6 dicas para o dentista enfrentar a crise econômica no consultório

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Resiliência é essencial para enfrentar cenário de crise econômica na odontologia

Quando um país passa por uma crise econômica, muitas são as consequências. Juros altos, diminuição da taxas de lucro das empresas e desemprego. Para o profissional liberal, como o dentista, o cenário não é diferente. A renda diminui e atrair pacientes tornar-se uma tarefa cada vez mais complicada.

Se não souber lidar com um contexto de crise econômica, o dentista pode sofrer inúmeros prejuízos e, no pior dos casos, levar o consultório à falência.

A crise econômica provém do declínio da atividade econômica de um país, que, por sua vez, pode ter várias razões como causa. Trata-se de um processo considerado normal no sistema capitalista, uma vez que, embora tenha períodos de estabilidade, a tendência é haver períodos voláteis, envolvendo queda e alta da economia.

Qual o impacto da crise econômica no setor odontológico?

Qual o impacto da crise econômica no setor odontológico?

O maior e mais temido impacto de uma crise econômica no setor é o desemprego na odontologia. Isso porque o aumento do preço de produtos torna-se iminente, o que obriga os consumidores a selecionar melhor qual é o destino de sua renda.

Com isso, é comum que o consumidor diferencie o essencial do supérfluo a fim de reduzir suas despesas. Nesse contexto, o serviço odontológico muitas vezes deixa de ser prioritário, causando a crise na odontologia.

Com a crise econômica na odontologia, o dentista precisa rever sua forma de atuação e suas estratégias para esquivar-se de recessão. Mas o que fazer?

Quais orientações o dentista deve seguir para enfrentar os momentos de crises econômicas?

Quais orientações o dentista deve seguir para enfrentar os momentos de crises econômicas?

Enfrentar uma crise financeira não é um tarefa fácil. Para lidar com esses tempos de crise, é preciso que o dentista adapte e aperfeiçoe a gestão do seu consultório ou de sua clínica.

Apesar de ser impossível prever uma receita para enfrentar a crise, visto que cada profissional atua sob recursos e circunstâncias distintas, há algumas orientações fundamentais para driblar a recessão.

Confira as principais recomendações para lidar com a crise no consultório odontológico:

  1. Controle financeiro
  2. Planejamento
  3. Redução de despesas
  4. Aperfeiçoamento profissional
  5. Marketing
  6. Resiliência

Controle financeiro

A primeira e mais básica orientação é o controle financeiro. Somente dessa forma você poderá restabelecer as finanças do seu negócio.

Essa recomendação serve, inclusive, para todos setores de atividade de trabalho, e não apenas para os profissionais de saúde bucal.

Então, o dentista deve mensurar os gastos fixos, como energia, água e luz, registrando-os em planilhas.

Planejamento

Com um controle financeiro estabelecido, há a possibilidade do dentista começar a planejar melhor seus gastos.

O planejamento é uma prática fundamental para enfrentar os momentos de crise. Por meio dele, o dentista é capaz de criar ações para aumentar sua receita, enxergando quais são as principais necessidades do consultório ou da clínica odontológica naquele momento.

Se não for possível aumentar a renda, o planejamento será importante ao menos para tentar mantê-la. Dessa forma, o dentista pode encontrar um plano B para equilibrar suas contas.

Redução de despesas

Quando o profissional cria um planejamento, começa a enxergar a possibilidade de redução das despesas como forma de equilibrar essas contas.

Assim, algumas medidas que podem ser tomadas envolvem a procura de insumos, de recursos e de equipamentos alternativos que requerem menos gastos.

Da mesma forma, medidas mais simples, como desligar luzes desnecessárias e reduzir o uso do ar condicionado, podem fazer a diferença no final do mês!

Se seu consultório tiver muitos funcionários, vale colocar lembretes pelo local para evitarem desperdícios.

Aperfeiçoamento profissional

Frente a uma crise econômica, é possível que o profissional note quedas no número de paciente e, consequentemente, na renda do consultório. No entanto, é preciso manter a calma nesses momentos.

Uma ótima dica é investir em seu aperfeiçoamento pessoal, por meio de leituras e de estudos.

O dentista deve analisar a estratégia de atuação que tem praticado e se é realmente sua melhor alternativa.

Marketing

Momentos de crise demandam mudanças na forma de lidarmos com o dinheiro. Então, é preciso pensar na maneira de nos relacionarmos também com os pacientes, pois a fidelização e a captação são essenciais para enfrentar a crise.

Por isso, o marketing torna-se uma ferramenta imprescindível para aumentar a visibilidade do negócio e alcançar os pacientes.

Mas diante de um cenário de crise na economia, sabemos que não é possível investir muito nessa área, mesmo que seja primordial. Assim, o profissional deve explorar outros recursos do marketing.

Isso quer dizer que a recepção do consultório deve ter uma atenção especial. É preciso saber acolher os pacientes e dar a devida atenção, além de manter o ambiente limpo, confortável e climatizado.

Vale agradar os pacientes com mensagens personalizadas e brindes, como kits de higiene.

Outra estratégia é fornecer desconto e adequação de valor para caber no orçamento dos pacientes.

Resiliência

Por fim, enfrentar uma crise econômico exige resiliência por parte do profissional. A situação não é fácil, mas é preciso persistir e manter-se confiante.

Não dê mais importância aos erros do que aos acertos. As falhas e as dificuldades fazem parte do processo de melhoria e são fundamentais para o sucesso.

Enfrentar cenários como os de crise econômica demandam uma gestão eficiente e assertiva por parte do empreendedor.

Silmara Alves Rozo Ducatti

Silmara Alves Rozo Ducatti

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) e especialista em Ortodontia pelo Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso do Sul (SIOMS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!