Existe dentista para cachorro? Como funciona a especialidade?

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Ao contrário do ser humano, os animais não conseguem realizar a higiene bucal

Segundo dados do IBGE, o Brasil possui cerca de 52 milhões de cães de estimação. No entanto, não é só a saúde do do corpo do animal que deve receber cuidados, os dentes e as gengivas também merecem atenção. E para auxiliar no processo existe o dentista para cachorro.

Se você é amante de odontologia e de animais, a profissão de dentista para cachorro é uma ótima a ser seguida.

Dentista para cachorro é o profissional responsável por cuidar da saúde bucal dos cães, oferecendo os mais variados tratamentos conforme a necessidade.

Por conta de sua formação, ele pode atuar na medicina veterinária, cuidando de diversos outros animais.

Existe dentista para cachorro?

Os animais domésticos precisam de cuidados especiais assim como os humanos, por essa razão surge a odontologia para cães.

Para tornar-se profissional da área, é necessário ser um dentista veterinário.

As funções de quem trabalha na área são:

  • Clínico geral: responsável por cuidados básicos da higiene bucal, como limpezas, restaurações, extrações e colocação de próteses;
  • Dentística: o profissional restabelece forma e função do dente por meio de procedimentos como correções estéticas;
  • Endodontia: o cuidado feito por estes profissionais é focado em doenças que pode acometer a raiz e polpa dentária;
  • Implantodontia: através de implantes pode-se fazer a reabilitação oral em animais domésticos;
  • Ortodontia: através do uso de aparelhos, a posição dos dentes e o crescimento da mandíbula do animal são corrigidos;
  • Periodontia: o trabalho é feito nas gengivas e nos ossos da estrutura bucal do animal.

Como se especializar e se tornar um dentista para cachorro?

Antes de ser um dentista de cachorro, é necessário que o aluno se forme em medicina veterinária. E, após isso, ele pode fazer um curso de odontologia veterinária.

Ainda não existe a titulação de especialista nesta área no Brasil, então o curso serve como uma pós graduação. No entanto, é necessário ter um diploma de veterinária para poder se especializar na área.

O curso de odontologia veterinária é feito em lato sensu e stricto sensu, tendo 500 horas de duração.

Durante o curso, será realizado o estudo da anatomia, da fisiologia, de patologias e da terapia da boca dos animais.

Assim, os conhecimentos sobre materiais e técnicas serão aperfeiçoados. Quando o curso for finalizado, o aluno já é competente para exercer a profissão.

Quais são os problemas mais comuns na boca do cachorro?

Como citado anteriormente, é necessário que ocorra uma atenção com a saúde bucal canina, pois, diferentemente do ser humano, os cachorros não conseguem higienizar a boca.

Confira quais são os possíveis problemas dentários nos cães:

  • Doenças periodontais;
  • Ausência de dentes permanentes ou persistência da dentição decídua;
  • Hipoplasia de esmalte dentário;
  • Fraturas nos dentes;
  • Neoplasias orais malignas ou benignas;
  • Alteração na oclusão dentária.

Por isso, é de grande necessidade que o seu fiel amigo seja levado a um dentista para que seja feita uma avaliação. Isso evita futuros problemas e também permite tratar possíveis disfunções.

Como são feitos os tratamentos?

tratamento dentário para animais depende diretamente de qual é o problema apresentado.

Conforme as áreas de atuação do profissional, é possível que os cães possam receber atendimento odontológico especializado.

Afinal, a boca dos pets é a parte do corpo que fica mais exposta a vírus e bactérias.

A grande maioria dos problemas orais são:

  • Dificuldade de mastigar alimentos;
  • Mau hálito;
  • Gengiva inflamada;
  • Perda de dentes;
  • Diminuição de apetite;
  • Dores e dificuldade para se alimentar.

Preste atenção em todos esses sintomas e, caso seu animal apresente algum deles, leve-o imediatamente para um dentista para cachorro.

Valdir de Oliveira

Valdir de Oliveira

Cirurgião-dentista graduado em Odontologia pela Universidade de Santo Amaro (UNISA). Pós-graduado em Ortodontia e Ortopedia dos Maxilares pela Sboom. Com especialização e mestrado em Implantodontia, habilitação em Harmonização Orofacial e Anatomia da Face. Professor nas áreas de Cirurgia Bucomaxilo Facial e Harmonização Orofacial. Voluntário há mais de 20 anos na Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais - ADRA Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.