serviços gerais; e
  • Caso seja necessário, responsável pela representação comercial.

Escolha bem o seu fornecedor

Quando falamos de venda de materiais odontológicos, precisamos pensar na importância do fornecedor. É por meio do fornecedor que você vai encontrar seus produtos e saber das qualidades deles.

Assim, selecione apenas os fornecedores que têm referências no mercado. Também, pergunte para colegas qual a qualidade dos materiais dos fornecedores deles.

Alguns aspectos para se considerar na hora de escolher um fornecedor de material odontológico são:

  • Cumprimento de prazos;
  • Produtos de alta qualidade;
  • Garantia dos materiais comprados; e
  • Informações técnicas claras;

Invista no seu marketing

Tenha noção de como se aproximar dos seus compradores. Tente produzir conteúdos para as redes sociais, veículos locais e faça conexões.

Não se esqueça de se conectar com os seus compradores. Quando mais próximos eles se sentem de você, mais confiança eles terão no seu trabalho.

Além disso, prepare a sua equipe para lidar com questões internas e externas do consultório. Treinamentos de como lidar com o público e concorrentes são recomendados.

Montar uma distribuidora de produtos odontológicos leva um tempo. Mas, foque no seu trabalho! Siga as nossas recomendações e boa sorte.

Yara Barreto

Yara Barreto

Formada em Odontologia pela Universidade de São Paulo (2008). Aluna de iniciação científica Pibic/Unicid da Universidade de São Paulo. Em 2009, concluiu estágio clínico em Ortodontia no Instituto Vellini, e em 2010, curso de planejamento Ortodôntico na Universidade Metodista. Concluiu em 2014 sua especialização em ortodontia e atua com ortodontia digital. Dentista na Odontoclinic e responsável técnica da OdontoImage.

One Reply to “Como montar uma distribuidora de produtos odontológicos?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2018

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.