Dente não vital pode afetar a estética do sorriso dos pacientes

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Entenda quais são as principais causas para o surgimento do problema

Um sorriso perfeito exige que todos os órgãos dentais estejam em boa condição. Assim, um dente não vital pode destoar dos demais, ocasionando um grande incômodo estético.

O dente é constituído por três partes principais: o esmalte, a dentina e a polpa. Quando há algum problema na polpa dentária, pode surgir um dente não vital.

Dente não vital é aquele cuja polpa não possui mais vitalidade, ou seja, está morta. Assim, a parte interna da estrutura dentária não tem circulação sanguínea.

Essa pode ser apontada como a principal diferença entre os dentes vitais e não vitais. Mas vamos entender um pouquinho mais sobre o assunto.

Como Surge o Dente Não Vital?

O dente não vital geralmente é formado por um processo chamado de necrose pulpar. Ela é resultante da evolução de um inflamação na polpa dentária.

Desse modo, qualquer estímulo que possa provocar uma inflamação mais forte que a defesa da polpa pode ser considerado um causador da doença.

Portanto, não é possível definir com clareza como surge um dente desvitalizado. Contudo, especialistas que existem alguns catalisadores relativamente comuns da doença. Entre eles, podemos citar:

  1. Bruxismo;
  2. Traumatismos e cáries não tratados;
  3. Periodontites;
  4. Irritações químicas;
  5. Idade avançada.

Como Saber se Estou com o Dente Desvitalizado?

Inicialmente é bem difícil identificar o dente desvitalizado.

Até mesmo quando começam os incômodos, existe uma dificuldade por parte do paciente em saber qual a natureza da dor. Assim, é necessário um diagnóstico, realizado a partir de exames complementares.

Uma técnica comumente utilizada pelos dentistas é estimular o possível dente afetado com temperaturas quentes ou frias enquanto o profissional analisa as reações do paciente.

Com isso, o incômodo pode durar alguns minutos, mas isso varia de pessoa para pessoa. Porém, se ele demorar a passar ou o dente não responder, possivelmente o paciente tem um dente não vital.

Quando o caso é reversível, a dor acaba assim que o profissional para de estimular o dente. Mas caso a situação seja irreversível, o paciente precisa passar por um procedimento cirúrgico para se livrar do problema.

Como é o Tratamento Para Dente Não Vital?

Realizar o tratamento de canal é a principal solução para dente não vital. O tratamento endodôntico consiste na remoção do tecido pulpar necrosado e/ou contaminado.

A partir desse momento, o profissional está liberado para realizar a limpeza e desinfecção do interior do canal e selá-lo com material obturador.

Caso o tratamento de canal seja satisfatório, a lesão vai diminuindo com o tempo e assim o osso pode ocupar novamente a região afetada.

O pós-operatório pode exigir com que o paciente consuma remédios como analgésicos e antibióticos, além de não forçar nem mexer muito na região operada, é claro.

Além disso, existem pacientes que recorrem a realização de um clareamento dental após o procedimento cirúrgico, uma vez que o dente necrosado naturalmente adquire uma coloração mais escura.

Assim, a técnica consiste no selamento de 2mm iniciais da porção cervical da raiz obturada com ionômero de vidro modificado por resina e utilização de produto clareador no interior da câmara pulpar do dente não vital.

Ramiro Murad Saad Neto

Ramiro Murad Saad Neto

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela UNIC. Gestor de clínicas odontológicas e franquias. Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Facial no Sindicato dos Odontologistas de São Paulo (SOESP - SP). Habilitação em Harmonização Orofacial e integrante da equipe Bucomaxilofacial Dr. Carlos Eduardo Xavier na Clínica da Villa, em São Paulo. CRO - 118151

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.