Chupar o dedo tem efeito negativo na saúde bucal do bebê

Share on facebook
Compartilhe
Share on twitter
Tweet Isso
Share on linkedin
Compartilhe

O hábito, que é tão comum em crianças, pode ocasionar problemas no alinhamento dos dentes

Crianças e bebês possuem alguns hábitos próprios. Entre engatinhar, chorar quando sentem fome ou chupar o dedo, esses movimentos são essenciais para que os pequenos aprendam a lidar com o mundo.

Não é difícil encontrar casos onde, no próprio ultrassom durante a gravidez, a criança já apareça com os dedos próximo aos lábios. O fato é que chupar o dedo durante os primeiros meses de vida é natural.

Chupar o dedo é uma prática involuntária dos bebês. Essa atividade aparece como um reflexo instintivo para a amamentação, servindo como uma espécie de preparo. Porém, caso dure além do primeiro ano de vida, pode ocasionar problemas para a saúde bucal.

O movimento de sucção, imitado pelo ato de chupar o dedo, nem sempre é prejudicial. Em um primeiro momento, também ajuda a fortalecer a musculatura da região da boca. O problema é quando a criança não larga o hábito.

Riscos de chupar o dedo

Mesmo após os primeiros quatro meses de vida, não é raro que o costume de chupar os dedos continue. A atitude pode gerar prazer ou sensação de acolhimento para o pequeno.

Porém, o hábito de manter o dedo na boca representa um grande risco para o crescimento e desenvolvimento dos dentes do bebê.

Isso porque a intensidade da sucção e os movimentos da língua interferem no posicionamento dos dentes que estão em processo de erupção.

Assim, esses dentes correm o risco de crescerem tortos e necessitarem de correção através do uso de aparelhos ortodônticos no futuro.

Até em casos de adultos que chupam os dedos, é possível que haja alteração na arcada dentária advinda do hábito. A criança que chupa o dedo pode, inclusive, apresentar problemas de má oclusão ou má formação dos ossos da face.

Esses fatores geram dificuldades de fala, respiração, mastigação e deglutição.

Como parar?

Ao identificar que seus filhos apresentam o hábito de sugar os dedos, muitos pais podem se perguntar como tirar o dedo da boca do bebê.

Em geral, o hábito cessa com o crescimento da criança, a partir do momento em que ela passa a ingerir e mastigar alimentos mais sólidos.

Porém, quando a sucção do dedo acontece com muita força, algumas técnicas podem ajudar a solucionar o problema:

  • Chupeta

A substituição pela chupeta é indicada pois, o acessório é mais anatomicamente adequado à boca do bebê. Mesmo assim, não é recomendado o uso excessivo porque também pode influenciar na arcada dentária do bebê.

  • Amamentação

Como o ato de colocar o dedo na boca é um reflexo para o processo de amamentação, é recomendável que se mantenha uma boa rotina da prática.

  • Dê carinho

Por vezes, o que gera esse hábito é a sensação de aconchego. Desse modo, dar carinho e atenção pode ajudar a fazer com que crianças ansiosas parem de chupar o dedo.

  • Substituição por objetos

É bom que a mão da criança que chupa o dedo esteja sempre ocupada. Além disso, é recomendável que sejam incentivadas as atividades manuais.

Ajuda profissional

Caso o hábito de chupar o dedo não seja interrompido, os responsáveis podem procurar a ajuda de um psicólogo ou um pediatra. Além disso, um ortodontista pode agir na correção de possíveis danos à arcada dentária.

Yara Barreto

Yara Barreto

Formada em Odontologia pela Universidade de São Paulo (2008). Aluna de iniciação científica Pibic/Unicid da Universidade de São Paulo. Em 2009, concluiu estágio clínico em Ortodontia no Instituto Vellini, e em 2010, curso de planejamento Ortodôntico na Universidade Metodista. Concluiu em 2014 sua especialização em ortodontia e atua com ortodontia digital. Dentista na Odontoclinic e responsável técnica da OdontoImage.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a Simpatio

Somos dedicados em criar conteúdo de qualidade e informativo. Nossa missão é informar pacientes, dentistas e clínicas provendo conteúdos altamente relevantes sobre odontologia e saúde bucal gratuitamente.

Agende uma consulta

Precisando de algum tipo de ajuda ou apoio relacionado a sua saúde ou estética bucal? Clique no botão abaixo!

Postagens Recentes

Receba Nossos Conteúdos

Preencha seu e-mail acima e receba conteúdos exclusivos gratuitamente!

© All rights reserved

Simpatio 2020

As informações contidas neste site têm como objetivo único informar. A Simpatio tem o compromisso de estimular, e nunca substituir, as relações entre dentistas e pacientes. Sempre deixamos isso muito claro nos textos e na comunicação com nossos leitores. É fundamental que o paciente, ao notar qualquer alteração em sua saúde bucal, consulte seu dentista de confiança. Cada indivíduo requer um tratamento personalizado.