Saiba qual a relação da dentina com a sensibilidade dental

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

Parte interna do dente, a dentina absorve impactos externos e desgastes

O dente é composto por 3 principais componentes, o esmalte, a dentina e a polpa do dente.  A olho nu conseguimos visualizar apenas uma parte superficial de sua estrutura.

O que nos interessa aqui é uma parte mais profunda do dente. Passando pelo esmalte, que é a primeira camada, chegamos à dentina.

A dentina é um tecido conjuntivo avascular, mais osso que o osso e de cor branca ou amarelada. Ela é formada principalmente por fibrilas de colágeno tipo I, glicosaminoglicanos, fosfoproteína, fosfolipídios e sais de cálcio em forma de cristais de hidroxiapatita.

Sua principal função é absorver impactos externos causados por alimentos ou desgastes.

Ela também é a grande responsável pelos dentes sensíveis, uma vez que cuida área sensitiva do dente que é totalmente ligada à polpa, a parte nervosa.

Dentina e sensibilidade dentária

A sensibilidade normalmente tem sua origem quando a dentina dental é exposta. O que acontece quando o dente perde esmalte ou há retração gengival.

Com isso, mudanças bruscas de temperatura e alguns tipos de alimentos afetam diretamente a dentina, ocasionando a hipersensibilidade.

A sensibilidade dentária também pode ser causada por uma cárie ou gengivite. No caso da cárie, o dentista pode realizar uma restauração dental, enquanto a profilaxia é o melhor tratamento para a gengivite.

Mas qual é o tratamento adequado quando a sensibilidade é causada pela exposição da dentina?

Combatendo a exposição da dentina dental

Existem diversas opções de tratamentos para diminuir a sensibilidade dentária após exposição da dentina. Alguns deles podem ser realizados em casa, enquanto outros precisam ser feitos no consultório.

Procedimentos realizados em consultório:

  1. Aplicação de verniz de flúor nas áreas expostas. Isso ajuda no processo de mineralização e calcificação da dentina e do esmalte;
  2. Aplicação de gel de flúor , por meio de moldes bucais, durante 3 a 5 minutos, proporcionando alta concentração de flúor para ajudar as áreas sensíveis;
  3. Aplicação de agente fixador (material usado para fixar restaurações) para impermeabilizar a superfície da dentina. Isso propicia um menor contato da dentina com agentes que possam causar a hipersensibilidade;

Procedimentos realizados em casa:

  1. Usar uma escova de cerdas muito macias. Assim, ao escovar os dentes, a pressão exercida sobre a dentina será menos agressiva;
  2. Escovar os dentes de forma correta, mas não em demasiadamente;
  3. Utilizar um creme dental específico para a sensibilidade dentária;
  4. Usar creme dental com alta concentração de flúor para ajudar fortalecer a superfície do dente. O creme deve ser indicado pelo seu profissional de confiança;

Prevenindo a sensibilidade

Como já foi visto, existem diversas maneiras de combater a exposição da dentina e diminuir a sensibilidade. Mas para não chegar a esse estágio, existem algumas precauções que você pode tomar.

A escovação e o uso do fio dental são essenciais para a nossa saúde bucal. É para se precaver contra esse problema não seria diferente.

A recomendação é escovar os dentes com cremes dentais pouco abrasivos por pelo menos 3 vezes ao dia. Utilizar o fio dental uma vez por dia pode ajudar a eliminar a placa na margem gengival e entre os dentes,  ajudando a reduzir a instância de sensibilidade dentária.

Outra sugestão é realizar uma dieta de alimentos e bebidas baixos em ácidos. Quando a dentina está exposta, alimentos dessa natureza causam alta sensibilidade.

Juliana Peres

Juliana Peres

Graduada em Odontologia pela Universidade Cidade de São Paulo. Pós-graduada em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial pelo programa de residência profissional do Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos. Conhecimento na área de cirurgia oral menor e maior. Residente em cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial no Complexo Hospitalar Padre Bento durante 3 anos e responsável pelo atendimento de pacientes na área de clínico geral, cirurgias orais e harmonização orofacial em diferentes clínicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2018

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.